Início » Aplicativos e Software » Como criar um pendrive bootável com uma distro do Linux

Como criar um pendrive bootável com uma distro do Linux

Criar um pendrive bootável de uma distro Linux é a melhor maneira de testar um novo sistema operacional sem ter que formatar o PC

Diego Melo Por

Criar um pendrive bootável com uma distro do Linux pode ser útil para quem deseja instalar uma nova distribuição, quer testar o sistema operacional sem ter que formatar o computador, ou precisa recuperar instalações do Windows com problemas. Veja como criar um pendrive de boot do Linux no Windows e no macOS.

Image by Rudy and Peter Skitterians from Pixabay

Como criar um pendrive bootável com uma distro do Linux

Primeiro, você precisará de um pendrive com pelo menos 2GB de espaço (ou mais, dependendo da distro). Depois, baixe o arquivo .ISO da distribuição que deseja instalar.

Criando um pendrive bootável do Linux no Windows

No Windows, a maneira mais prática é utilizando um software específico para isso. Há várias opções disponíveis, porém neste TB Responde será utilizado o Rufus. Ele é gratuito e não requer instalação.

  1. Baixe o Rufus (a versão portátil não precisa ser instalada);
  2. Conecte o pendrive ao PC e abra o programa;
  3. Em “Dispositivo”, certifique-se de que o pendrive está selecionado. Lembre-se de que todo o seu conteúdo será apagado;
  4. Em “Seleção de boot”, clique no botão “Selecionar” e escolha o arquivo .ISO da distribuição Linux que será instalada;
  5. Para um pendrive de boot padrão, você não precisa alterar as outras opções. Se preferir, pode dar um nome diferente ao pendrive em “Nome do volume”;
  6. Clique em “Iniciar”; Como criar pendrive bootável Linux / Diego Melo / Reprodução
  7. Caso seja exibida uma janela sobre a versão dos arquivos Syslinux, clique em “Sim”;
  8. Na próxima tela, deixe selecionada a opção “Gravar no modo Imagem ISO (Recomendado)” e clique em OK;
  9. Confirme a formatação do pendrive clicando em “OK”;
  10. Aguarde pelo término do processo e, ao final, você terá um pendrive bootável Linux pronto para ser utilizado.

Criando um pendrive bootável do Linux no macOS

No macOS, também há várias opções de programas para criação de pendrive bootável. O que tem a interface mais “amigável”, apesar de exigir um download um pouco maior, é o balenaEtcher. Ele é gratuito e também possui versões para Windows e Linux.

  1. Baixe o balenaEtcher;
  2. Abra o arquivo .dmg e arraste o programa para a pasta de Aplicativos;
  3. Abra o balenaEtcher (talvez você precise confirmar a execução do programa fornecendo a senha de administrador);
  4. Clique em “Flash from file” e escolha o arquivo .ISO da distribuição Linux;
  5. Clique em “Select target” e certifique-se de escolher o pendrive. Todo o seu conteúdo será apagado;
  6. Clique em “Flash!”, confirme com a senha de administrador (se solicitada), e aguarde o término do processo.

Como criar pendrive bootável Linux / Diego Melo / Reprodução

Com o pendrive bootável criado, siga estas instruções para dar boot no computador por ele e poder utilizar a distribuição Linux escolhida.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Pika das Galaxias (@PikaDasGalaxias)

Só digo uma coisa, ventoy tem versões linux e windows, vc formata o seu pendriver por ele e depois só jogar a ISO que quiser com o nome sem espaços, se quiser colocar mais de uma iso(para multiboot) pode ir tranquilo, nem precisa se preocupar com mbr ou gpt, não vou colocar o link pq não sei se pode mas é só pesquisar ventoy no google.

Eu (@Keaton)

Se não for virus, nem propaganda, e for ajudar os outros… não vejo por que não.

Só queria que a desgraça do Zorin funcionasse aqui. To a um dia inteiro zerando pendrive pq ele não boota em dois PCs diferentes… >_>

imhotep (@imhotep)

Acho mais fácil criar uma VM, mas testar com o pendrive ajuda tb, especialmente na performance do sistema.

Eu uso o LinuxLive USB Creator.

Eu (@Keaton)

Ele funciona com qualquer distro? Tava procurando um que fizesse o Zorin bootar no meu FX-6300, mas não boota. D:

² (@centauro)

USB bootável é útil pra salvar o sistema quando o Windows buga também.
Sempre tenho um pendrive bootável por perto pra isso.

imhotep (@imhotep)

Nunca testei com o Zorin, mas provável que funcione se a distribuição tiver alguma opção live CD.

Eu (@Keaton)

O Zorin boota, mas não termina de bootar aqui. :\

imhotep (@imhotep)

Eu sou cheio de pendrive com distro aqui.
Mas acabo usando apenas o de reparação do Windows (na verdade nunca usei) ou o de restauração de imagem, que faço ou com o Macrium Reflect ou com o Clonezilla.