Início » Computador » Tecnocast 169 – Velozes e Silenciosos

Tecnocast 169 – Velozes e Silenciosos

Thiago Mobilon Por

Eles estão entre nós! A Apple finalmente apresentou os primeiros modelos de Macs equipados com chips Apple Silicon – MacBook Air, MacBook Pro e um Mac Mini receberão o M1, o primeiro SoC da empresa, desenhado especificamente para computadores.

Tecnocast 169 – Velozes e Silenciosos (Imagem: Leandro Massai/Tecnoblog)

Tecnocast 169 – Velozes e Silenciosos (Imagem: Leandro Massai/Tecnoblog)

As nossas expectativas para esse lançamento não eram baixas. Será que o chip entrega tudo o que foi prometido? Dá o play e vem com a gente.

Participantes

Oferecimento: Porto Seguro Auto

Este Tecnocast é um oferecimento do Porto Seguro Auto! E com isso trazemos uma informação interessante, você sabia que só 30% da frota circulante no Brasil tem seguro? Eu achei esse número baixíssimo. Muita gente sabe que precisa do seguro para proteger o patrimônio, mas algumas pessoas ainda pensam que o preço é muito alto e acabam ficando desprotegidas.

E para não ficar mais preocupado com os imprevistos do dia a dia, o Porto Seguro Auto facilitou muito a contratação. Para começar, você pode parcelar o seguro em 12 vezes sem juros no Cartão de Crédito Porto Seguro. E agora tem ainda o seguro auto integrado no financiamento: dá para embutir o valor do seguro no financiamento do veículo em até 48 vezes!

Com o Porto Seguro Auto, você fica mais tranquilo e tem suporte sempre que precisar e em qualquer lugar: se acontecer qualquer coisa, você pode chamar a Porto do jeito que preferir, pelo WhatsApp, portal do cliente, ou pelo aplicativo Porto Seguro Auto.

Para saber mais, acessa o site portoseguro.com.br/auto ou fale com o seu corretor.

WhatsApp do Porto Seguro Auto: +55 11 3003-9303

Assine o Tecnocast

Créditos

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@Banana_Phone

Meu notebook não estava nada silencioso, é um Dell 15R de 2014 e o cooler estava fazendo muito barulho, decidi trocar e agora não ouço quase nenhum ruído. Eu deveria ter trocado logo, é uma peça tão barata.

@Banana_Phone

Será que com o Mac OS sendo todo renderizado em ARM e em processador próprio, os hackintoshs tendem a acabar?
Com certeza é algo que ainda vai demorar, essa migração de X86 para ARM ainda tem muito chão pela frente, mas é possível que o hackintosh venha a ficar mais difícil e inviável.

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

Sempre vai ter alguém para dar um jeito de fazer acontecer. Se vai ser satisfatório e usável, difícil dizer. De qualquer forma, intel será suportada por décadas a fio. Ainda temos Macs de 2013 sendo atualizados, até chegar ao fim os recém lançados em 2020, tem estrada.

Filipe Espósito (@filipeesposito)

Como disse o colega, acredito que ainda não vai acabar justamente porque os Macs Intel continuam sendo suportados, então pelo menos por mais uns 5 anos a Apple ainda vai oferecer versões x86 do macOS. Porém, no futuro, talvez fique mais complicado mesmo. Até hoje a gente nunca viu alguém rodar iOS em outro dispositivo, e acredito que acontecerá algo assim no Mac também.

² (@centauro)

Pois é.
E considerando que agora a Apple está produzindo tanto o processador quanto o SO, vai ser muito mais fácil colocar algum tipo de trava pra impedir que o MacOS inicie em outro hardware.
E se bem implementada, pode inviabilizar um hackintosh.

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

Vai ser interessante acompanhar. Prefiro usar a máquina original, mas acho interessante acompanhar todo processo de tentativa e erro. Não sei como se desdobrará, a própria Apple ja disse que o Mac continua o Mac, agora o que isso representa, é bem vago.

Filipe Espósito (@filipeesposito)

Acho que falam isso mais pela questão de funcionalidade. O que permite a existência do Hackintosh é não apenas o processador x86, como também o hardware de terceiros. Os Macs usam GPUs da Intel/AMD/Nvidia, além de RAM, placa de rede e outros componentes de terceiros que também podem ser encontrados em PCs.

No dia em que o macOS suportar apenas o Apple Silicon, isso também implica em suportar apenas a CPU, GPU, memória e outros componentes projetados pela Apple que não existem em nenhum outro lugar. Um exemplo é que os Macs com M1 não aceitam mais eGPUs Thunderbolt.

Além disso, o macOS Big Sur (e os Macs com M1) têm mais restrições relacionadas a instalação de kexts modificados no sistema. Tudo isso vai dificultar bastante o processo a partir de agora (pode não ser impossível, mas…).