Início » Celular » Samsung Galaxy S20 Ultra ou S21 Ultra; qual a diferença?

Samsung Galaxy S20 Ultra ou S21 Ultra; qual a diferença?

Comparativo detalha especificações e recursos do Galaxy S20 Ultra e S21 Ultra; descubra o que muda em câmera, desempenho e design

Ana MarquesPor

A Samsung anunciou o lançamento do Galaxy S21 Ultra, sucessor do Galaxy S20 Ultra, em janeiro de 2021, de forma antecipada ao cronograma tradicional. O celular mais recente traz visual renovado, melhorias na tela, câmera com zoom óptico de 10x e a tão esperada compatibilidade com a S Pen (ainda que com alguns “poréns”). Se você está na dúvida sobre qual smartphone comprar – ou quer apenas entender o que muda entre as gerações – acompanhe o comparativo de ficha técnica que montamos a seguir.

Galaxy S20 Ultra ou Galaxy S21 Ultra

Galaxy S21 Ultra e Galaxy S20 Ultra (Imagem: Vitor Pádua)

Galaxy S21 Ultra tem design mais elegante

Em 2020, a linha Galaxy S não se destacou tanto em design. Com cores sólidas e sem muitos detalhes empolgantes no acabamento, o Galaxy S20 Ultra foi uma quebra de expectativas em relação ao que vimos com os modelos da família Galaxy S10.

Felizmente, em 2021, temos novamente uma razão para dizer: “wow!”. A Samsung já havia acertado com o visual da linha Note, no final do último ano, e agora traz o Galaxy S21 Ultra com maior sofisticação. O conjunto de câmeras fica em uma moldura vazada, e a parte traseira tem revestimento fosco – sóbrio e elegante.

Galaxy S21 Ultra (imagem: divulgação/Samsung)

Galaxy S21 Ultra nas cores preto e prata (imagem: divulgação/Samsung)

E por falar em revestimento, o vidro utilizado está mais resistente a riscos e arranhões acidentais. Trata-se do Gorilla Glass Victus, que promete proteção contra quedas de até 2 metros. Já as especificações de resistência à água e poeira da geração passada é mantida (IP68).

Passando para as dimensões, o smartphone mais novo é ligeiramente menor, ainda que mantenha basicamente a mesma espessura. Para quem já não achava o Galaxy S20 Ultra leve, a má notícia é que a geração mais recente pesa ainda mais.

Samsung Galaxy S20 Ultra

Galaxy S20 Ultra (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Galaxy S20 UltraGalaxy S21 Ultra
Dimensões166,9 x 76 x 8,8 mm165,1 x 75,6 x 8,9 mm
Peso220 gramas228 gramas
CoresCosmic Black (preto)Phantom Black (preto) e Phantom Silver (prata)

Tela mais econômica e com melhorias em brilho

A tela do Galaxy S21 Ultra sofreu uma pequena redução em tamanho (praticamente imperceptível), passando de 6,9 para 6,8 polegadas, e mantém o padrão de alto nível conservado nos últimos modelos da linha. Mas há melhorias significativas em brilho.

Segundo a fabricante, o display oferece pico de 1.500 nits, 25% a mais do que o Galaxy S20 Ultra. A diferença foi notada durante os testes práticos do Tecnoblog. Essa característica contribui para contrastes ainda melhores na tela Dynamic AMOLED do S21 Ultra.

Samsung Galaxy S21 Ultra (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Samsung Galaxy S21 Ultra (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Outra mudança bem-vinda é a taxa de atualização variável. O Galaxy S20 Ultra já contava com tela de 120 Hz, porém de forma contínua, o que drenava a bateria do smartphone rapidamente, caso o usuário optasse por manter a configuração ativa.

Com o novo recurso, já presente no Galaxy Note 20 Ultra, o display varia entre 10 Hz e 120 Hz para poupar energia quando o conteúdo exibido for estático e entregar maior fluidez em jogos ou outras situações pertinentes.

E para quem quer o melhor dos cenários em termos gráficos, o Galaxy S21 Ultra agora suporta 120 Hz em resolução máxima, isto é, em Quad HD+ (3200 × 1440 pixels). Cabe ressaltar que a versão Ultra é a única que mantém as bordas ligeiramente curvadas – o S21 e o S21+ aderiram à tela plana.

Desempenho e bateria

O Galaxy S21 Ultra brasileiro usa processador Exynos, assim como o S20 Ultra. Desta vez, falamos do Exynos 2100 (5 nm), modelo octa-core com GPU Mali-G78 MP14. Trata-se de um chip que deve pouco ao Snapdragon 888 usado na versão norte-americana, especialmente para usuários comuns (que não estão interessados apenas em números de testes de benchmark).

Este processador é fabricado em processo de 5 nanômetros (contra 7 nm do Exynos 990 presente no modelo antecessor), e entrega maior eficiência energética – além de melhor desempenho. É até difícil comparar este último ponto na prática, tendo em vista que o S20 Ultra já apresentava altíssima performance.

Em termos de armazenamento e memória RAM, ficamos assim:

Galaxy S20 UltraGalaxy S21 Ultra
Armazenamento
  • 128 GB
  • 512 GB
  • Entrada para microSD de até 1 TB
  • 256 GB
  • 512 GB
  • Sem entrada para microSD
Memória RAM
  • 12 GB
  • 16 GB
  • 12 GB
  • 16 GB

Um ponto negativo do S21 Ultra notado nos testes do Tecnoblog é que o celular pode esquentar demais, algo não notado no S20 Ultra. Por outro lado, mesmo mantendo a capacidade de 5.000 mAh, a bateria tem excelente autonomia – você pode conferir os números em nosso review.

Não podemos falar sobre bateria sem entrar na polêmica dos últimos meses: a falta de carregador. O Galaxy S20 Ultra, lançado no início de 2020, ainda escapou da nova moda, mas, assim como a Apple, a Samsung também resolveu retirar o acessório da caixa do S21 Ultra para, segundo a marca, contribuir com a preservação ambiental. A atitude chamou a atenção do Procon-SP, que investiga a conduta da empresa para saber se a ação corresponde à venda casada.

Câmeras: zoom óptico melhor no Galaxy S21 Ultra

Vamos lá, esqueça os números exagerados de 108 MP e zoom de 100x.

Esqueceu?

Ainda assim, as câmeras da linha Galaxy S são espetaculares em ambas as gerações. O Galaxy S20 Ultra já tinha recebido nota máxima em nosso review, e seu sucessor veio trazer ainda mais fôlego ao zoom óptico (que aproxima a imagem sem grande perda de qualidade).

Com duas lentes teleobjetivas, uma de 3x e outra de 10x, o Galaxy S21 Ultra te leva ainda mais longe na hora de fotografar e explorar cenários antes impensáveis, tudo isso com ótimo alcance dinâmico. E esses são os grandes destaques no quesito foto em comparação ao antecessor – o que dificilmente vai ser motivo o suficiente para fazer um dono de S20 Ultra querer pagar para migrar para a geração mais recente, mas certamente vai agradar aos amantes de zoom.

Em selfies, continuamos com sensor de 40 MP que, com pixel binning, faz excelentes imagens de 10 megapixels. Nos dois casos, o modo retrato não é tão preciso como o da câmera traseira, já que a frontal usa apenas processamento de software – mas isso é apenas um detalhe que não deve incomodar demais.

Nos vídeos, não há grandes novidades: mantém-se a resolução máxima de 8K a 24 fps. Um recurso bacana que chegou com o S21 Ultra é o modo Visão do Diretor, que utiliza a câmera frontal e a traseira ao mesmo tempo durante a filmagem, e ainda permite alternar entre três lentes na traseira.

Galaxy S20 UltraGalaxy S21 Ultra
Câmera traseira
  • 108 MP (f/1,8), OIS
  • 48 MP (f/3,5), teleobjetiva, OIS, zoom óptico híbrido de 10x
  • 12 MP (f/2,2), ultrawide
  • Sensor de profundidade de 0,3 megapixel (f/1,0)
  • 108 MP, (f/1,8), OIS
  • 12 MP (f/2,2), ultrawide
  • 10 MP (f/2,4), teleobjetiva, OIS
  • 10 MP (f/4,9), teleobjetiva, OIS
Câmera frontal40 MP (f/2,2)40 MP (f/2,2)
Vídeos (principal)
  • 8K @ 24 fps
  • 4K @ 30 fps ou 60 fps
  • 8K @ 24 fps
  • 4K @ 30 fps ou 60 fps
Vídeos (Selfie)4K @ 30 fps ou 60 fps4K @ 30 fps ou 60 fps

S Pen, 5G e ultra wideband (UWB)

Vamos ao que é restrito ao modelo mais novo, o Galaxy S21 Ultra. O smartphone é o primeiro da linha a contar com suporte à S Pen – mas a integração poderia ser melhor.

Em primeiro lugar, não há nenhum compartimento integrado ao celular para guardar a caneta, e você terá que comprá-la separadamente caso realmente esteja interessado. Além disso, a S Pen para S21 Ultra não tem os recursos de Bluetooth dos modelos mais recentes de Galaxy Note. Na prática, você não poderá usar o acessório para pausar músicas ou tirar fotos à distância.

A Samsung promete uma S Pen Pro com Bluetooth ainda este ano – vamos ter que aguardar para ver o que ela pode proporcionar.

Galaxy S21 Ultra e S Pen (Imagem: Divulgação/Samsung)

Galaxy S21 Ultra e S Pen (Imagem: Divulgação/Samsung)

Outra vantagem do S21 Ultra é o 5G (os modelos brasileiros de Galaxy S20 Ultra não eram compatíveis). A tecnologia ainda é muito incipiente no Brasil, mas para quem pretende usar o celular por alguns bons anos, não deixa de ser trunfo – e rivaliza com a linha iPhone 12, da Apple, que também já está preparada para a chegada da quinta geração de redes móveis.

Por fim, o Galaxy S21 Ultra traz ainda um chip ultra wideband (UWB) que permite utilizar o Galaxy SmartTag+ e outros produtos semelhantes para encontrar itens perdidos.

Preço e custo-benefício: qual celular escolher?

Bom, ninguém espera preços baixos aqui, certo? O Galaxy S21 Ultra entrou em pré-venda no Brasil por a partir de R$ 9.499 (256 GB) e pode chegar a R$ 10.499 (512 GB), enquanto o Galaxy S20 Ultra já pode ser encontrado no varejo por cerca de R$ 7 mil.

Portanto, vamos falar sobre escolhas entre recursos e ponderar alguns cenários.

Se você já tem um Galaxy S20 Ultra: a menos que você esteja com dinheiro de sobra e tenha se apaixonado pelo design do Galaxy S21 Ultra, não vejo muitos motivos para migrar agora. O modelo mais recente traz recursos interessantes, mas nada que faça tanta diferença no momento para a maioria dos usuários.

Se você usa um Galaxy Note recente: continue com seu smartphone, por enquanto. Apesar de contar com integração com a S Pen, ela ainda é muito limitada. Vale aguardar para saber o que a Samsung pretende aprontar nos próximos capítulos.

Se você tem quer fazer o upgrade partindo de outro celular antigo: o Galaxy S21 Ultra é um excelente smartphone e traz tudo o que um topo de linha deve ter, especialmente para apaixonados por fotografia e para quem busca altíssimo desempenho para tarefas pesadas em um telefone com Android. Além disso, ele está mais preparado para o futuro com suporte a 5G. Cabe no seu orçamento? Então, vá em frente!

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
2 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Daniel Plácido (@Daniel_Placido)

A 2 anos comprei meu S8+ usado que até então estou completamente satisfeito, talvez daqui uns 6 anos eu chegue no S21, pois pagar uma quantia dessas em um celular realmente não entra na minha cabeça.

Daniel Plácido (@Daniel_Placido)

Respondendo a mim mesmo, a anos que eu não tinha telefone da Samsung e com o S8 me apaixonei, certamente meu próximo será da linha S talvez um S10 usado, o Samsung Pay é simplesmente fantástico, tenho praticamente todos meus cartões de débito e crédito nele (débito Itaú, débito Caixa, débito/crédito Inter PF e PJ e crédito Credicard), só faltou o NuBank pra eu ter toda minha carteira no smartphone, outros aparelhos com Google Pay não chegam nem perto pois somente a Samsung tem pagamento por MST, o que é aceito em praticamente 100% das maquinetas.

A Pasta Segura é uma característica que pra mim se destaca e nunca ví nenhum app ou outro smart com algo similar (coisa que no S9 andou pra trás), configurando uma impressão digital dedicada, ao desbloquear o telefone com este dedo ele já abre direto a pasta segura onde posso ter apps e arquivos que ficam totalmente seguros, no S9 ví muita gente no Redit reclamando que retiraram esta opção.