PROCON-SP

Artigos de PROCON-SP

Peixe Urbano é notificado pelo Procon-SP; site saiu do ar e CEO sumiu

às 14h01 por

O Peixe Urbano, site de cupons de desconto, foi notificado pelo Procon-SP na última sexta-feira (7) para saber o telefone e e-mail do responsável pela empresa. As reclamações vêm se acumulando desde janeiro: o serviço saiu do ar, os clientes perderam acesso para resgatar as ofertas, os estabelecimentos parceiros não receberam os repasses e o CEO desapareceu. Cashback: a febre do “dinheiro de volta

Procon-SP questiona Facebook por política de privacidade no WhatsApp

às 18h21 por

Após convocar o Facebook para discutir questões sobre a política de privacidade do WhatsApp, o Procon-SP divulgou, nesta sexta-feira (23), que precisará de mais informações além das obtidas na reunião que aconteceu na última quinta-feira com representantes da empresa. De acordo com a fundação, ainda há algumas questões em aberto e a entidade irá notificar novamente o Facebook para explicá-las melhor.

LG responde ao Procon-SP, que exige plano para proteger consumidores

às 15h19 por

Na semana passada, o Procon-SP notificou a LG depois que a fabricante anunciou que vai deixar de vender celulares no mundo todo. Agora, nesta quinta-feira (15), o órgão de defesa do consumidor anunciou que recebeu uma resposta da empresa. Mas as explicações dadas pela marca sul-coreana foram consideradas como insatisfatórias. LG Série K ou

Procon-SP quer discutir política de privacidade do WhatsApp com o Facebook

às 18h12 por

O Procon-SP notificou o Facebook na última quinta-feira (08) para uma reunião no dia 22 de abril. A fundação pretende discutir pontos críticos sobre a atualização da política de privacidade do WhatsApp, anunciada em janeiro, que prevê o compartilhamento de dados de usuários com empresas parceiras. O WhatsApp compartilha dados com

LG é notificada pelo Procon-SP para explicar fim da divisão mobile

às 21h40 por

A LG foi notificada pelo Procon-SP e deverá explicar a sua saída do mercado de celulares, anunciada nesta segunda-feira (05). A empresa deverá informar sobre quais são os planos para continuar fornecendo assistência aos smartphones já lançados no Brasil, bem como fornecer uma estimativa do tempo de vida útil dos modelos lançados nos últimos três anos.

Apple é multada em R$ 10 milhões; iPhone sem carregador é um dos motivos

às 21h27 por

O Procon-SP anunciou, nesta sexta-feira (19), que multou a Apple em R$ 10 milhões por desrespeitar diversos pontos do Código de Defesa do Consumidor (CDC). A entidade acusa a marca de praticar publicidade enganosa (em relação à resistência à água do iPhone 11 Pro), vender iPhones sem carregador e impor cláusulas abusivas aos seus clientes. Após acordo com Samsung, Procon-SP quer obrigar coleta de lixo eletrôn

WhatsApp e SMS entram para lista de bloqueio “não perturbe” do Procon-SP

às 18h03 por

Uma nova lei em vigor no estado de São Paulo desde a última sexta-feira (11) proíbe que empresas entrem em contato com consumidores via SMS e WhatsApp para fins de telemarketing. A medida vale para quem tem o número cadastrado na lista Não Me Ligue, mantida pelo Procon-SP. Procon-SP ameaça multar Apple em R$ 10 milhões por iPhone sem carregador Como bloquear

Cliente pode pedir reembolso se precisar retirar encomenda nos Correios

às 21h48 por

Apesar da presença nacional, os Correios não entregam encomendas na casa de todos. Em alguns casos, como os de áreas de risco, a empresa vai até a agência e o consumidor deve retirar o pacote pessoalmente. Caso a restrição não seja informada no momento da compra, o cliente pode solicitar reembolso do valor do frete. Projeto de privatização dos Correios coloca Anatel como agência reguladora

Procon-SP ameaça multar Apple em R$ 10 milhões por iPhone sem carregador

às 15h26 por

No final do ano passado, o Procon-SP deu a entender que iria exigir carregadores de graça para quem comprasse um iPhone sem o acessório na caixa. Na verdade o órgão não pode exigir isso da Apple, apenas pedir - e ela se recusou. O caso está em análise e, se for constatada violação aos direitos do consumidor, a empresa pode ser multada em até R$ 10 milhões. Apple estaria evitando iPhones com USB-C para nã

Serasa terá que explicar ao Procon por que pedia senha bancária a usuários

às 20h40 por

O Procon-SP notificou a Serasa nesta segunda-feira (1), cobrando explicações sobre a solicitação de senha do internet banking aos usuários. O pedido era feito a quem optasse por participar de uma pesquisa online oferecida dentro da “área do cliente”, no site da empresa. O órgão de proteção ao consumidor quer entender os motivos para a coleta desses dados, bem como a forma de tratamento aplicada às informações. O que fazer em c

Carregar mais posts