O Notebook Série 9 da Samsung é um computador portátil que compete em um mercado bem específico: o de notebooks de luxo, o mesmo em que pode-se encaixar um MacBook Air por exemplo. E sim, concordo que um país em desenvolvimento como o Brasil não é exatamente o melhor mercado para esse notebook, mas nada impede a Samsung de tentar.

Os componentes são decentes. Ele conta com Intel Core i3 ou i5 de segunda geração (Sandy Bridge), tela LED de 11,6 ou 13,3 polegadas com resolução de 1.366×768 pixels, 2 a 4 GB de memória RAM, 128 ou 256 GB de armazenamento em um disco de SSD e uma bateria de seis células com 7 horas de duração.

Uma das coisas que achei interessante sobre esse notebook é que o seu publico-alvo parece pessoas que praticam paraquedismo. A empresa focou tanto no fato do seu design ser aerodinâmico e do seu exterior ser feito de um material chamado duralumínio, usado principalmente na fabricação de aviões, que achei que ele seria ideal para ser usado durante uma queda livre. Ou talvez ele voe mas eu não tenha apertado os botões certos para ativar as turbinas.

Ainda sobre o design, posso chutar que esse foi o em mãos mais perigoso que já fiz: seu desenho com bordas afiadas pode fazer dele um ótimo (e extremamente caro) cortador de bolo. Não cheguei a me cortar, mas fiquei com receio que em algum ponto no manuseamento dele isso aconteceria, principalmente pelo meu alto fator de desastrabilidade.

A estimativa do preço fica mesmo a cargo da sua imaginação: a empresa não liberou por quanto ou quando ele estará disponível no Brasil. Lá fora, no entanto, ele está sendo vendido por US$ 1.199 ou US$ 1.599, dependendo da versão.

Nota | O Tecnoblog viajou para o Samsung Fórum, no Chile, a convite da Samsung e sobreviveu a dois pequenos terremotos até agora.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@imaginarymac
cara olha o macbook air ai 11" , melhor notebook portatil do momento ;s não tem nada de básico nele o problema são os 3k que voce vai ter que tirar do bolso ;s
Ramon Melo
Correção ali: "pareceu-me bem feito". Não sei como um macfag não apareceu para me xingar ainda! rsrs
Ramon Melo
Alienware M11x com i5 >> R$3300 (nos EUA, US$1000) Macbook Air com Core 2 Duo >> R$3000 (nos EUA, US$1000) TimelineX com i5 >> R$2000 no MercadoLivre (nos EUA, US$700) Você não precisa nem juntar mais. Comprando um destes aí, você vai economizar pelo menos uns 200 dólares! Esse vai ser o problema da Samsung: os concorrentes oferecem boas opções a preços bem mais competitivos. Não sei se nos EUA, isso faz tanta diferença assim, mas, por aqui, essa diferença vai se multiplicar infinitamente e matar a competitividade dele.
Caio Furtado
Dois terremotos... Pois é o Rafa tem 7 vidas... ONTOPIC: Realmente, vai ser o único concorrente decente do MacBook Air no Brasil. Assim como o Galaxy S é o único concorrente decente do iPhone 4 aqui. GO SAMSUNG!
Jairo
“O sistema capitalista é baseado em uma necessidade crescente de aumento da produção. Em todas as áreas, os fabricantes são compelidos a produzir e vender mais. A partir do momento em que todos já tem o produto, o desafio passa a ser vender o mesmo produto várias vezes para cada consumidor.”
@brunogdb
Parece com o MacBook? Onde? Eu não vi nada parecido. Para mim o design é lindo e não tem nada haver com o Mac =(
@brunogdb
E tem que se preparar para o impacto do preço que vai ter aqui...
@brunogdb
Assim eu junto mais e pego um Mac ou Alienware :(
Ricardo Russo
O teclado parece uma cópia dos MacBooks, como são os do Sony Vaio. Em certo ponto é legal pois padroniza um pouco, assim o pessoal não precisa ficar quebrando a cabeça de máquina em máquina....
Ramon Melo
O acabamento do Macbook Air pareceu-me bem feio. O laptop, como um todo, tinha uma construção bem robusta, apesar de ser ultrafino. A Samsung deve ter tido o mesmo cuidado, considerando que está cobrando bem mais.
@andradevini
Interessante... mas tem que chegar logo ao Brasil, só pra começar
Ramon Melo
Concordo, o Alienware M11x oferece bem mais potência, enquanto o MB Air, bem mais comodidade, por preços inferiores (nos EUA). Sem falar no Timeline X, que não faço ideia de quanto custa, mas provavelmente mais barato que esse aí, dado o histórico da fabricante.
Ramon Melo
Quando inventarem um tablet com teclado físico, Windows 7 e que rode o AutoCAD, voltamos a conversar.
@ThiagoCapuano
Pra mim não adianta querer isso, tenho que ter notebook executivo, que tenha resistência, o meu o que já caiu de tombo não tá escrito no gibi.
Alexandre
Faltou falar das dimensoes dele. A samsung diz que ele eh mais fino que o macbook air, confirma? É levinho tambem? (a versao de 11,1 polegadas)
Exibir mais comentários