Início » Telecomunicações » Como testar traffic shaping de provedor com torrents

Como testar traffic shaping de provedor com torrents

Saiba como testar traffic shaping de provedor com torrents e programas de trocas de pacotes no protocolo bittorrent

Avatar Por
TB Responde

Um dos maiores medos de um geek e sua conexão à internet é de que a operadora de banda larga contratada pratique traffic shaping. De uma maneira bem simples, podemos dizer que traffic shaping é um jeito que as empresas encontraram de economizar banda, diminuindo a velocidade com que certos pacotes são enviados e recebidos na sua rede. Essa é uma das causas da lentidão de downloads em torrents ou carregamento de vídeos em Flash.

Mas, nem todo mundo sabe como testar sua conexão contra esses procedimentos. Até que em 2009, o Google cedeu alguns servidores e ajudou a criar o chamado Measurement Lab, junto com outras três organizações. O site contém diversas ferramentas para testar a conexão à internet, mas como não quero escrever um post tão longo quanto uma tese de mestrado, resolvi me ater apenas ao teste que detecta traffic shaping do protocolo BitTorrent.

1. Abra o Glasnost test.

Ele usa um aplicativo em Java para tentar detectar se o seu provedor está deixando os pacotes mais lentos, dependendo do tipo de teste que você escolheu. Você pode testar se há traffic shaping nos protocolos de P2P mais conhecidos, como o eMule ou BitTorrent, e até mesmo em protocolos usados em servidores web e de e-mail, como SMTP, POP e HTTP. Escolha o seu e clique em Start testing.

2. O aplicativo java é carregado e a tela de contagem regressiva aparece.

Nesse ponto, é importante deixar de usar a conexão durante todos os 8 minutos do teste, para não interferir nos resultados. Vá tomar um café e deixe o teste rodando.

3. Receba o resultado e tome as devidas providências.

Se houver evidências de que seu provedor faz traffic shaping, a página vai mostrar alguns resultados em vermelho. No link para o resultado completo é possível ver especificamente quais portas estão mais lentas ou quais estão se comportando de maneira anormal.

A partir daí, se for detectado traffic shaping na conexão, você pode mudar algumas configurações para tentar passar a barreira imposta pelo seu provedor. São coisas como mudar a porta de conexão do protocolo BitTorrent ou ativar a criptografia de pacotes. Também há uma solução mais drástica: ligar para o provedor e cancelar o serviço. Mas aqui no Brasil esse costuma ser a opção mais difícil de ser feita com sucesso.

E quanto mais testes foram executados no Glasnost, mais dados podem ser angariados para estudos como esse. Dessa forma saberemos quais provedores brasileiros são mais amigáveis para o protocolo de BitTorrent e quais perseguem o protocolo.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Jazz Marcello

Seria esse desligamento por por livre e espontânea pressão?

Jimmy Oliveira
Mensagem da Glasnost: "A partir de Feburary 2017 Glasnost não está mais disponível. O Glasnost é baseado na tecnologia Java applet, que já não é suportada em navegadores modernos. Assim, depois de mais de 8 anos em operação, decidimos desligar o Glasnost."
ricardo.oliveira.carmo
Caras eu nunca havia acessado essa pagina, porem fiquei surpreso em ouvi o podecast, muito bacana é de ótima qualidade, organizado, profissional o audio no fundo musical não atrapalha as vozes da informação com noticias sérias, não sei a formação de vocês mas estão muito bom, enfim super recomendo. Sucesso, grande abraço. Ricardo Oliveira - Capital Visual | Sotaque Brasil Propaganda.
Josue Leite
shown de bola
Felipe Bezerra
Cara, nos testes que fiz nenhuma indicou o traffic shaping, porém é evidente que há alguma limitação na minha conexão que adquiri nesta terça-feira, eu estava utilizando outra empresa de internet com 4Mb e passei pra essa com 10Mb, o que logo de cara percebi por usar o itraffic monitor foi que meu upload pro youtube chegava e até passava de 400KB/s enquanto agora não passa de 200KB/s, não acredito que seja o youtube fazendo traffic só para essa empresa que contratei, então só pode ser alguma limitação do provedor, vale ressaltar que nos testes do Speedtest a bate em media 9Mbps no up o que convertendo daria em media 900KB/s.
natansantana1995
para quem esta sofrendo com traffic shaping eu uso o "SPOTFLUX" para burlar o servidor ai sim vc vai ver a diferença
Anderson
Vou testar!
Kelvin Arruda
O meu conseguiu tudo "verdinho" kkkkkkkk'
kornff
Cara Rafael cara você é de sampa né??? Cara você não sabe como você ajudou? Só foi executar esse teste e a porra da Operadora tirou o Firewall do Kad para o meu IP. Ele antes dava como REDE KAD: Status: Sob Firewall.... E não conseguia conectar a nenhum servidor.. eu literalmente abri as pernas da rede para poder conectar achando que o problema fosse aqui... Cara tem alguma coisa que podemos fazer para FUDER com a empresa de Telefonia ou Provedor? porque é um absurdo pagar essa porra e eles ainda limitarem nosso Download 4Mb, quando adquiri o Dreamule baixava a 415 kbp/s, estava baixando a 45 kbp/s sob firewall. Cara se ligar no 10315 aquele bando de atendente burro não vai saber nem do que se trata, a porra do Nivel II é um Analista que no máximo sabe dar um "ipconfig"... e o fudido mesmo nisso não vai liberar e me tratar como um leigo. Realmente queria o seu retorno, pois acho que esse assunto deve ser levado para frente em tudo quanto é lugar, porque a porra da Operadora simplesmente acha que você só deve pagar. FLWWWWWW!!! Cara
Forbidden_404
Pra fazer funcionar em Mac, você precisa ter o Windows :D
Luciano
Como faz funcionar em MAC? < Comédia essa pergunta, o aplicativo é em java e roda o teste direto do site rss Noobs
Toloko
Boa pergunta! :\
Guilherme
É tipo NET...
Turdin
Se o smartphone rodar java creio que sim
Leonardo Cezar
Tem como fazer o teste no Smartphone?
Exibir mais comentários