Início » Aplicativos e Software » Chrome dev fica mais seguro e Chrome beta mais rápido

Chrome dev fica mais seguro e Chrome beta mais rápido

Por
8 anos atrás

Essa semana o Google aproveitou para usar de cobaia a grande quantidade de usuários do Chrome, testando novas funcionalidades que podem ser implementadas na versão estável do navegador. E dessa vez foram duas atualizações numa só tacada: tanto a versão de desenvolvimento do Chrome quanto a versão beta receberam alguma coisa nova essa semana.

Google te dá os parabéns por ser corajoso e baixar uma versão instável

O Chrome dev teve diversas falhas de segurança corrigidas na última atualização, incluindo uma que mostrava erros de certificados para sites seguros especificamente no Mac OS X. Ele também passou a exibir uma caixa de diálogo antes de instalar uma extensão ou aplicativo da Chrome Web Store e também avisa quando uma página com certificado seguro tenta executar um script inseguro, além de bloquear sua execução. O Chrome dev também vem com uma nova versão da V8, a engine de JavaScript do Chrome.

Já o Chrome beta ganhou a impossível característica de ser ainda mais rápido do que seu anterior. Ao menos no que diz respeito a buscas do Google. Agora ele conta com o Instant Pages, que carrega a primeira página de uma busca na memória antes do usuário clicar para que assim que ela seja aberta, a página apenas apareça na tela num piscar de olhos. E por essa funcionalidade se tratar de um padrão web, outros buscadores podem torar proveito e implementá-la nas suas páginas de resultados também.


(Vídeo no YouTube)

Além disso, no Chrome beta agora também é possível visualizar a impressão de uma página antes de enviá-la para a impressão. Pode parecer algo trivial e que eu tenho certeza que vários leitores vão dizer que seu navegador preferido já tem, mas o Google nunca se atentou para esse aspecto, mesmo que essa seja uma funcionalidade requisitada desde 2008.

O Chrome dev está na versão 14.0.794.0 e pode ser baixado nesse link. O Chrome beta por sua vez está disponível nesse link e foi para a versão 13.. Ambas atualizações estão disponíveis para Windows, Mac e Linux e já foram instaladas automaticamente para quem escolheu usar alguma delas.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.