Arquivo Legislação

Apple estaria pressionando para gravadoras retirarem músicas do Spotify Free

Paulo Higa
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

O plano gratuito do Spotify está sofrendo mais um golpe: segundo as fontes do The Verge, a Apple estaria pressionando as grandes gravadoras para que não renovem seus contratos com o serviço. O objetivo? Diminuir a competição com o Beats Music, serviço de streaming de música comprado pela Apple há quase um ano que deverá ser relançado em breve.

De acordo com a publicação, o Departamento de Justiça dos Estados Unidos já está ciente da questão e chegou a entrevistar executivos de alto escalão das gravadoras. A remoção das músicas valeria apenas para o Spotify Free, plano responsável pela maior fatia dos usuários — dos 60 milhões de assinantes do serviço, apenas 15 milhões são pagantes.

Spotify - tablet

Mas o Spotify não seria o único afetado: a Apple também estaria conversando com a Universal Music para que a gravadora avalie a possibilidade de não permitir mais que suas músicas sejam publicadas no YouTube. Para compensar a perda de receita, a Apple pagaria à gravadora as taxas de licenciamento do YouTube.

A Apple não comentou o caso.

Se os rumores estiverem certos, a Apple deverá lançar um novo serviço de streaming de música baseado no Beats Music durante o verão americano (ou seja, até setembro). O 9to5Mac aponta que a novidade poderá aparecer no iOS 8.4. A conferência para desenvolvedores WWDC está marcada para o dia 8 de junho, então provavelmente teremos mais notícias até lá.

É bem curioso que essa notícia esteja chegando algumas semanas após o Financial Times informar que o Spotify está sendo pressionado pela Universal Music para limitar ainda mais as assinaturas gratuitas do serviço. Isso porque, embora os usuários pagantes sejam minoria, eles geram muito mais receita para as gravadoras.

Paulo Higa

Editor-executivo

Paulo Higa é jornalista, com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. Trabalha no Tecnoblog desde 2012, viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. É coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque