A espera chegou ao fim. E até que não durou tanto: dois meses depois de sua estreia no iOS, o Periscope, aplicativo para vídeos ao vivo pertencente ao Twitter, chegou ao Android. A disponibilização foi feita nesta terça-feira (26).

O Periscope para Android herdou praticamente todos os recursos que ajudaram a popularizar a versão para iOS. Além de fazer streaming em tempo real, você pode visualizar os materiais mais recentes de seus contatos, usar o Twitter para avisar seguidores de novos vídeos, mandar mensagens para interagir com quem está fazendo transmissão e por aí vai.

Se há semelhanças em aspectos funcionais, na interface, quanta diferença! O Periscope para Android segue os padrões estabelecidos pelo Material Design (saiba mais sobre o assunto no Tecnocast 012) e, consequentemente, dá acesso mais fácil a determinados recursos.

A versão para Android permite ainda que você continue assistindo a um vídeo de onde parou caso a sua conexão seja interrompida (para atender chamadas, por exemplo), oferece mais controle sobre notificações adicionais (como avisos sobre contatos que utilizam o Periscope pela primeira vez), entre outros recursos.

Os esforços de desenvolvimento, iniciados em março, foram liderados por Sara Haider, engenheira de software que já trabalhou em apps de serviços como Secret, Vine e o próprio Twitter. Como se vê, a espera valeu a pena: para os recursos que a ferramenta oferece, dois meses é um prazo bastante razoável.

Mas nem tudo é perfeito: o aplicativo exige APIs de vídeo que só estão disponíveis nas versões mais recentes da plataforma móvel do Google, logo, só é possível instalar o Periscope em dispositivos com Android 4.4 ou superior.

Para fazer download, basta acessar o Google Play. Sim, o app é digrátis.

Com informações: Engadget

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Em 2023, foi reconhecido no Prêmio Especialistas, em eletroeletrônicos. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Canal Exclusivo

Relacionados