Windows 7 vai custar R$ 72 para lan-houses

Thássius Veloso
Por

A Microsoft anuncia nessa terça-feira o lançamento de um novo programa que confirma os esforços da empresa para a democratização da informação. Em parceria com o CDI LAN, a gigante do software vai levar seus softwares originais para lan-houses de todo o país, e por um preço bastante em conta.

Por meio do Programa Microsoft Clube Digital, a Microsoft vai oferecer as versões mais recentes do Windows e do Office para proprietários de lan-houses por um valor bastante diferenciado. Como no Brasil há 107 mil estabelecimentos desse tipo, que são usados por 32 milhões de pessoas (de acordo com pesquisa do CGI BR no ano passado), a abrangência pode ser enorme.

A licença individual do Windows 7 Professional deve custar R$ 72 para as lan-houses, de acordo com estimativas do CDI LAN. O valor poderá ser parcelado em até 10 vezes de R$ 7,20. Já o Office 2010 tem preço estimado de R$ 38 por licença, também com direito a parcelamento de 10 vezes de R$ 3,80.

Windows 7: apenas R$ 72 para lan-houses

É bom notar que os produtos serão completos. No caso do Windows 7 Professional, o proprietário da lan-house terá direito a todos os updates que já foram e ainda serão lançados — até por uma questão de segurança. Já o Office 2010 Professional terá Word, Excel e PowerPoint, entre outros, com todos os recursos funcionando perfeitamente, além das atualizações.

Além dos aplicativos, as lan-houses receberão benefícios específicos, como conteúdo exclusivo e suporte técnico e comercial. A Microsoft, em parceria com o CDI LAN, também pretende promover eventos com os responsáveis pelos estabelecimentos.

O banco Itaú também entrou na roda e vai oferecer crédito facilitado para quem quiser comprar o software, com taxas reduzidas (de acordo com o banco, que fique claro) e condições especiais, por meio do serviço Microcrédito.

Para obter mais informações sobre o Clube Digital é só entrar nessa página.