Volkswagen lança Fox 2016 com CarPlay e Android Auto no Brasil

Paulo Higa
Por
• Atualizado há 6 meses

A Volkswagen apresentou nesta terça-feira (2) a versão 2016 do Fox no Brasil. Ele quase não teve mudanças e continua com o mesmo visual, mas trouxe uma novidade interessante no painel: a central multimídia agora suporta o MirrorLink, o CarPlay e o Android Auto.

O Fox é um dos primeiros carros a suportar as plataformas automotivas da Apple e do Google no Brasil. E isso chamou a atenção, considerando que estamos falando de um veículo não tão caro, custando a partir de R$ 42.890 na versão Trendline 1.0 de 82 cv. A nova central multimídia é vendida como opcional, por R$ 2.150 (sem navegação e comandos de voz) e R$ 2.900 (completa).

fox-i-0

fox-i-3

fox-i-2

fox-i-4

fox-i-1

fox-1

O CarPlay já pode ser usado no Fox: ele foi liberado no Brasil com o lançamento do iOS 8.3, que também marcou a chegada da Siri em português. O Android Auto ainda depende da liberação do Google, o que deverá acontecer no segundo semestre do ano, segundo a Volkswagen — não será necessário atualizar nada na central multimídia, apenas no smartphone.

A conexão é feita através de um cabo USB. Quando um iPhone é conectado, você pode fazer chamadas, enviar mensagens, ouvir músicas e podcasts armazenados no smartphone e abrir aplicativos de terceiros, como o Spotify, tudo por meio dos comandos de voz da Siri. No Android Auto, será possível ouvir músicas do Google Play e ver os mapas do Google Maps.

A central multimídia está disponível como item opcional a partir do Fox Trendline 1.0 (R$ 42.890), com tela multitouch de 6,33 polegadas, duas entradas para cartões de memória SD, leitor de CD, rádio e Bluetooth, além de conexões USB e auxiliar.

Com informações: Auto Esporte, CarPlace.

Receba mais sobre Apple CarPlay na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Editor-executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. Trabalha no Tecnoblog desde 2012, viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. É coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Relacionados