Início / Notícias / Aplicativos e Software /

Windows 11 tem bug em renderização de cores em monitores com HDR

Problema afeta visualização de cores em PCs que utilizam monitor com HDR; sistema pode exibir amarelo brilhante em vez de cor branca

Por

Um novo bug vem afetando monitores com HDR em PCs que rodam o Windows 11. Segundo a confirmação da Microsoft, aplicativos que utilizam APIs do Win32 para renderizar cores nesses dispositivos estão apresentando falhas. O erro tem acontecido com maior frequência na tentativa de reprodução de cores brancas, que são exibidas como amarelo.

PC rodando Windows 11 (Imagem: Divulgação / Microsoft)
Windows 11 (Imagem: Divulgação / Microsoft)

Com suporte a uma faixa de cores maior do que os monitores SDR, os dispositivos que têm HDR contam com a vantagem de fornecer cores mais precisas e, por consequência, imagens com mais detalhes. Por este motivo, profissionais que trabalham com edição gráfica e usuários que lidam com games geralmente optam por estes modelos.

No entanto, o Windows 11 (versão 21H2) está afetando negativamente monitores com essa tecnologia. A falha não atinge todos os programas. Em seu site, a Microsoft afirma estar investigando o caso:

“Depois de instalar o Windows 11, alguns programas de edição de imagem podem não renderizar as cores corretamente em determinados monitores com HDR. Isso é frequentemente observado com cores brancas, que podem ser exibidas em amarelo brilhante ou outras cores.

Esse problema ocorre quando certas APIs Win32 de renderização de cores retornam informações inesperadas ou erros sob condições específicas. Nem todos os programas de gerenciamento de perfis de cores são afetados e as opções de perfis de cores disponíveis na página Configurações do Windows 11, incluindo o Painel de controle de cores da Microsoft, devem funcionar corretamente.”

De acordo com a empresa, uma correção deve ser liberada “no final de janeiro” para usuários da plataforma.

Microsoft já corrigiu diversos bugs no Windows 11

Lançado em versão estável no mês de outubro, o Windows 11 caminha para um cenário de melhorias a cada nova atualização, mas já deu bastante dor de cabeça para usuários.

A plataforma chegou com diversos bugs que afetaram significativamente o desempenho de PCs com componentes específicos. Foi o caso dos computadores com AMD Ryzen, que ganharam correções algum tempo depois, e de alguns SSDs NVMe que tiveram a performance comprometida.

O Windows 11 também quebrou a ferramenta de recorte do sistema (Win +Shift + S), impedindo o uso do popular atalho para tirar print da tela. Outros problemas envolveram bugs no driver de áudio Intel, travamentos e mais.

E você, já instalou o Windows 11? Conta pra gente o que tem achado da nova versão do sistema na Comunidade do Tecnoblog.

Com informações: Bleeping Computer