Notícias Celular

Máquina que compra celulares usados e paga na hora é lançada em São Paulo

Estações de autoatendimento da Trocafone analisam as condições dos celulares e oferecem valores conforme o modelo, que podem ser transferidos via Pix

Murilo Tunholi
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Já pensou na possibilidade de vender seu celular em uma máquina de autoatendimento dentro do shopping? Essa é a ideia da startup Trocafone, especializada no comércio de smartphones e tablets usados. A empresa lançou sua própria shopping machine, na qual pessoas podem depositar seus aparelhos antigos e receber o pagamento na hora via Pix.

Máquina de autoatendimento da Trocafone
Máquina de autoatendimento da Trocafone (Imagem: Divulgação/Trocafone)

Há duas máquinas da Trocafone disponíveis na cidade de São Paulo: uma instalada no Carrefour de Pinheiros e outra localizada no Shopping Bourbon. Para começar a usar a estação é preciso informar dados de identificação pessoais, assim como o modelo do aparelho que será depositado.

Como a máquina da Trocafone funciona

Antes de depositar o aparelho, o usuário ainda deve fornecer o código IMEI, remover acessórios e capas, e limpar a tela do celular. Depois, o smartphone precisa ser conectado à máquina para acontecer a análise do sistema operacional e de possíveis falhas de software.

A máquina também mostra um questionário que deve ser respondido para continuar a venda. As perguntas servem para verificar se o celular é homologado pela Anatel, se tem defeitos na tela, o tamanho da memória interna e a cor do aparelho.

Ao receber o celular, a máquina avalia as condições físicas do aparelho na hora. A análise pode demorar alguns minutos. Em seguida, é exibido na tela o valor oferecido para o smartphone. Se a pessoa aceitar a oferta, a negociação é concluída e o pagamento é enviado via Pix para a conta bancária.

Além de comprar celulares usados, as estações permitem fazer orçamentos de outros smartphones que não estiverem em mãos. Também é possível mandar aparelhos com defeito para reciclagem em troca de uma quantia fixa de R$ 20.

Vale mencionar que as máquinas da Trocafone só aceitam celulares homologados pela Anatel. Segundo a empresa, a meta é receber pelo menos 10 mil aparelhos usados por meio das máquinas de autoatendimento no período de seis meses.

A Trocafone também oferece serviço de compra de aparelhos usados pelo site da empresa, ou em seus quiosques localizados em São Paulo e nas demais cidades do Brasil.

Com informações: Mobile Time.

Murilo Tunholi

Jornalista, atua como repórter de videogames e tecnologia desde 2018. Tem experiência em analisar jogos e hardware, assim como em cobrir eventos e torneios de esports. Antes do Tecnoblog, passou pela Editora Globo (TechTudo) e Mosaico (Buscapé/Zoom). É apaixonado por gastronomia, informática, música e Pokémon. Já cursou Química, mas pendurou o jaleco para realizar o sonho de trabalhar com games.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque