Samsung prepara venda do Galaxy XCover 7 no Brasil

Galaxy XCover 7 conta com bateria removível e promete aguentar quedas de até 1,5 m. Aparelho já está à venda no exterior.

Giovanni Santa Rosa Everton Favretto
Por e
Smartphone Galaxy XCover 7 e tablet Galaxy Tab 5 Active
No exterior, Galaxy XCover 7 foi lançado com a companhia do tablet Tab Active 5, também resistente (Imagem: Divulgação/Samsung)

O smartphone Galaxy XCover 7 foi homologado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a pedido da Samsung, meses depois de sua bateria passar pelo mesmo processo. Agora, ele está liberado para venda no Brasil. O aparelho tem resistência contra água, poeira e quedas como principal destaque e já foi lançado no exterior.

A homologação do Galaxy XCover 7 foi emitida no 30 de janeiro. O aparelho tem o código de produto SM-G556B, o mesmo do exterior. Procurada pelo Tecnoblog, a Samsung não comentou sobre a possível chegada do aparelho. O último modelo desta linha no Brasil foi o XCover Pro, que chegou aqui em 2020.

Samsung Galaxy XCover 7
Galaxy XCover 7 promete resistência a quedas de até 1,5 m (Imagem: Divulgação/Samsung)

Em novembro de 2023, uma bateria com código de produto EB-BG556GBY foi homologada pela Anatel. Era o primeiro indício da chegada do Galaxy XCover 7 no Brasil, já que tanto a bateria quanto o smartphone têm “G556” em seus identificadores.

O Galaxy XCover 7 foi apresentado globalmente no dia 10 de janeiro. A linha XCover tem como foco oferecer resistência extra para situações em que isso é necessário, como trabalhos em que quedas, acidentes, sujeira e falta de energia podem acontecer, para ficar só com alguns exemplos.

Samsung Galaxy XCover Pro (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Galaxy XCover Pro, de 2020, foi lançado no Brasil (Imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Bateria removível e alta resistência

O smartphone tem certificação militar, no padrão MIL-STD-810H e promete aguentar quedas de até 1,5 m. Além disso, conta com proteção IP68 contra água e poeira e vidro Gorilla Glass Victus+ sobre a tela, com resistência contra riscos. O display, aliás, tem sensibilidade aumentada, facilitando o uso com luvas.

Outro destaque do modelo é que a bateria é removível. Assim, dá para levar uma a mais e trocar, caso seja necessário. O componente tem capacidade para 4.050 mAh.

Em outros diferenciais, estão o conector de pinos no padrão Pogo, usado em aplicações industriais, volume mais alto que o normal (bom para ambientes com muito ruído) e botão físico programável para atalhos.

E, claro, o Galaxy XCover 7 é um smartphone, com todas as coisas de smartphone:

  • tela TFT de 6,6 polegadas e resolução HD;
  • 6 GB de RAM, 128 GB de armazenamento e entrada MicroSD para até 1 TB;
  • chip Mediatek Dimensity 6100+;
  • câmera traseira de 50 megapixels;
  • câmera frontal de 5 megapixels.

Receba mais sobre Brasil na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Giovanni Santa Rosa

Giovanni Santa Rosa

Repórter

Giovanni Santa Rosa é formado em jornalismo pela ECA-USP e cobre ciência e tecnologia desde 2012. Foi editor-assistente do Gizmodo Brasil e escreveu para o UOL Tilt e para o Jornal da USP. Cobriu o Snapdragon Tech Summit, em Maui (EUA), o Fórum Internacional de Software Livre, em Porto Alegre (RS), e a Campus Party, em São Paulo (SP). Atualmente, é autor no Tecnoblog.

Everton Favretto

Everton Favretto

Assistente de Conteúdo

Everton Favretto é bacharel em Tecnologias Digitais pela UCS e caça homologações da Anatel para o Tecnoblog. Gosta de telefones (velhos e novos) e está sempre pronto para falar de aviões. Consegue identificar um modelo de 737 olhando para a fotografia dele e tem um Raspberry Pi Zero W na sacada só para rastrear as aeronaves por ADS-B.

Relacionados