É assim que o Adblock Plus quer ajudar a pagar por conteúdo na internet

Paulo Higa
Por
• Atualizado há 1 mês
AdBlock Plus

O financiamento de conteúdo na internet ganhou uma ajuda improvável: o Adblock Plus. O bloqueador de anúncios fechou uma parceria com o Flattr nesta terça-feira (3) para permitir que os usuários contribuam periodicamente com os produtores de conteúdo. Ao monitorar as páginas que você acessa, o plugin poderá distribuir automaticamente a renda entre os conteúdos que gerarem mais engajamento.

flattr-botao

O Flattr não é exatamente novo: lançado em 2010, o serviço de doações permite que você deposite em sua conta uma quantia a partir de 5 euros, que será distribuída aos sites cadastrados na plataforma. Esses sites possuem um botão do Flattr, semelhante aos do Facebook ou Twitter: basta clicar nele para doar uma parte do seu dinheiro ao produtor de conteúdo.

Com o Flattr Plus, que será integrado ao Adblock Plus, o processo de doação é automatizado: o plugin analisa sua navegação e distribui as doações de acordo com os conteúdos que tiverem mais engajamento, não acessos — dando chance também aos sites menores. O algoritmo leva em conta fatores como o tempo gasto e a atividade de scroll na página.

Segundo o TechCrunch, apenas os sites registrados no Flattr poderão receber os pagamentos, mas quem não estiver na plataforma terá suas doações guardadas até que se cadastre no serviço.

Claro que as contribuições não serão obrigatórias, mas o Adblock Plus parece bastante otimista: a meta é atingir US$ 500 milhões em doações durante o ano de 2017. Dada a grande popularidade do Adblock Plus, que já teve mais de 500 milhões de downloads, o objetivo não parece muito distante da realidade. A Eyeo, empresa por trás do plugin, fez até um “pequeno investimento” de valor não divulgado no Flattr.

Resta saber como ficará a distribuição das receitas para os produtores de conteúdo. O modelo é bastante parecido com o Spotify: o dinheiro dos assinantes é dividido entre todos os artistas, mas, como muitos estão na plataforma, constantemente vemos alguém reclamando dos baixos valores. Considerando a quantidade enorme de páginas que acessamos todos os dias, o Flattr Plus não deverá ser muito diferente — ainda assim, é uma receita que os sites simplesmente não teriam.

Em fase de testes, o Flattr Plus deverá ser lançado publicamente até o final do ano.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Ex-editor executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. No Tecnoblog, atuou como editor-executivo e head de operações entre 2012 e 2023. Viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. Foi coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados