Anatel tomará medidas para melhorar sinal em municípios com cobertura ruim

Superintendente diz que Anatel está analisando critérios para definir quais municípios receberão as ações; divulgação deve ser feita daqui a duas semanas

Giovanni Santa Rosa
Por
Logotipo da Anatel ao lado de uma antena de telecomunicações
Ferramenta da Anatel permite visualizar dados de antenas (Imagem: Vitor Pádua / Tecnoblog)

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) está de olho nos municípios com qualidade ruim de sinal de celular. É o que garante Gustavo Borges, superintendente do Controle de Obrigações do órgão. Ele promete que a entidade reguladora vai anunciar medidas para melhoria da qualidade dos serviços daqui a duas semanas.

O superintendente disse que a Anatel está analisando os critérios para definir que municípios receberão ações de melhoria de qualidade.

A fala de Borges foi feita na Câmara dos Deputados, em uma audiência sobre a qualidade dos serviços de telefonia e internet. A discussão foi promovida pelas Comissões de Comunicação e de Defesa do Consumidor da casa.

Anatel vai criar selo de qualidade para operadoras

Entre as ferramentas para avaliar o serviço, estão a Pesquisa de Satisfação de Qualidade Percebida — atualmente em andamento — medições técnicas e acompanhamento de reclamações.

A partir desses dados, a Anatel criará uma forma mais fácil e menos técnica de divulgar a qualidade do serviço em cada cidade.

“Essas questões vão ser traduzidas na forma de selos, que vão facilitar ao consumidor a compreensão sobre o desempenho daquela prestadora naquele município”, explica Borges.

A ideia de um selo de qualidade da Anatel surgiu em 2019. A iniciativa dará notas que vão de 1 a 5 estrelas, representadas por selos coloridos. Inicialmente, o prazo era 2023, mas a divulgação ficará mesmo para 2024.

Edital do 5G incluiu compromissos de cobertura

Segundo o superintendente, cerca de 9 mil localidades urbanas separadas das sedes municipais ainda não foram atendidas pela telefonia móvel.

Esse número pode ser ainda maior, já que os dados são do censo de 2010. Novas áreas podem aparecer nas informações obtidas no censo de 2023.

Borges reforçou que edital do 5G tem compromissos para levar cobertura para essas localidades.

O superintendente enfatiza essas garantias estão públicas no site da Anatel, onde há informações sobre cada localidade, o projeto, a prestadora responsável e o prazo.

Com informações: Anatel

Relacionados