Intel Core i9-11900K chega a 7,3 GHz em overclock

Overclock de 7,3 GHz no Intel Core i9-11900K foi alcançado com uso de nitrogênio líquido e desativação de cinco núcleos

Emerson Alecrim
Por
• Atualizado há 1 ano e 7 meses
Processador Core de 11ª geração (imagem: divulgação/Intel)
Processador Core de 11ª geração (imagem: divulgação/Intel)

O octa-core Core i9-11900K é o chip mais poderoso da 11ª geração de processadores Core para desktops (Rocket Lake-S). A linha, anunciada pela Intel há apenas duas semanas, já está sendo submetida a testes rigorosos, inclusive para overclock. Em um dos mais recentes, um “overclocker profissional” conseguiu fazer o mencionado modelo atingir a frequência de 7,3 GHz em um único núcleo.

Esse resultado é fruto do trabalho de um taiwanês que se identifica como Hicookie, um especialista em overclocking que, para a empreitada, contou com o apoio da Gigabyte.

A frequência base do Core i9-11900K é de 3,5 GHz. De acordo com a Intel, o chip pode chegar à taxa de 4,7 GHz em uma configuração “turbo all-core” ou em até 5,3 GHz com ativação do Thermal Velocity Boost para um único núcleo.

Hicookie conseguiu ir muito além das especificações padrão do processador. Mas, para isso, alguns truques tiveram que ser explorados. Um deles envolveu o uso de um sofisticado mecanismo de resfriamento baseado em nitrogênio líquido.

Além disso, o procedimento foi realizado com uma recém-anunciada placa-mãe Gigabyte Z590 Aorus Tachyon, modelo especialmente preparado para overclock, mas que custa uma pequena fortuna: cerca de US$ 530 na pré-venda (se bem que Hicookie é patrocinado pela marca, por isso, não teve custos).

Mas, certamente, a medida mais impactante foi a desativação de núcleos: apenas três dos oito núcleos do Core i9-11900K funcionavam quando a marca de 7,314 GHz foi alcançada. Essa abordagem permite que os núcleos ativos tirem mais proveito dos recursos de resfriamento e absorvam mais energia.

Trata-se de um feito impressionante, mas não inédito. O Core i9-10900K, o topo de linha da geração anterior (Comet Lake-S), atingiu 7,7 GHz em um overclock realizado no ano passado, só para dar um exemplo.

Com informações: Techradar.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Em 2023, foi reconhecido no Prêmio Especialistas, em eletroeletrônicos. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Canal Exclusivo

Relacionados