Projeto de interface holográfica da Microsoft não é nada menos que incrível

Rafael Silva
Por
• Atualizado há 1 mês

Retratada nos filmes de ficção científica há décadas, as holografias nunca serviram muito propósito além de “serem bonitinhas de ver”. Um dos fatos que contribuiu para isso é a dificuldade de criar tecnologias de interação com objetos holográficos, embora diversas empresas já tenham tentado com variados níveis de sucesso. O braço de pesquisas da Microsoft parece ter chegado mais longe, combinando uma série de componentes para criar uma interface holográfica que permite interação.

A empresa apresentou ontem o chamado HoloDesk, que usa um projetor de imagens, um separador, um rastreador de movimentos baseado no Kinect e em algorítimos criados por eles para criar o que você vê no vídeo abaixo: uma interface holográfica que beira a linha do inimaginável.

Por ainda ser um projeto, a HoloDesk ainda precisa de algum desenvolvimento antes de ser implementada. Mas a Microsoft acredita que existem várias áreas em que esse tipo de interface seria útil, como em games, desenho de protótipos ou videoconferência por telepresença, por exemplo. E eu confesso que como bom geek, fiquei mais interessado nas possibilidades da primeira opção.

Com informações: TheNextWeb.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Rafael Silva

Rafael Silva

Ex-autor

Rafael Silva estudou Tecnologia de Redes de Computadores e mora em São Paulo. Como redator, produziu textos sobre smartphones, games, notícias e tecnologia, além de participar dos primeiros podcasts do Tecnoblog. Foi redator no B9 e atualmente é analista de redes sociais no Greenpeace, onde desenvolve estratégias de engajamento, produz roteiros e apresenta o podcast “As Árvores Somos Nozes”.

Canal Exclusivo

Relacionados