Microsoft coloca IA para tomar notas durante reuniões online

Ferramenta do Copilot se integra ao Microsoft Teams. Agente de IA consegue ver e ouvir tudo que é dito nas conversas da equipe.

Thássius Veloso
Por
• Atualizado há 3 semanas
Homem gesticula no palco
Satya Nadella, CEO da Microsoft, se apresenta no Build 2024 (Foto: Thássius Veloso/Tecnoblog)
Resumo
  • A Microsoft anunciou o Teams Copilot, uma ferramenta de IA para o Microsoft Teams, que promete transformar reuniões ao realizar tarefas automaticamente durante videoconferências.
  • A ferramenta pode monitorar áudio, vídeo e chat, fazer anotações em tempo real, resumir decisões, sugerir mudanças de assunto, e criar tarefas no Microsoft Planner, facilitando a gestão de reuniões.
  • O Teams Copilot será testado até o final do ano e estará disponível para assinantes do Microsoft 365. A Microsoft ainda não divulgou o preço da ferramenta.

(Direto de Seattle, nos EUA) A Microsoft revelou uma versão especial do Copilot que promete melhorar muito aquelas reuniões que poderiam ser um email. A ferramenta chamada de Teams Copilot consegue realizar uma série de tarefas enquanto a videoconferência está acontecendo.

O lançamento ocorre no Microsoft Build 2024, evento realizado pela Microsoft nos Estados Unidos com a cobertura presencial da reportagem do Tecnoblog.

O que é Teams Copilot?

Foto da tela do computador com lista de tarefas
Copilot lista decisões tomadas durante reunião no Microsoft Teams (Foto: Thássius Veloso/Tecnoblog)

Não é surpresa para ninguém que a Microsoft está consolidando as ferramentas de inteligência artificial sob o nome Copilot. Ele está no Bing, no painel lateral do Windows, nos recém-anunciados notebooks integrantes do selo Copilot+, no Microsoft 365 (antigo Office 365) e muito mais.

A etapa seguinte é levar a IA para o programa Microsoft Teams, espécie de Zoom da Microsoft – aliás, criticada por muitos por causa do peso de rodá-la no computador. Os administradores da empresa precisarão ativar o Teams Copilot para ativar as seguintes funções:

  • Monitoramento do áudio, vídeo e chat da reunião online
  • Inclusão de anotações em tempo real, como se fosse uma ata
  • Resumo das decisões tomadas pela equipe
  • Sugestão do momento para mudar de assunto, de modo a discutir todos os tópicos previstos dentro do tempo de reunião
  • Criação de tarefas no Microsoft Planner e atribuição de responsáveis

O Teams Copilot é descrito como um “facilitador” de reuniões. Para tanto, é evidente que a ferramenta necessitará de amplo acesso a informações fechadas da empresa.

Foto da tela do computador com programa de reuniões aberto
Notas criadas pelo Copilot na lateral do Microsoft Teams (Foto: Thássius Veloso/Tecnoblog)

Apesar do anúncio na principal conferência dedicada a programadores, a Microsoft não deu detalhes sobre o preço do Teams Copilot. A ferramenta entrará em teste até o fim do ano e será oferecida aos assinantes do Microsoft 365.

Mais Build: no vídeo abaixo, conheça o primeiro notebook Copilot+ da Microsoft

Thássius Veloso viajou para os Estados Unidos a convite da Microsoft

Relacionados