WhatsApp no Android começa a bloquear prints em fotos de perfis

Recurso já havia aparecido na versão beta do WhatsApp. Medida pode evitar que estelionatários utilizem a foto de perfil de usuários para aplicar golpes

Felipe Freitas
Por
WhatsApp impede usuários de tirar prints de fotos de perfil (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)
WhatsApp impede usuários de tirar prints de fotos de perfil (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

O WhatsApp está liberando oficialmente o recurso de bloquear a captura de tela ao abrir a foto de perfil de um contato. A novidade só está disponível na versão do aplicativo para Android. Até o momento, não há previsão de quando (e se) a ferramenta será lançada no iOS — o WhatsApp beta para iPhones ainda não conta com o recurso.

O bloqueio de prints na tela de foto de perfil apareceu no WhatsApp beta para Android no mês de fevereiro. Quando o usuário abrir a foto de perfil de um contato e tentar tirar um print, receberá um dos seguintes avisso: “não é possível capturar a tela devido à política de segurança” ou “este aplicativo não permite capturas de tela”.

Esse bloqueio só funciona ao acessar a foto pelas informações de perfil, aquelas que são abertas ao clicar no nome do usuário, ou ampliando a miniatura disponível ao abrir a imagem através da lista de contato. Se você tentar tirar um print da miniatura, conseguirá registrar a captura de tela sem nenhum “problema”. A questão é que a imagem terá uma qualidade inferior.

WhatsApp exibe uma mensagem informando que não é possível fazer captura de tela da foto de perfil
WhatsApp exibe uma mensagem informando que não é possível fazer captura de tela da foto de perfil (Imagem: Thássius Veloso/Tecnoblog)

Medida deve combater tentativas de golpes

Uma utilidade desse recurso, além de dar mais privacidade para as fotos de perfil, é combater as tentativas de golpes. Sem acesso à imagem de maior qualidade, os golpistas teriam uma dificuldade em tentar se passar por outra pessoa.

Essa técnica é popularmente aplicada para roubar dinheiro de familiares e conhecidos de uma pessoa. Geralmente, os golpistas entram em contato com as possíveis vítimas usando a foto de perfil do WhatsApp da pessoa pela qual eles tentam se passar.

Os criminosos, aproveitando a foto de perfil, dizem que estão com um novo número e precisando fazer um pagamento. Inventam alguma desculpa de que não podem fazer um Pix e pedem que a vítima faça o pagamento para uma conta desconhecida.

Como falamos, ainda é possível capturar a tela com a miniatura. A melhor proteção para que sua foto de perfil não seja usada em golpes é ocultar a foto de perfil do WhatsApp para quem não está salvo em seus contatos.

Com informações: Android Police

Relacionados