WhatsApp é usado para fazer denúncias de trânsito no interior de São Paulo

A Prefeitura de Sorocaba afirma já ter recebido 145 denúncias de infrações de trânsito pelo WhatsApp

Victor Hugo Silva
Por
• Atualizado há 2 anos e 4 meses
iPhone antigo com WhatsApp (Imagem: Webster2703/Pixabay)

Os motoristas na cidade de Sorocaba, em São Paulo, deverão ficar mais ligados com o comportamento nas ruas. Isso porque a prefeitura disponibilizou um número para a população enviar denúncias de infrações de trânsito pelo WhatsApp.

A chamada Ferramenta Virtual contra Infrações de Trânsito funciona desde a última sexta-feira (30) e, até terça (4), recebeu 145 denúncias. Destas, sete se transformaram em autuações feitas pela Urbes, a empresa municipal de trânsito.

Para fazer uma denúncia pelo WhatsApp, o cidadão deve enviar fotos, vídeos, áudios ou texto ao número oferecido pela prefeitura. Junto com o material, é importante que o contato com a Urbes inclua também informações como data, horário e local em que a infração foi cometida.

A denúncia é transformada em multa se os agentes confirmarem que ela procede por meio de câmeras de vigilância ou das equipes que estão próximas ao local. O trabalho da Urbes é realizado em conjunto com as Polícias Civil e Militar, a Guarda Municipal e o Poder Judiciário.

Segundo o secretário de Mobilidade e Acessibilidade de Sorocaba, Luiz Alberto Fioravante, o principal objetivo é educar a população. “Queremos coibir infrações, mesmo que pequenas, pois elas podem causar grandes transtornos como acidentes e até mortes no trânsito”, afirma.

Com informações: Prefeitura de Sorocaba, Estadão.

Receba mais sobre WhatsApp na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Victor Hugo Silva

Victor Hugo Silva

Ex-autor

Victor Hugo Silva é formado em jornalismo, mas começou sua carreira em tecnologia como desenvolvedor front-end, fazendo programação de sites institucionais. Neste escopo, adquiriu conhecimento em HTML, CSS, PHP e MySQL. Como repórter, tem passagem pelo iG e pelo G1, o portal de notícias da Globo. No Tecnoblog, foi autor, escrevendo sobre eletrônicos, redes sociais e negócios, entre 2018 e 2021.

Canal Exclusivo

Relacionados