Como tirar CPF pela internet [1ª e 2ª via]

Saiba como tirar o CPF pela internet gratuitamente; serviço online da Receita Federal emite número na hora via formulário

Jean Prado
Por

É possível solicitar o número de CPF (Cadastro de Pessoa Física) pela internet — seja 1ª ou 2ª via. A Receita Federal tem um serviço que emite o documento mediante o preenchimento de um formulário. É totalmente gratuito e funciona 24 horas por dia, inclusive nos sábados, domingos e feriados. Saiba como tirar seu CPF online sem custo.

CPF (Imagem: Divulgação)
Cartão de CPF em mãos (Imagem: Divulgação)

Como tirar CPF pela internet [1ª via]

O cartão físico de CPF, como o visto acima, não é mais emitido pela Receita Federal desde 2010, uma vez que o número do CPF está disponível em outros documentos, como a carteira de identidade e de motorista (CNH). O serviço online da Receita apenas emitirá um comprovante de inscrição que poderá ser impresso pelo usuário e reimpresso sempre que necessário.

  1. Entre na página de inscrição do site da Receita Federal

    No seu navegador, acesse o seguinte endereço: https://servicos.receita.fazenda.gov.br/Servicos/CPF/InscricaoPublica/inscricao.asp

  2. Preencha as informações exigidas

    Digite os dados como nome, data de nascimento, título de eleitor, sexo, naturalidade e nome da mãe e, em seguida, clique em “Enviar”.Campos de informações necessárias para tirar a primeira via do CPF pela interet

Atualização:

Em função da pandemia de COVID-19, causada pelo novo coronavírus, a Receita Federal liberou fazer inscrição gratuita no CPF (Cadastro de Pessoa Física) através de endereços de e-mail de cada estado.

Como tirar CPF pela internet [2ª via]

Existem três formas de se obter a 2ª via do seu CPF:

Página da Receita Federal — 2ª via CPF

Este tutorial é útil, caso não tenha apresentado a Declaração de Imposto de Renda nos últimos dois anos. Você vai precisar do seu número de CPF, nome completo, data de nascimento, nome da mãe e número do título de eleitor.

  1. Entre na página de reimpressão de “Comprovante de Inscrição – 2ª via CPF
    Toque no link para ser redirecionado para a página oficial;
  2. Envie as informações solicitadas
    Informe os dados pedidos e, em seguida, clique em “Enviar”.Informações necessárias para tirar a segunda via do CPF pela internet

Portal e-CAC

Essa opção é para quem declarou o imposto de renda em pelo menos um dos dois últimos exercícios.

  1. Acesse a página do e-CAC
    Abra no seu navegador a página oficial de Atendimento Virtual (e-CAC);
  2. Insira os dados de login
    Informe seu CPF, código de acesso e senha; depois, clique em “Avançar”. Se preferir, pode escolher acessar diretamente com os seus dados do Gov.br.Tela de acesso ao e-CAC

Aplicativo (Android e iOS)

A Receita Federal também oferece um aplicativo gratuito, disponível para Android e iPhone, que fornece uma cópia do documento.

  1. Baixe o app
    Vá até sua loja de aplicativos e busque por “CPF Digital“; faça o download para o seu celular;
  2. Insira suas informações
    Abra o aplicativo e insira o número do seu CPF, data de nascimento e clique em “Próximo“;
  3. Faça a prova de vida
    O aplicativo pedirá para que pisque e sorria, até a Inteligência Artificial identificar a presença do usuário; logo depois será necessário o envio de uma selfie.

Após validação você terá o CPF no seu aparelho celular. Caso tenha CNH, o documento também será exibido.

Como consultar a 2ª via do meu CPF se eu não lembro o número?

Se você não lembra o número do seu documento, é necessário entrar em contato com a Receita Federal através de uma de suas unidades de atendimento. Agende data e horário pela internet para garantir o atendimento.

Como consultar se o CPF está regular na Receita Federal?

Acesse o site de Comprovante de Situação Cadastral no CPF, digite seu CPF e data de nascimento e clique em “Consultar”. A página seguinte irá mostrar o status do seu documento.

Qual o risco de perder o CPF?

Como a gente disse, não existe mais o cartão físico. Se você o perdeu, é só acessar a página de reimpressão de comprovante de inscrição. Contudo, é importante checar a situação do seu CPF nos órgãos de proteção ao crédito já que seus dados podem ser usados por outra pessoa.