Windows Phone 7.8 – Mais perfumaria do que funcionalidade

Atualização adiciona novidades no visual do aparelho

Thássius Veloso
Por

Lumia 900 com Bing

Faz alguns dias que recebemos um Lumia 900 emprestado para brincar com o Windows Phone 7.8, versão mais recente do sistema operacional móvel da Microsoft. Por enquanto, o gosto que fica é amargo: a fabricante de software de fato liberou uma atualização, mas esse update acrescenta tão pouco ao celular que, para dizer a verdade, não faria a menor falta.

A tela inicial mudou. Além da foto que o dono do aparelho decide colocar ali, ele pode também definir o buscador Bing como o provedor das imagens. Cá entre nós, as imagens que diariamente aparecem na capa do Bing são bem bonitas! Ou seja, todo dia uma fotografia, paisagem ou o que quer que seja vai deixar a tela do seu aparelho mais simpática. Nisso a Microsoft acerta em cheio.

Feito o login, estamos na tela principal. O botão para acessar os demais aplicativos sumiu: é que ele foi parar lá no canto inferior direito, ao fim da lista de blocos dinâmicos, e não mais no topo direito da tela.

O tamanho dos blocos dinâmicos (os live tiles) passa por mudanças de acordo com o gosto do dono do dispositivo. Quer um ícone pequenino para o discador do telefone (alguém ainda usa smartphone para falar) no Windows Phone? Moleza de configurar dessa forma. Quer deixar o bloco de contatos gigante, ocupando as duas colunas? Mesma coisa.

Lumia 900

Embora o sistema não seja tão personalizável como o Android em termos interface gráfica, estes pequenos detalhes criam uma sensação de controle do usuário sobre o aparelho que possui. Mesma coisa com os temas visuais – se é que dá para chamar assim. A Microsoft inclui 20 cores distintas para escolher, dentre elas ao menos uma do fabricante do celular. A Nokia oferece o elegante tema Nokia Blue. Imagino que outras companhias façam o mesmo.

Mais o quê? Ah, sim: a tela de boot mudou para apresentar a nova marca do Windows Phone, que na verdade reproduz a marca que a Microsoft adotou para o Windows mesmo. O botão touch continuará com a marca antiga porque… bem, porque não dá para trocar um botão pelo outro.

A gente já sabia que o Windows Phone 7.8 ficaria carente de uma série de recursos confirmados para o WP 8. Por exemplo, integração nativa com o Skype para fazer chamadas por VoIP ou mesmo o Internet Explorer 10 na versão para celulares. A atualização que chega em levas determinadas pela MS aos usuários parece-me muito mais perfumaria que qualquer outra coisa. A companhia cumpre sua palavra de dar suporte aos primeiros compradores de Windows Phone. Aquele pessoal que pagou para ser beta tester de uma plataforma móvel ainda incipiente.

Torçamos para que a transição do Windows Phone 8 para o Windows Phone 9 traga mais sorte àqueles que optarem pelo sistema a partir de agora. Quem tem o Windows Phone 7 carrega no bolso aparelhos até bons com um sistema que ainda tem alguns acertos a fazer. Ou não, já que estarão para sempre presos ao WP 7.8. ¯\_(ツ)_/¯

Atualizando

A Nokia promete enviar o WIndows Phone mais recente aos celulares da linha Lumia durante o mês de fevereiro. A Samsung não tem previsão de quando vai atualizar a linha Omnia. A HTC não tem representante no Brasil (até onde sabemos).

Alguns leitores tentaram o método de desconectar o aparelho do Zune após alguns segundos. Dizem que funciona. Com meu Lumia 800 não foi até agora.

Relacionados

Relacionados