Início » Celular » Troquei meu Android por um iPhone

Troquei meu Android por um iPhone

Após mais de dois anos no Android, estou há três meses usando um iPhone

Paulo Higa Por

troquei-meu-android-por-um-iphone

Depois de um ano e meio de uso, meu velho Galaxy Nexus estava pedindo para ser aposentado. O hardware se tornou obsoleto, a lentidão nos aplicativos mais novos estava incomodando e o Google deu a última facada no aparelho ao anunciar que não liberaria a atualização para o KitKat. Eu queria um smartphone novo e, após alguns dias de pesquisa, decidi mudar de plataforma e comprar meu primeiro iPhone.

Não sou exatamente novato no iOS, mas esta é a primeira vez que tenho um iPhone como smartphone principal; até então, minha experiência se restringia ao iPad. Pelo menos no meu caso, há uma grande diferença de uso: enquanto o tablet é usado para assistir a vídeos e ler textos com formatação complexa ou cheios de gráficos, que não ficam bons na tela e-ink do Kindle, o smartphone está sempre comigo por conta dos recursos de comunicação e funciona como um organizador de informações. É nele que salvo compromissos, anotações e gravações.

Então, apesar do iOS não ser uma plataforma totalmente nova para mim, considero esta uma alteração bastante significativa no meu dia a dia. E como toda mudança, a troca não foi a coisa mais fácil do mundo: ela trouxe boas surpresas, certas dificuldades e algumas reclamações. Neste artigo, conto como está sendo o processo de transição após três meses usando um iPhone 5s.

Por que um iPhone?

Quando publiquei um texto semelhante, detalhando minha mudança para o OS X após dez felizes anos usando Windows, citei vários motivos pelos quais considerava o MacBook Air uma compra melhor que outros notebooks considerando o meu perfil de uso. Eu queria escrever algo cheio de justificativas aqui, mas não há nenhum motivo especial para ter comprado um iPhone: eu simplesmente queria experimentar algo novo.

Após mais de dois anos usando Android sem grandes reclamações, cerca de seis meses sendo proprietário de um Windows Phone e tendo testado dezenas de aparelhos das duas plataformas nos últimos anos, só faltava a experiência com mais um dos três principais sistemas operacionais para smartphones do mercado.

Portanto, mesmo recomendando frequentemente um Moto X para colegas que procuram um bom smartphone, ou um Moto G para quem não quer gastar muito dinheiro, decidi comprar um iPhone 5s no início de dezembro. Como sou um adepto de serviços de streaming de músicas e uso pouco espaço, optei pelo modelo de 16 GB, o menos caro. A curiosidade por algo novo gerou um rombo de 2 mil reais, já considerando o desconto da operadora por ser cliente pós-pago.

Tem um app para isso

Apps, muitos apps

Apps, muitos apps

A variedade de aplicativos é um dos fatores mais importantes na hora de escolher uma nova plataforma. Para mim, na verdade, é o mais importante: um sistema operacional, por melhor que seja, fica atrás da concorrência quando não se tem um bom ecossistema. Os aplicativos e recursos nativos são feitos para atender razoavelmente bem a maioria dos usuários, mas a criatividade dos desenvolvedores é essencial para encher as lojas de aplicativos de boas alternativas e tornar um smartphone mais útil.

Isso fica bem claro para mim quando vejo minha primeira tela inicial, onde posiciono os aplicativos que mais tenho usado no iPhone. Dos 24 atalhos, apenas sete abrem aplicativos pré-instalados. Há 18 aplicativos nativos da Apple que estão escondidos em uma pasta e quase nunca são abertos, o que inclui o Mapas (uso Google Maps), Calendário (uso Fantastical), Mail (uso Mailbox), Música (uso Spotify) e Notas (uso Simplenote).

Quanto aos aplicativos, nenhuma decepção: assim como nas minhas primeiras impressões do OS X, há uma sensação de que os desenvolvedores do iOS dão mais atenção ao design das interfaces, o que parece ter se intensificado após o lançamento do iOS 7, que possui visual bem diferente das versões anteriores. Assim como os desenvolvedores parecem ter mais cuidado com suas criações, eles também parecem estar mais dispostos a cobrar pelo trabalho que no Android: os aplicativos mais conhecidos para iOS são pagos (e alguns deles são bem caros).

Ok, é mentira, houve uma decepção no início sim: eu sou um grande usuário de serviços do Google, então o Hangouts é uma das minhas principais formas de comunicação. Enquanto o Android possui integração perfeita com o Hangouts, o iOS tinha apenas um aplicativo com interface antiga e cheio de falhas. Felizmente, o Google atualizou o aplicativo para iOS recentemente e o tornou muito melhor.

Entre as boas surpresas do iOS estão aplicativos como o Tweetbot (US$ 4,99), cliente de Twitter que vale cada centavo; Ashes (US$ 7,99), leitor de RSS com suporte ao Fever; Fantastical (US$ 3,99), aplicativo de calendário com interface bonita e prática; iA Writer (US$ 4,99), um editor de texto que uso para escrever e revisar artigos longos e também possuo no Mac; e Mailbox, gerenciador de emails que usava no iPad e virou um dos aplicativos que mais uso no iPhone.

Tweetbot, Fantastical e Fitbit: sem fugir do padrão do iOS, mas sem perder a identidade

Tweetbot, Fantastical e Fitbit: sem fugir do padrão do iOS, mas sem perder a identidade

Apesar de não ser o sistema operacional móvel mais usado no mundo, boa parte dos desenvolvedores ainda prioriza a plataforma da Apple. Além de muitos aplicativos ainda chegarem primeiro ao iOS, atualizações que incluem novos recursos às vezes chegam apenas semanas ou meses depois em outras plataformas. O Paper ainda não tem previsão para sair do iPhone, o Plants vs. Zombies 2 demorou dois meses para aparecer no Android e o útil IFTTT ainda não possui aplicativo oficial para o robô verde, e estes são apenas alguns exemplos.

Por que isso ainda acontece? Alguns dizem que desenvolver para Android é mais complicado, já que há inúmeros aparelhos com hardware totalmente diferente um do outro. Outros afirmam que, apesar de possuir menos usuários, desenvolver para iOS é mais lucrativo, uma vez que proprietários de Android estariam menos dispostos a pagar por conteúdo. Seja como for, quando um novo aplicativo ou jogo badalado aparece, minha impressão é a de que donos de Android e Windows Phone ainda são tratados como cidadãos de segunda classe. Bom para quem usa iOS, certo?

O que nem todo mundo comenta

Nenhum produto é perfeito, e isso ficou ainda mais claro durante esses três meses usando um iPhone 5s. Há uma ideia bastante difundida de que o Android é um sistema operacional instável, algo que talvez tenha origem a partir das modificações por parte das fabricantes (que acabam acrescentando falhas) e de smartphones de baixo custo com hardware limitado. Pode ser que eu tenha sido premiado, mas a verdade é que achei o iOS pior que o Android nesse quesito.

O principal problema são as reinicializações automáticas, que acontecem sem motivo aparente: enquanto o aparelho está sobre a mesa, uma tela preta com a maçã da Apple aparece do nada. O iPhone 5s tem reiniciado sozinho em várias ocasiões, seja enquanto está descansando ou sendo usado: em uma das vezes, a tal tela preta apareceu assim que abri o aplicativo de câmera para tirar uma foto durante a Campus Party. Uma tarefa simples, que demoraria três segundos para ser feita, levou mais de um minuto.

É meio chato quando isso acontece

É meio chato quando isso acontece

Durante a Campus Party, o aparelho reiniciou religiosamente todos os dias. Como o evento é conhecido por ser bem quente e São Paulo bateu recordes de temperatura durante o mês de janeiro, havia até uma possibilidade de que um superaquecimento fosse o culpado pelas reinicializações. No entanto, não vi nenhuma vez o aviso de que o iPhone "precisa esfriar", geralmente exibido nessas situações. Além disso, o problema aconteceu inclusive em Barcelona, durante a Mobile World Congress, onde as temperaturas giravam em torno dos 12ºC, mas apenas uma vez em uma semana.

As reinicializações aleatórias são um problema conhecido do iOS 7. A própria Apple reconheceu o defeito e havia prometido em janeiro uma correção de software para a falha. Mas, enquanto escrevo este parágrafo, com a última versão do iOS, continuo com um smartphone com preço sugerido de R$ 2.799 que reinicia sozinho. Será que cinco meses após o lançamento não foi tempo suficiente para encontrar uma solução?

Os aplicativos do iOS, apesar de parecerem mais bem cuidados e possuírem belas interfaces, foram tão ou mais instáveis que os do Android. Tanto aplicativos de terceiros (especialmente Mailbox, Ashes, Hangouts, Nike+ Move e Facebook) como nativos (Safari e o menu de ajustes) travaram e fecharam repentinamente algumas vezes ao dia durante esses três meses de uso. Para não ficar apenas em impressões pessoais, pesquisei a respeito e encontrei um estudo que corrobora minha experiência.

No entanto, as falhas dos aplicativos são tratadas de maneira diferente: o Android costuma exibir uma mensagem de erro informando que o aplicativo falhou, enquanto o iOS simplesmente encerra o aplicativo sem mais nem menos, mesmo comportamento adotado pelo Windows Phone. Google, Apple e Microsoft fazem vários testes antes de lançar um novo sistema operacional, então pode ser que a falta de mensagens de erro seja proposital, para causar menos frustrações ao usuário e passar a impressão de que há menos falhas. Pode até funcionar, mas é apenas um paliativo.

Atualização: o problema das reinicializações automáticas foi totalmente corrigido com a atualização para o iOS 7.1. Os aplicativos que anteriormente fechavam sozinhos se tornaram mais estáveis. De acordo com o Ars Technica, as falhas provavelmente estavam relacionadas ao chip A7 de 64 bits, que equipa não apenas o iPhone 5s, mas também o iPad Air e iPad mini com tela Retina. Outros aparelhos não sofriam do mesmo problema.

É preciso se adaptar

Uma das peculiaridades do iOS é que o usuário não precisa gerenciar arquivos, diferente do Android e de sistemas operacionais para desktops. No iOS, cada aplicativo possui seus próprios arquivos, que não podem ser acessados facilmente por outros aplicativos. Essa abordagem simplifica as coisas para o usuário comum, funciona bem com o conceito de sincronização do iTunes e pode ser positivo na maioria das vezes, mas é discutível.

É um jeito diferente de "salvar" arquivos, mas funciona bem

É um jeito diferente de "salvar" arquivos, mas funciona bem

Como os arquivos são do aplicativo e não do iOS, algumas tarefas se tornam mais complicadas do que deveriam. Por exemplo, ao receber documentos importantes por email, que necessitavam de consultas periódicas, eu frequentemente abria o cliente de email apenas para ver os arquivos posteriormente. Não é algo muito prático e, como o Mailbox limpa o cache de arquivos baixados regularmente, era necessário baixar os arquivos mais de uma vez. Consegui resolver o problema centralizando documentos importantes no ótimo Documents by Readdle.

No Android, bastava fazer download dos documentos e abri-los a partir de um gerenciador de arquivos ou de um aplicativo dedicado para isso, como um leitor de PDF. Além disso, se eu quisesse abrir os documentos em um computador, por exemplo, era só conectar o aparelho com um cabo ou transferi-los sem fio com aplicativos como o AirDroid.

O botão de compartilhamento do iOS foi outro problema: ele é bastante limitado. No Android, esse botão está presente nos principais aplicativos e serve como uma ponte entre eles. Isso significa que, enquanto eu estiver navegando pelo Chrome ou lendo um artigo no Press, posso salvar o texto no Pocket com dois toques para ler depois.

Por ser um sistema mais fechado, no iOS as opções de compartilhamento se limitam a redes sociais, email e mensagem. Para salvar um texto no Pocket pelo iOS, preciso instalar um nada prático bookmarklet no Safari, fazer uma gambiarra enviando o link por email ou copiar o link para a área de transferência e então abrir o Pocket. Não é a coisa mais complicada do mundo, mas poderia ser mais simples.

Mais opções de compartilhamento seriam bem-vindas

Mais opções de compartilhamento seriam bem-vindas

O que sinto falta

Os smartphones Android possuem várias interfaces diferentes devido às modificações das fabricantes, mas quase todas possuem um elemento em comum: permitem adicionar não apenas ícones de aplicativos, mas também widgets na tela inicial. Até a linha Nokia X, com uma interface extremamente modificada, que lembra muito mais o Windows Phone do que o Android, permite adicionar widgets. No iOS, não há widgets ou algo parecido.

Durante o tempo em que usei Android, eu nunca fui um usuário que enchia a tela de widgets, mas alguns eram bem úteis: o Google Agenda me mostrava os compromissos dos próximos dias, o Gmail me mostrava os últimos emails recebidos e o Google Keep me ajudava a manter a lista de tarefas e as anotações sob controle. Tudo isso sem abrir nenhum aplicativo: as informações estavam logo ali, na minha cara. O iOS até exibe algumas informações úteis na central de notificações, mas nada tão adaptável como no Android.

A App Store é superior ao Google Play em alguns pontos, como a quantidade e qualidade dos aplicativos, mas ainda carece de recursos. Não há como experimentar um aplicativo, por exemplo: para quem fez uma compra e se arrependeu, o processo de reembolso não é tão trivial e claro. No Android, posso testar um aplicativo por 15 minutos e desistir da compra. No Windows Phone, melhor ainda: a maioria dos desenvolvedores disponibiliza versões de teste, com algum tipo de limitação (funciona por alguns dias, possui anúncios ou não tem todos os recursos, por exemplo).

Seria mais interessante se o app fosse baixado para o iPhone, não para o Mac

Seria mais interessante se o app fosse baixado para o iPhone, não para o Mac

Além disso, a necessidade de abrir o aplicativo da App Store ou conectar o aparelho ao iTunes é uma ideia pouco prática quando comparado aos outros sistemas, que permitem instalar aplicativos apenas clicando em um botão na versão web da Play Store ou Windows Phone Store. Quando estou navegando em um site e leio uma recomendação de aplicativo, quero apenas apertar um botão e instalá-lo, não pegar o smartphone, abrir a App Store, fazer uma busca, tentar encontrar o aplicativo, tocar em um botão, digitar minha senha (ou colocar minha digital) e confirmar a instalação.

Entre os aplicativos, praticamente todos os que estão disponíveis para Android também possuem versão para iOS, mas o SwiftKey é o que mais gera saudades. A Apple não permite a instalação de teclados de terceiros que operem de maneira global, ou seja, que funcionem em todos os aplicativos. O SwiftKey levou algumas das tecnologias do teclado para Android ao iOS por meio do aplicativo de notas SwiftKey Note, mas os diferenciais só estão disponíveis nele.

Saudades, SwiftKey

Saudades, SwiftKey

O SwiftKey é um dos primeiros aplicativos que instalo quando testo um novo smartphone com Android. À primeira vista, ele pode não parecer tão diferente, mas o segredo está no autocorretor, que aprende à medida que você escreve e corrige palavras automaticamente de maneira extremamente eficiente. Como ele permite sincronizar o dicionário com a nuvem e possui a capacidade de aprender com o que você já digitou (através de emails do Gmail, posts no Facebook e tweets), hoje o SwiftKey praticamente adivinha o que vou escrever.

E o iPhone?

Touch ID: uma nova forma de comprar por impulso

Touch ID: uma nova forma de comprar por impulso

Enquanto o software tem seus problemas e dificuldades de adaptação, do hardware não tenho muito o que reclamar: o iPhone 5s é um aparelho fantástico. Ele tem o melhor acabamento que já vi em um smartphone, uma tela com qualidade impecável, uma câmera que tira fotos excelentes e um desempenho que ainda não notei em nenhum Android. Não é para menos: a Apple conseguiu desenvolver um ótimo processador e ainda tem a vantagem sobre os concorrentes de produzir tanto o hardware quanto o software, para extrair o máximo de desempenho possível.

O sensor de impressões digitais Touch ID é bastante útil no dia a dia. Pode parecer besteira, mas é difícil ter que voltar a digitar senhas para desbloquear o aparelho ou fazer compras na App Store depois de passar algum tempo simplesmente mantendo o dedo posicionado no botão Home. É bom saber que é possível manter os dados protegidos caso o aparelho caia em mãos erradas ao mesmo tempo em que desbloqueá-lo seja uma tarefa tão natural para o dono.

Meu único problema com o iPhone 5s talvez seja a bateria: para muita gente, ela é suficiente para aguentar um dia inteiro e chegar em casa com um resto de carga; para mim, mensagens de bateria fraca sendo exibidas antes do fim do dia (às vezes bem antes) são uma situação bastante comum. Há quem prefira smartphones finos; particularmente, prefiro aparelhos com baterias maiores, mesmo que isso signifique um aumento na espessura e no peso.

Mas pelo menos há um lado bom nessa história: com capacidade de apenas 1.560 mAh, carregar o iPhone 5s é extremamente rápido, seja pelo carregador de tomada, seja pela porta USB do notebook. Se a bateria não consegue durar o dia todo comigo, pelo menos não perco muito tempo deixando o smartphone carregando.

troquei-meu-android-por-um-iphone-fecha

Vale a pena comprar um iPhone 5s? Pensando no custo-benefício, de maneira alguma: é possível adquirir excelentes smartphones com Android e Windows Phone pela metade do preço, de forma que atualmente não faz muito sentido gastar cerca de 3 mil reais por um celular. No caso da Apple, há também o problema dos preços abaixarem somente quando uma nova geração é apresentada, enquanto smartphones de outras fabricantes frequentemente aparecem em promoções por preços muito menores que os de lançamento.

Por outro lado, para quem quer comprar fora, ganhou um bom desconto da operadora ou simplesmente enjoou do aparelho atual, recomendo a compra: o iOS pode ter seus problemas e a bateria do aparelho poderia durar mais, mas o iPhone 5s é o melhor e mais equilibrado smartphone que já tive contato até o momento.

Mais sobre: ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

mitra mitra
Resumindo: Fez uma merda.
Vitor
Adoro iPhone e suas funcionalidades são ótimas. Fora as capas iradas que tem nesse site https://www.capastore.com.b... alguém já comprou ?
PATRÍCIA FERREIRA
O meu também é um S4 e nunca deu problema também, nem travamentos... Comprei o iPhone 6s nesse final de semana em uma loja própria da Apple, a iPlace... Juro, prefiro mil vezes o Galaxy, o iPhone é excessivamente minimalista.. Estou me sentindo como tivesse regredido com relação ao smartphone... não gostei...
Richard Guere
isso depende de celular, vc deve ter comprado um china réplica(fake) cópia de um aparelho original. O meu Galaxy S4 original tem 3 anos de uso e nunca me deixou na mão.
Philip Henrik
Odeio teclado de iPhone, não têm teclas direcionais, não dá pra você voltar letras ou palavras se você errou alguma palavra, têm de usar aquela lupa chata que sempre sai de foco e não consigo por nas letras certas, um saco, odiei isso no iPhone, e não há como por outros teclados... O Android é muito melhor nesse e em outros quesitos. Eu queria comprar um Android mas como os top de liha são mais caros que iPhone, tive de comprar um iPhone mesmo, pois faço questão de ter um celular rápido, que dure anos e que não me deixe na mão uando eu precisar, e Android intermediário não cumpre nenhum desses quesitos...
Antoni Wroblewski
Nunca usei iphone, mas minha experiencia com Android é só de tristeza. Tudo que relatam de mal do android eu constatei sendo verdade, é lento, trava o tempo todo, uma tonelada de aplicativos que não funcionam ( então a propaganda de ter vários aplicativos não é uma verdade, pois os diversos aplicativos nãos ervem para nada).
O mais estranho é que meu celular android, e dos meus amigos, dura apenas um ano. Após um ano ele começa com defeitos inesplicaveis, mal funcionamento. Resetei o celular várias vezes, e a partir que ele começa a baixart sozinho atualizações do sistema ele volta a não funcionar, o que me leva a crer que em uma destas atualizações de sistema há uma espécie de 'vírus' que começa a fazer o sistema funcionar mal e obriga o usuario, de saco cheio , a comprar outro.
Fica aqui a minha experiencia, android nunca mais. Realmente deve valer a pena pagar 5 mil em um iphone se este funciona, por que o sistema Android é jogar dinheiro fora, dinheiro com o celular e com sua saúde uma vez que você fica puto da vida de ter pago caro um lixo como o Android.
Vinícius Guerra
O problema do Android é ter um sistema bem mais pesado , cada empresa customiza como bem entender . Insegurança , falta de atualizações . Usuário mais experiente não usa Android , prefere IOS e Windows 10 Mobile . Embora o Android puro , criado pelo Google , seja até bom , mas carece de recursos .



IOS é caro , mas é um sistema bom , robusto e bem eficiente . Atende desde o cliente mais básico até os mais avançados , com a sua loja de apps .
Dri
Concordo.
Dri
Pelo contrário, utilizei ios por 2 anos e agora voltei para o Android. Cada sistema tem suas qualidades. Só que hoje considero o ios limitado em relação as inovações que vem surgindo nos aparelhos Android.
DeztMusic!
Como afirma que o Android é instável se meu LG G2 nunca travou? Inclusive ganhou como melhor smartphone do mundo no ano de seu lançamento.
DeztMusic!
A do meu LG G2 aguenta 2 dias e eu posso gravar vídeos em 4k ou 1080p a 60FPS ou 720p a 120FPS, nunca travou e humilha o iPhone 6 Plus por um preço absurdamente menor.
DeztMusic!
Meu LG G2 nunca travou e da de 10 a 0 no iPhone 6 Plus quando eu uso a Cloudy 5.0.2
DeztMusic!
Lendo esse artigo e tendo testado um iPhone 6 Plus, percebo que a única razão para comprar um iPhone é o status, não é a toa que desde o Galaxy S2 quando ganhou como melhor smartphone do ano, de la pra cá só deu LG, HTC, Sony, etc.

Pode até ter quem gosta, eu até gostaria de ganhar um, pra vender para um leigo e comprar outras coisas melhores.

O iPhone 6 é comparável a um smartphone qualquer de 2013.
isaias
Eu odeio a Apple inteira, vc não tem liberdade pra usar o Bluetooth, ainda tem essa coisa de iTunes, não sei como as pessoas usam esse sistema, q impõe como o usuário deve proceder... Também não gosto de Android. To bem com meu lumia. Obrigado.
Cobalto
Aguardando ansioso para descobrir para onde você vai migrar no post do ano que vem :)
Daniel Cobalto
Aguardando ansioso para descobrir para onde você vai migrar no post do ano que vem :)
Marins
você falou algo muito interessante comparando iOS e Android, toda a diferença na padronização e o fato do Android não conseguir impor seu design nos apps. Cada app é de um jeito, qualquer um desenvolve app e coloca na Play Store, e por fim, de 10 app's que você instala, 4 não funcionam, ou não conseguem fazer metade do que prometem.
Isso está quase me levando a comprar um Iphone 5s, mas tenho medo de sentir muita falta da liberdade que tenho no Android, já que gosto de configurar tudo, clock, 3g, e automatizar tarefas por meio de apps especificos.
Ana Carolina Cordeiro
Parabéns, Higa! Um artigo conciso, imparcial, sem medo de mimimi. Eu sempre achei meio bobagem ser "fiel" à um sistema e não querer mudar nunca, já que smartphones são muito pessoais, e é uma beleza a gente poder escolher aquele que atende às nossas necessidades, mesmo com elas mudando durante nossa vida. Quero mudar meu Milestone 2 já faz uns 4 meses (ele tá rodando há dois anos e meio, o coitado), e não consigo me decidir. Não comprarei um iPhone, principalmente porque, para minhas necessidades, não vale a pena, além de ser muito (MUITO!) caro e eu não gostar nem um pouco do teclado dele e da falta de liberdade que ele me dá. Agora eu não sei qual comprar, estou em dúvida entre o Moto X e o Lumia 925. Ou o mais baratinho Moto G...
Allyson Matheus
troquei um galaxy s3 por um iphone 5s depois de 3 anos usando o robo verde decidi ver oq a galera de cupertino apronta com o ios, e eu gostei achei o ios 80% melhor que o android so de nao ter os travamentos constantes que tinha no robo ja e um alivio, toda mudança e dificil sim e sinto falta de algumas coisas do android como gerenciador de arquivos, mas o ios me conquistou
Heitor Barreto
Abraão Caldas é concordo em partes, mas o cara escritor foi um pouco imparcial ele não esculambou o android muito menos o ios, só colocou os pontos positivos e negavitos de cada um dentro da necessidade dele no dia dia.
Heitor Barreto
Se ele ja teve todo esse falta por conta da mudança tendo um galaxy nexus, imagine se ele tivesse saido de um smartphone mais top do anodrid, sinceramente um dos motivos que nunca me fez sair do android, são essas restrinções que tem no ios sou usuario do android desde 2011 e estou satisfeitissimo, mas boa analise do cara pelo menos ele não puxou sardinha só pra o ios, mas ao meu vê o android atualmente é superior ou ios, mas se vc puder ter os 2, é uma boa, um supri oq falta no outro.
Leonardo Ribeiro
Alberto Brandão É dele mesmo que estou falando, pra mim qualquer aparelho tem ser o sistema PURO ai sim a pessoa realmente terá a experiencia com o SO de fato;
Alberto Brandão
Leonardo, me expressei errado. Malz.

Mas a ideia ainda é a mesma, o único android que respeita o usuário é o Nexus.

Abraços!
Leonardo Ribeiro
O android não "força" você trocar de smartphone anualmente, a fabricante que força, por exemplo o paulo que tinha um galaxy nexus ainda e só agora parou de receber atualização da google.
Bruno Silveira
Eu estou com um Moto X a umas 2 semanas, e tirando a camera q realmente deixa a desejar para um top de linha, no resto é um excelente aparelho... Nao curto andar com uma telha no bolso....nem interface muito modificada.. ate agora ele nao travo nenhuma vez.. intao para mim ja esta de bom tamanho...
Yuri Anderson
depois do galax S 3 que tenho vou comprar esse brinquedinho aew presta??
Yuri Anderson
http://www.youtube.com/watch?v=FNHXbANaVZQ
Paulynho Lima
Para os babões do iPhone.

Uma análise imparcial!
wallacemsw
Excelente Artigo, Parabéns! Também fiz a troca de Android pra iOS e o que mais senti falta foram as opções de compartilhamento entre aplicativos e do ótimo SwiftKey. Mas no geral estou muito satisfeito com meu Iphone 5S.
Cinthya Silva
E você também deixou confuso quem leu o seu post... gostou ou não do artigo? kkkkk dimaishhhhh
Ronaldo Jacintho
Acabei de comprar um 5s dourado pra minha filha e ia comprar outro pra mim,mas depois do excelente artigo,desisti!Devo um niguiri ao Higa!!!
Ronaldo Jacintho
Maurício Gomes Lucas :O do Higa era um GALAXY NEXUS.
Marcos Guilherme
Gostei da matéria, já pensei em ter um iphone mais depois dessa acho que não vale mais a pena, você me convenceu que o robozinho verde da conta do recado com preços bem mais em conta, comprei meu moto x e estou feliz de mais com ele.
Marcos Guilherme
Grandes verdades, ótima matéria!
gustavodanielfernandes
Boas

Eu tenho um iPhone 5 (quase à 1 ano) com mais de 140 aplicações instaladas (sem contar com as que já traz de origem) e NUNCA assisti o meu iPhone a reiniciar sozinho...mesmo!!

A única coisa que lamento é o iPhone não ter uma bateria com mais capacidade, no entanto, a bateria aguenta o dia todo.....e eu faço um uso intensivo do iPhone, isto é, mais de 2h horas ao telefone em chamadas; envio e receção de emails; 3G e Wifi sempre ligado.

Cumprimentos,
Gustavo
Daniel Eloi Brauna
Sou apaixonado por tecnologia e possuo as 3 plataformas praticamente desde o lançamento de ambas. Atualmente uso um iphone 5s, Note 3 e um lumia 1020(comprados no exterior, praticamente os 3 pelo preço de um aqui no Brasil). Até hoje nunca li em blogs uma opinião tão boa quanto a sua. Concordo plenamente com o que disse. Nenhum smartphone consegue ser tão rápido e fluido quanto o iphone5s, ele tem o melhor acabamento e um belo ecossistema, mas isso não garante vitória...A flexibilidade do android(que creio ser o motivo que o torna instável) me faria escolhe-lo caso eu precisasse ficar com apenas uma plataforma. De qualquer forma quem escolher entre um e outro estará muito bem servido. Na minha opinião o WP ainda corre por fora, é um bom sistema, mas carece de alguns recursos, amadurecimento e uma loja mais completa. Se não fosse pelos diferenciais da nokia (camera sem igual, hardware e softwares) estaria ainda mais no ostracismo.
Daniel Eloi Brauna
Sou apaixonado por tecnologia e possuo as 3 plataformas praticamente desde o lançamento de ambas. Atualmente uso um iphone 5s, Note 3 e um lumia 1020(comprados no exterior, praticamente os 3 pelo preço de um aqui no Brasil). Até hoje nunca li em blogs uma opinião tão boa quanto a sua. Concordo plenamente com o que disse. Nenhum smartphone consegue ser tão rápido e fluido quanto o iphone5s, ele tem o melhor acabamento e um belo ecossistema, mas isso não garante vitória...A flexibilidade do android(que creio ser o motivo que o torna instável) me faria escolhe-lo caso eu precisasse ficar com apenas uma plataforma. De qualquer forma quem escolher entre um e outro estará muito bem servido. Na minha opinião o WP ainda corre por fora, é um bom sistema, mas carece de alguns recursos, amadurecimento e uma loja mais completa. Se não fosse pelos diferenciais da nokia (camera sem igual, hardware e softwares) estaria ainda mais no ostracismo.
Renato Santos
Gostei do review! Analisou certinho os pontos de um iPhone. E quanto as reinicializações, realmente foi um problema do iOS 7, porém a estabilidade parece bem melhor agora no 7.1 (esse bug parou)!
Cleuber M. Silva
Ótimo artigo, me ajudou bastante, porém, falou-se de muitos problemas do iPhone, especialmente de reinicialização constante do aparelho e dos apps e que era pior do que no Android, e falta de praticidade na appstore, falta dos widgets e etc, mas no fim disse que é "o melhor e mais equilibrado smartphone", pareceu meio contraditório e me deixou confuso no final sobre o que achou realmente, - melhor que Android ou não?
Jorge Vittori
Muito bom, me ajudou a decidir pelo Android. Quaaase comprei o iPhone e vi que ia passar o mesmo problema.
Raphael Henrique
Fez a melhor escolha, quem usa iOS uma vez, nunca mais volta para android.
Everton Junior
o mais incrivel foi no meu caso, tenho um xperia arc, um exelente aparelho porem limitado comparando aos aparelhos atuais, ele foi adquirido por mim ha dois anos, sendo que ja tinha um ano de uso, os travamentos eram constantes, ateh que conheci as roms cm entre outras, hj estou usando o android 4.4.2 kikat cm 11 carbon rom, e esta rodando incrivelmente bem. #CARBONROM #CM11 #CYANFOX
Everton Junior
parabens pelo texto!!! nao troco o android porque existe um lance fantástico que se chama custom rom!!! eu por exemplo estou usando um android 4.4.2 kitkat rodando liso sem bugs ateh agora, depois de três anos com o robozinho so me apego mais e mais, ja tive dores de cabeça, apenas com as roms originais, ja o ios nao conseguiu me prender por diversos motivos, o principal foi por ter um sistema fechado, mas nao posso sair dizendo por ai que e um sistema ruim, pelo contrario para quem usa apenas para telefonar ver videos e usar as redes sociais se trata de um otimo sistema!!!
Michelle Rocha
esse problema de reiniciar é problema do seu iphone! O meu nunca acontece isso e tenho iOS7
Cesar Mietti
Rápido ou não, essa é uma das coisas que o Galaxy S5 vem desbancar... Ele tem, por enquanto, o zero shutter lag mais rápido do mundo
Gustavo Bresolin
Marcio, tem algo que deixou de funcionar usando o CyanogenMod no S2 ? Tipo rádio FM ou algo do tipo...
Joyce Kobayashi Farias
Realmente é status rsrs
Queria poder ter "experimentado" outras sistemas p poder comparar ?
Diego Janjão
Joyce Kobayashi Farias Não estou dizendo que é ruim, é um ótimo sistema. Mas acho muito mais "status" do que realmente bom. Eu usei o Windows Phone no Lumia 520 e era muito bom, muito mesmo. Agora quero um Lumia mais robusto, pretendo pegar ou o Lumia 920 ou o Lumia 625.
Joyce Kobayashi Farias
Como sou leiga nesse assunto, meu primeiro e acredito q será o único smartphone é o IOS, não consigo me arrepender nenhum minuto por ter adquirido ele ?
Sidney Piesco
Bruno B S Cabral comentário aceita qualquer coisa. Posso falar que já trabalhei na fábrica da Samsung, que já montei iPhone na Foxcom e etc, que ninguém pode provar o contrário. Continuo dizendo que, pelo seu comentário, me parece que você não tenha visto muitos aparelhos.
Diego Janjão
Eu tinha Android, fui pra Windows Phone e por pura curiosidade fui para o iOS, e não vejo a hora de encontrar comprador pro meu iPhone e eu voltar pro Windows Phone
Victor Cardozo
Acho que já saiu a atualização do Kitkat para o Galaxy S3.
Josiel Hen
É simplesmente pavoroso olhar sua gaveta de apps e perceber que não há sequer um ícone em harmonia com outro, isso é um dos motivos que tornam o iOS um sistema tão limpo e, sim, simples de se operar. No Android existe mais liberdade, há mais poder imposto pelo usuário, mas essa liberdade tem um preço, tal qual a falta dela no iOS. O irônico, no entanto, é que uso Android (Nexus 4) justamente por essa liberdade, mas não aproveito ela completamente, e me frustrei bastante achando que teria uma experiencia semelhante ao iOS (minha irmã tem um iPhone, o qual, com mais de 1 ano e meio de uso, se encontra totalmente funcional, sofreu com a atualização do iOS, mas nada que ofusque a experiencia anterior), no final, apps com lags irritantes (mesmo os do Google), travamentos contínuos, tela apagando e indo para a de bloqueio, e, novamente, apps com design by FroYo.
Isaac Metzker Estrela Batista
Faça Bom Uso
Christian Oliveira
Seu aparelho deve estar com defeito de hardware, tenho um 5c e um 5s, nunca houve problema de reboot em ambos.
Alberto Brandão
e aí Paulo?

Cara, eu tive uma experiência totalmente oposta que você, achei isso muito intrigante.

Sempre usei android e recentemente (novembro) troquei meu galaxy s3 por um iPhone 5s (32). Inicialmente senti falta de zilhões de coisas que sempre usei no android, principalmente os aplicativos que eu havia comprado e agora já não poderia mais utilizar. Como comentou o Swiftkey faz falta e acho que é a coisa que mais me desanimou no inicio com o iPhone.

A questão dos aplicativos serem baixados para o iTunes achei controversa, quando instalo algo pela iTunes Store no Mac ele baixa automaticamente para o iPhone, sem intervenção alguma. Inclusive uma das primeiras surpresas foi a falta de necessidade de plugar o aparelho ao iTunes, juro que nem lembro quantas vezes fiz isso, talvez só para transferir fotos, mas normalmente pego do dropbox (upload automatico). Repare novamente, pode até demorar um pouco, mas os aplicativos baixados pelo computador são baixados automaticamente pelo aplicativo.

Os travamentos também são surpresa para mim, nunca precisei reiniciar meu aparelho e nunca sofri nenhuma lentidão, também sem históricos de crash nos aplicativos. (Nesse caso eu posso ter sido premiado, vai saber).

A quantidade de aplicativos eu também achei o inverso, apesar de sempre falarem isso, achei que o Android conta com maior diversidade e opções, principalmente aplicativos gratuitos.

Já o Share de informação entre os aplicativos é um grande Gol para o android, até hoje tento compartilhar uma foto da câmera direto com o instagram e fico chateado por não poder.

Atualmente quando me perguntam (sempre defendi o Android com unhas e dentes) continuo afirmando que o Android em termos de funcionalidade é superior ao iPhone, mas o iPhone é superior em 2 quesitos muito importantes que definiram minha compra.

1. Acabamento: Como você mesmo mencionou, o acabamento do iPhone 5s é impecável, ele realmente parece feito para custar o preço dele (não digo o preço brasileiro) ao contrário da maioria esmagadora dos androids. Os aparelhos da samsung, que sou mais familiarizado são de plástico e até os mais caros (como era o caso do s3) parecem feitos de material de segunda linha. Isso se repete em praticamente todas as fabricantes de android, onde os aparelhos são frágeis, mal acabados e com cara de aparelho barato.

2. Obsolescência: Os androids quando vão beirando um ano de uso se tornam praticamente inutilizáveis. A experiência do Galaxy S3 foi inteiramente frustrante para mim. Com um ano de uso a câmera as vezes demorava bastante tempo para abrir, as vezes crashando, lentidão para abrir a lista de contatos e muitos problemas de lentidão em vários momentos. Hoje o s3 está com minha namorada, que mesmo sabendo bem pouco sobre smartphones, reclama bastante da lentidão. (Eu formato ele frequentemente para ver se consigo um ar a mais, mas não funciona mais tão bem). Os iphones obviamente também tem seus problemas de obsolescência, mas bem menores que os aparelhos da linha Android. Principalmente quando falamos de versionamento. Usuários com iPhone 4 e 4s ainda utilizam seus celulares satisfatoriamente, atualizações e tudo mais. Já os robozinhos na maioria das vezes saem de fabrica com sistema operacional obsoleto e ficam assim para sempre. O galaxy s3 nunca recebeu a versão corrente do Android, está sempre 1 ou 2 atrás.

Eu na decisão de comprar o iPhone optei por um aparelho que durasse alguns anos. Cansei de trocar aparelhos anualmente como o Android força. Com uma curva de aprendizado e tudo mais, digo que faço tudo que fazia antes no Android mas sem a preocupação de precisar comprar um aparelho novo no fim desse ano. Não comprei o aparelho no Brasil então o custo não me feriu, paguei o mesmo que pagaria em qualquer android. Só quero um aparelho que se mantenha funcional por muito tempo e não se autodestrua.

Fica minha opinião ai, grande abraço!
João Arêas
Excelente texto.
Maurício Rodrigues
Muito bom artigo, e mostrar que iOS não é perfeito, e que Android não é o pior dos sistemas, o problema do Android é a desfragmentação e muitas vezes certas customizações dos fabricantes. Uso um Xperia ZL, e apesar das customizações da Sony nunca vi um aparelho Android tão fluido e responder tão bem as tarefas, sem engasgos ou travamentos, e falo de um aparelho com mais de 90 apps instalados fora os nativos da ROM. Ja usei o iPhone 4S, e por ser um sistema bem limitado no quesito customizações decidi voltar a usar o Android,e ir em definitivo para aparelhos Sonys, fora eles certamente só usaria Nexus. Aqui no ZL uso mais de 1GB dos 2 disponíveis de RAM e isso nunca causou engasgos, sem duvidas credito pro gerenciamento de RAM do Android 4.3 que não é dos piores. Não comprem um Pocket Neo e queiram que o aparelho tenha um desempenho comparável a um iOS. Isso vale para os fãboys Apple.
Toloko
Tô contigo!
Comprei um Nexus 5 32Gb no começo do ano e vendi meu iPhone 5... Assim como você e o Higa, queria mudar, queria algo novo... Principalmente uma tela maior...
Não tenho o que reclamar do Nexus, gostei do aparelho, desempenho, e tudo mais.. Mas se o iPhone 6 vier com uma tela maior, eu volto pra ele... Como tenho Mac e iPad também, essa sincronia dos três, é sensacional!
Cesar Rodrigo Bagatoli
Olá, sou usuário de Android e já fui usuário de iPhone, pela primeira vez vejo alguém sensato falando de coisas inteligentes, diferente de muitos fanboys por aí que malham o pau no Android (ou vice e versa) sem mesmo ter usado... ou comparando um Android de 400 reais com um iPhone de 2mil... No meu caso, para smartphones prefiro Android, mas nunca xinguei e nem vou xingar o IOS, é um ótimo SO igualmente ao Android, ambos tem seus prós e contras, vai de cada um escolher o melhor para si. Abraço e ótima matéria.
Lucas Caton
Também escrevi um texto quando voltei a usar iOS:
http://blog.lucascaton.com.br/index.php/2013/12/20/por-que-eu-voltei-a-usar-ios-iphone/
Charles Buss
João Cadidé no caso você pode configurar para os LEDS da câmera piscarem nas notificações mas pelo que me recordo a tela continua ligando.. XD
Leonardo Ribeiro
Eu sempre disse uma coisa e vou dizer por um bom tempo, android só serve para smartphone e ios para tablet, pelo menos essa é a minha opinião, o android tem muito o que crescer ainda para ser um bom sistema para tablet e o ios ja foi ultrapassado pelo android em smartphone. Pelo menos é o que eu acho.
Aldenir Craveiro
Gente a verdade é que nunca vão fabricar um aparelho que cubra nossas vontades, eles sabem que tem que vender aplicativos e aparelhos novos, se ao contrario iram falir !
Bruno B S Cabral
Sidney Piesco Ngm ainda chegou no shotter do Iphone em velocidade, estão quase lá mas não chegaram. Tenho acompanhado todos os aparelhos que lançam e testando eles em mãos (nas loojas da vida) desde 2010 (trabalhava até fim do ano passado na loja própria da VIVO no shopping iguatemi de SP).

Meu querido Moto X não chega perto, Lumia 1020 é bem rápido, assim como Z1, NOte III tbm, mas ainda não chegam tão rápido. Qualidade é outra coisa, to falando só de shotter.
Diego Vieira
Gostei muito do artigo, bem imparcial, como falaram, eu fiz basicamente o mesmo caminho, mas eu estava com Android há mais tempo. E por incrível que pareça, pra mim a mudança não foi tão dificil quanto pareceu para o autor e quanto ao problema de reinicialização, no meu caso pelo menos ocorreram muito poucas vezes, nunca chegou a incomodar.
Rodrigo Fante
Pedro Gabriel Morais Comigo também não, mas 2 não é exatamente uma amostra confiável para dizer que isso não ocorre, principalmente existindo foruns cheios de donos de iPhone(e Android) reclamando do problema
Pedro Gabriel Morais
Rodrigo Fante NUNCA aconteceu isso comigo desde meu primeiro iPhone JURO por deus
Rodrigo Fante
Eu também não tenho esse problema, mas é fato que ocorre, não apenas no iOS como no Android, tenho muitos amigos com Android que também reclamam disso diariamente, infelizmente é um mal moderno.
Rodrigo Fante
É desvantagem para quem gosta de fuçar e vantagem para quem não gosta de complicação, vai do perfil.
Rodrigo Fante
Abraão Caldas Blog não tem obrigação de ser imparcial, o que não quer dizer que um artigo não pode ser, este texto é incrivelmente neutro, mesmo sendo opinativo.
Rodrigo Fante
Rafael Luik E não é? pelo menos das grandes.
João Cadidé
Renan Monteiro Como asim? Que leds?
Renan Monteiro
João Cadidé Lembrando que, no iPhone, você pode configurar para ser notificado dos pushs com o piscar dos LEDS.
Eberson Allan Dos Santos
Lucas Corrêa Não já tive o Nexus 5 e diferente do S4 e outro Android ele e muito perfeito a maioria dos problema são relacionado aos App o que não não exclusividade do Android como mencionado nesse do Tecnoblog a Apple mascara as falhas elas existem mais usuários leigo não veem pelo preço que você paga num iPhone nem digo preço no Brasil mais sim lá fora ele ainda e mais caro que os concorrente seja WP ou Android e na verdade não tem a qualidade que deveria ter o WP apresenta menos incompatibilidade.

Apenas para você ter uma ideia

http://olhardigital.uol.com.br/noticia/iphone-e-o-smartphone-com-mais-vulnerabilidades,-revela-pesquisa/34773
http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2013/04/iphone-e-mais-vulneravel-que-android-windows-phone-e-blackberry-juntos.html

http://exame.abril.com.br/tecnologia/noticias/no-iphone-5s-apps-travam-2-vezes-mais-que-em-iphones-5c-e-5/

E mesmo sendo uma plataforma fechada e cara apresenta muitos erro.

Quanto a questão Custom ROM fica critério das pessoas exemplo você tem um Galaxy S4 acha que ele esta meio lento o que tem erro com app vc pode trocar a ROM temporariamente ou esperar sair uma atualização de correção e melhoramento e volta para ROM da Samsung e não perder a garantia, agora se você tem um Iphone 5s os erro e falhas você terá que conviver até sair um atualização sem opções.

Outra coisa cada um compra de acordo com suas necessidades então se você quer um aparelho cheio de funções inteligentes e praticas você compra um Galaxy S4 ou Moto X, caso queria algo simples e Rápido vai Nexus 5 já na linhagem do iPhone você tem apenas uma opção padrão igual para todos.
Lucas Corrêa
Eberson Allan Dos Santos Com um Nexus você também terá problemas, só que diferentes. Eu como consumidor não quero ter que ficar tendo que correr atrás de ROMs modificadas para meu aparelho dar o melhor de si, eu perco a garantia fazendo ao que a própria fabricante deveria fazer, com iOS e WP, por exemplo, não precisaria fazer isso, então isso é um ponto negativo do Android sim.

Sidney Piesco não estou dando minha opinião apaixonada, nunca tive iOS, é um ótimo sistema, mas não vale a pena. Tenho Android e não pretendo mudar nem tão cedo.
Odilon Junior
No meu caso foi só assinar o premium e escolher o Brasil como país de cobrança, minha conta ja foi migrada para a Nacional sem ter que fazer nada. E como o Spotify premium é bom.
Sidney Piesco
Bruno B S Cabral não me parece que você tenha visto muitos aparelhos.
Sidney Piesco
Lucas Corrêa meu filho usa meu antigo Galaxy S2 até hoje e nunca reclamaou de travamentos. Está com a ROM original e ele vive jogando. O que sempre vejo são opiniões apaixonadas denegrindo este ou aquele sistema. O Paulo Higa deu um banho de seriedade nessa matéria e calou a boca de muita gente.
Sidney Piesco
O tecnoblog só tem gente séria. É um dos poucos, se não o único local onde leio matérias imparciais. Todas as matérias sobre iPhone ou Android de outros veículos vem muito tendenciosas, dependendo da paixão de quem escreve. Aqui nós vemos sempre uma análise fria e técnica. Parabéns Paulo Higa e toda equipe Tecnoblog.
Bruno B S Cabral
Isto é algo que vejo que ira mudar (no caso do tamanho dos icones serem padronizados, e tbm com a estética - google tem melhorado em todo quesito design). Mas indicaria pegar um Moto X e usá-lo por um tempo. (não estou citando para comprar e trocar o seu iphone, mas testar)
Bruno B S Cabral
NA vdd eu li que ele comenta de um ótimo desempenho na câmera, somente teve problemas com reiniciar num dos momentos que foi fazer.

E a vdd seja dita, o Iphone de todos os aparelhos que vi, é o que tira as fotos mais rápido. Tanto é que o Android está para incorporar isso de forma optimizada e as fabricantes de processadores tbm
Bruno B S Cabral
Leonardo Camiza Deveria ter pego mesmo o Moto X, de todos os Androids que usei em minha vida, nunca vi um conjunto tão perfeito.

Mas como vc mesmo disse, vc está acostumado com o seu ecosistema, ipad, imac e etc. Quando se acostuma é díficil mesmo mudar.

Meu smartphone/versão do Android: Quench 1.5, Motorola milestone 2.0, Xperia x10 1.6, galaxy s2 2.3, iphone 4, motorola Razr de 2011 2.3, Galaxy Nexus 4.3, Nexus 4 4.4.1, Moto X 4.4.2 (minha mãe usa o Moto G 4.4.2 e o desempenho é 90% em comparação ao moto X).

Moto X de todos é o melhor, não só pq usa o 4.4.2 mas todos os outros eu coloquei suas últimas versões oficiais e cyanogenmod, mas nenhum consegue ser tão potente quanto o moto X. (descartei um S4 e Z1 p comprar ele, mesmo podendo usar por 2 semanas os dois)

Uso Ipad 3 iOS 7.0.4 que dá uns lags
Bruno B S Cabral
Hugo Leonardo Marques Concordo principalmente com o final do teu comentario.

Mas eu que já usei muuuuitos smartphones, não tenho como citar um melhor e mais completo e rápido (mesmo com um hardware para a época, de certa forma inferior - mesmo não sendo, ainda mais com o moto x8) é o MOTO X.
Bruno B S Cabral
Maurício Gomes Lucas S3 com touchwizz fica travando no 4.3 e perde muito desempenho após um pouco de uso.

Agora com cyanogenmod a coisa mudou completamente, ainda mais suando kit kat. E todo mundo que eu conheço e tem o s3 pede para que eu mude e depois nunca reclamam.
Rafael Luik
Willian Machado "Com fanboy é dificil dialogar"
Concordo, por isso acabo de parar de seguir a publicação.

"preferido pelos desenvolvedores" haha essa foi muito boa...
Rafael Afonso
uma pergunta eu estou interessado por um iphone e um amigo meu quer trocar eu ñ estou perguntando se vale a pena eu quero saber uma coisa eu tenho pou em meu android e coloquei meu email e soube que pou lançou para ios eu posso reuperar o meu pou do android no iphone
Sylvio Furtado
amigo, não consegui ler uma linha no seu texto que tenha me convencido a fazer o mesmo que você. E também não sei pq foi fazer essa troca, baseado no seu texto tá te dando um trabalho do caramba, além do celular instável e com bateria ruim. Sinceramente, deveria ter trocado seu Nexus por um android top mais recente. Ia pagar metade do preço e ficar muito mais feliz. Eu por exemplo estou com um LG G2 que nunca (NUNCA) reiniciou sozinho e a bateria dura facilmente 1 dia e meio (e sou heavy user). Volte para o android, você consegue fácil fácil um dinheiro nesse iphone pequenino aí!
Matheus
Uso meu iPhone 5s desde o lançamento, o telefone NUNCA reiniciou sozinho, mas alguns aplicativos simplesmente fecham sozinhos, normalmente problemas de desenvolvimento do aplicativo e não do OS.
Concordo em um ponto, custo-benefício do iPhone não o torna atrativo, eu particularmente só tenho o meu pois comprei fora, aqui eu não compraria.
Fernando Scarpin
Inclusive as transições de tela que nunca foram problema nos iPhones são ruins no 7.0. Felizmente o 7.1 será liberado logo, corrigindo esses problemas. Sinceramente não consigo entender porque liberaram um sistema Beta para o público…
Fernando Scarpin
Estou com o 7.1 beta instalado e esse problema do aparelho reiniciar sozinho não existe mais. Pena que a Apple tenha lançado o iOS 7 prematuramente. Ele é claramente um SO beta que nunca deveria ter sido liberado ao público.
Hugo Leonardo Marques
Seu nexus 4 devia estar com problema, pq nunca vi um cel tão bom quanto esse. Mas olha que eu não compro top de linha não. Comprei o Nexus 4 a uns 4 meses e não tenho nada a reclamar. Claro que nunca vou comparar com um iPhone 5S, porque é covardia. Pois só pelo preço, o smartphone já tem obrigação de ser melhor.
Clayton Lotar
Também gosto muito do que escreve! Realmente imparcial, mostrando sempre os dois lados, ruim e bom, do item que descreve ou que comenta. E lógico, gosto é igual umbigo, cada um tem o seu! Desempenho, velocidade e praticidade, é fato!
Mais uma vez, Parabéns pela reportagem.
Clayton Lotar
Também gosto muito do que escreve! Realmente imparcial, mostrando sempre os dois lados, ruim e bom, do item que descreve ou que comenta. E lógico, gosto é igual umbigo, cada um tem o seu! Desempenho, velocidade e praticidade, é fato!
Mais uma vez, Parabéns pela reportagem.
Jose Roberto Barbosa
A maioria dos brasileiros tem mania de grandeza e querer aparecer, por causa disso os tributos aqui no Brasil é o maior do mundo, porque o brasileiro reclama do imposto mas compra, tem muitos que tira uma foto ou entra em rede sociais e fazem questão de dizer que está com o iphone, sem saber que o seu grande iphone é um misto quente, cada empresa fabrica um componente dele, só made in china, não estou dizendo que é um equipamento ruim, seria até ignorância de minha parte, mas pau a pau sou muito mais o Moto G, tanto pela eficiência que nunca deixa na mão e também o preço.
Willian Machado
Joao Pedro C. Motta Com fanboy é dificil dialogar, mas você esta errado, é melhor pra você! Para mim por exemplo o Moto X é superior, os diferenciais dele para mim são muito mais...diferenciais. isso a quem do sistema, pois ai vai cair no que é prioridade para o usuário e creio que não só pra mim como para muita gente hoje em dia o tamanho da tela por exemplo faça diferença, não me adaptaria jamais a tela minuscula do iphone, assim como não me adaptaria jamais a um andoid que não fosse android, explico...a um android que não fosse puro, porque adroid como eu disse em outro comentario, não é o android da samgung com touchwiz. Mas confesso que o Iphone tem uma ótima qualidade de construção, um dos smartphones mais bonitos na minha opinião, entre outras qualidades.
Agora se o iphone 6 vier com uma tela maior (4,7 já seria de bom tamanho). Não teria problema algum em mudar de SO, sou fã daquilo que me mais me entrega o que eu procuro!
E sim o Rodrigo tem razão, mas o fanboy não entendeu a colocação dele com isso...deixa eu te explicar? O que ele disse não faz do o Iphone o melhor smartphone por isso, não precisa se empolgar!
Manoel Guedes
Uma grande vantagem do iPhone que é pouco destacada é a garantia e o atendimento ao cliente pelo 0800-761-0880 - nunca é necessário recorrer a operadora, e a assistência para hardware é a mesma que para o software.
Lucas Bitencourt Santos
Possuo um Nexus 4, e embora eu particularmente sempre tive iPhone e considero o iOS melhor, acho que não compensa a atual gerações de iPhone, já tive iPhone, 3, 3GS, 4 e 4S, e sempre convivi com pequenas atualizações que não valiam seu preço, por ora eu já estou familiarizado com telas maiores já que constantemente eu uso o Nexus 4 e o iPad, então a tela realmente se tornou um fator que pesa na minha experiência mobile.
Eu realmente espero que neste ano possamos ver um iPhone com uma tela maior, ao menos uma opção a mais de aparelho, com inovações, como aconteceu com o lançamento de um iPad, no primeiro iPhone, no MacBook Air com bateria que dura praticamente um dia.
O que falta era aquela gerencia que a Apple tinha ao demonstrar algo novo, mas com o iPhone. O TouchID, Slow-Motion câmera com um frame alto, retina display, co-processador, são ótimas inovações, mas elas ainda estão enfiadas na mesma caixa. Eu realmente quero voltar para o iPhone, mas preciso de um aparelho que me convença, assim como quando mexi no iPad Air fui tentado a querer trocar meu iPad 2.
Mexer num Nexus é uma experiência ótima, porém os aplicativos no Android acabam sendo um problema pra mim as vezes, não me faltam opções, não me falta liberdade ao compartilhar um item, o Android realmente é bom, o melhor sistema em si, se dependesse somente dele, mas infelizmente os desenvolvedores não tem a mesma visão que a Google tem, muitos aplicativos são porcos, com designs falhos, feios, da época que o Android engatinhava na 2.3, então a experiência nem sempre é boa, é complicado com um aparelho tão avançado ter que lidar com aplicativos que utilizam design de 3 versões atrás, com ícones desuniformes e serrilhados. Isso realmente está me convencendo a voltar para o iPhone, já que muitas vezes quando ligo o iPad percebo que praticamente todo aplicativo que uso se adapta ao ecosistema padrão do iOS, tanto em visual, como na praticidade de uso. Você não se perde em um aplicativo, e quase todos eles quando atualizados ao visual do iOS 7 se comportam como se já estivessem lá assim que você comprou o aparelho, e é algo que não vejo ninguém citar, mas que realmente faz falta, aplicativos que agem em conjunto com o sistema, que mantêm a mesma experiência que você tem nos ajustes, calendário, email, ou qualquer outro aplicativo do sistema em um aplicativo de terceiros, e eu realmente sou chato com design.
Agora com o KitKat eu voltei a criar esperança em que algum dia possamos ter aplicativos melhores desenvolvidos no Android, mas acho que só com uma medida drástica da Google, há de ajudar os desenvolvedores a padronizar o design dos aplicativos lançando uma nova solução de desenvolvimento.

E não deixarei de citar, ótimo review de experiência. Eu já provei de todos os SOs mobiles, e meu veredito ainda é o de que o melhor sistema atualmente é o iOS, seguido do Android. Falta muito para Windows Phone, Ubuntu Phone e Firefox conseguirem alcançar o patamar deles. Muitos dirão que o Windows Phone é o mais vendido, mas não é sobre isso que estou dizendo, é sobre o sistema, e ainda falta muita coisa nele pra que a experiência em si alcance o nível dos concorrentes, Firefox se limitará a aparelhos intermediários, o pouco que testei da ROM dele para o Nexus não me trouxe nada de interessante, e infelizmente quando testei o Ubuntu ele se mostrou muito instável, ele possivelmente será um lindo sistema, mas creio que também pecará em aplicativos a não ser que utilize aplicativos Android, isso pode salva-lo.
Luiz Fernando Ramos de Almeida
Pois é. Estou com um 1520. O aparelho é maravilhoso,mas sinto falta de recursos do Google, como o G+,mas no geral muito dos problemas do 7.5 foram resolvidos. Tive um HTC com WP 7.5 também. Usei iPhone até o 4, depois só Android. Sinto falta de recursos como a boa edição de vídeo do iMovie no iPhone, mas gosto da parte social do Android.
Marco Eduardo
Troquei o meu por BlackBerry Z10 Estou gostando, mas falta muitos aplicativos ainda única coisa que deixou a desejar de resto tem um ótimo sistema operacional
Exibir mais comentários