Início » Aplicativos e Software » Facebook anuncia WebScaleSQL, versão do MySQL para bases de dados bem grandes

Facebook anuncia WebScaleSQL, versão do MySQL para bases de dados bem grandes

Emerson Alecrim Por

Apenas poucos dias depois de lançar a Hack, linguagem de programação baseada no PHP, o Facebook libera mais um projeto de desenvolvimento, só que desta vez com o apoio de equipes do Google, Twitter e LinkedIn: o WebScaleSQL, versão customizada do MySQL projetada especialmente para suportar bases de dados consideravelmente grandes.

O projeto é fruto da experiência das equipes de desenvolvimento de todas estas empresas com o MySQL ao longo dos últimos. Como este sistema gerenciador de banco de dados não costuma ser a melhor opção em termos de escalabilidade, os engenheiros de software se viram fazendo uma série de implementações avançadas em seus sistemas MySQL para estes suportarem satisfatoriamente bases de dados gigantes e crescentes.

Mark Zuckerberg

Zuckerberg curtiu!

A troca de experiências entre eles, assim como a existência de várias outras empresas que lidam com desafios semelhantes em relação ao MySQL, é que motivaram a criação do projeto.

No anúncio feito pelo Facebook, o engenheiro de software Steaphan Greene explica que, neste estágio inicial, o WebScaleSQL tem como base o MySQL 5.6 (havendo também preparação para a versão 5.7) e já oferece recursos como framework automatizado para testes, um conjunto completo para testes de estresse, otimizações para performance, entre vários outros.

Atualmente, os engenheiros do Facebook envolvidos com o WebScaleSQL estão trabalhando principalmente em um cliente MySQL assíncrono e em um mecanismo de leitura antecipada que deve deixar buscas completas em tabelas até dez vezes mais rápidas.

O WebScaleSQL é uma iniciativa gratuita e de código aberto, o que significa que qualquer desenvolvedor pode contribuir com novos recursos ou utilizá-lo para uma implementação customizada, por exemplo. Encontre mais informações no site oficial do projeto ou em sua página no GitHub.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários.