Início » Internet » Mesmo com dólar caro, Google Play terá apps mais baratos em reais

Mesmo com dólar caro, Google Play terá apps mais baratos em reais

Por
4 anos atrás

google-android-marshmallow

O Google anunciou nesta terça-feira (17) que diminuirá o valor mínimo que os desenvolvedores podem cobrar pelos aplicativos, jogos e compras in-app em 17 países, incluindo o Brasil. A medida chega mesmo com a alta do dólar, que teoricamente deveria impulsionar ainda mais os preços.

Para os consumidores brasileiros, o preço mínimo cobrado pelos aplicativos no Google Play será de R$ 0,99. Antes da mudança (e sem as promoções do Google), um software não poderia custar menos que R$ 2,50 — na época em que esse valor foi definido, ele equivalia ao montante de US$ 0,99 cobrado nos Estados Unidos.

Outros países emergentes também terão os preços mínimos reduzidos, como Chile, Colômbia, México, Rússia, Turquia e Ucrânia. O Google já havia feito um teste com sucesso na Índia, no começo do ano, para “fornecer aos desenvolvedores mais flexibilidade” e “tornar o conteúdo mais acessível”.

Os desenvolvedores não serão obrigados a baixar o preço de seus aplicativos: eles precisam acessar o Console do Desenvolvedor do Google Play e escolher o novo valor.

Mais sobre: ,