Início » Negócios » Netflix quer aumentar relevância de escolhas em filmes interativos

Netflix quer aumentar relevância de escolhas em filmes interativos

Segundo diretor de produto da Netflix, objetivo é fazer com que cada decisão leve a um desfecho diferente

Victor Hugo Silva Por

A Netflix tem investido há algum tempo em conteúdo interativo. Além de Black Mirror: Bandersnatch, os usuários podem assistir a programas como Você Radical, com Bear Grylls, e animações como O Gato de Botas – Preso Num Conto Épico e Minecraft: Story Mode.

Black Mirror: Bandersnatch, episódio interativo lançado pela Netflix

Pictured – Fionn Whitehead

Agora, a empresa quer tornar essas produções mais elaboradas. De acordo com o diretor de produto da Netflix, Greg Peters, o objetivo é fazer com que todas as escolhas feitas sejam relevantes para o desfecho do filme ou do episódio de uma série.

Em evento realizado na terça-feira (29) no Tucarena, em São Paulo, ao qual o Tecnoblog compareceu, o executivo explicou que a empresa discute “como levamos adiante todas essas escolhas para criarmos realmente uma combinação de milhares e milhares de desfechos em potencial”.

“Queremos fazer com que a centésima escolha que você fizer leve a um resultado diferente, com base nas escolhas de 1 a 99”, explicou. Para oferecer isso, a Netflix passaria a contar com uma espécie de histórico de escolhas.

A mudança faria as produções terem um aumento considerável se comparadas aos cinco finais de Black Mirror: Bandersnatch, por exemplo. “Isso é fascinante, superinteressante, super difícil e complexo”, afirmou Peters.

Ainda segundo o executivo, a Netflix pretende usar o formato em outros gêneros. Por enquanto, ele foi usado principalmente em animações infanto-juvenis. Em 2020, a plataforma deve lançar um episódio interativo de série de comédia Unbreakable Kimmy Schmidt.

O serviço também trabalha para tornar mais sutis os momentos em que o espectador precisa tomar uma decisão. Para Peters, as primeiras produções no formato pareciam ter interrupções em certos momentos. Segundo ele, a empresa realizou melhorias em Black Mirror: Bandersnatch e deve avançar no futuro. “Vamos realmente trabalhar duro para torná-lo ainda mais suave e eficaz”.

Guerra do streaming

O conteúdo interativo, aliás, é um dos diferenciais em relação às plataformas de Disney, Apple, Amazon e HBO. Na avaliação de Peters, a chegada dos novos serviços não prejudicará a empresa. Pelo contrário, fará com que as pessoas assinem mais serviços.

“Antes da Netflix, quantas pessoas assistiam a apenas um canal na TV tradicional?”, questionou. “Pensamos menos em realmente competir com eles diretamente e seguimos o que tentamos fazer até agora na última década, que é focar nos espectadores e tentar oferecer a eles uma experiência cada vez melhor”.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

leoleonardo85

[Sarcasm on