Início » Celular » Galaxy S21 é homologado nos EUA com Snapdragon 888

Galaxy S21 é homologado nos EUA com Snapdragon 888

Samsung Galaxy S21 recebe certificado de homologação da FCC, nos Estados Unidos, com processador Qualcomm Snapdragon 888

Bruno Gall De Blasi Por

Depois do Brasil, o Samsung Galaxy S21 foi homologado nos Estados Unidos. De acordo com a certificação emitida pelo FCC, órgão equivalente à Anatel, nesta terça-feira (8), o próximo celular premium da Samsung sairá da caixa com o processador Qualcomm Snapdragon 888 no país norte-americano.

Possível Samsung Galaxy S21 (Imagem: Reprodução/Steve Hemmerstoffer)

Possível Samsung Galaxy S21 (Imagem: Reprodução/Steve Hemmerstoffer)

O certificado de homologação emitido pela agência norte-americana reverbera alguns rumores existentes sobre o celular. É o caso do processador Qualcomm Snapragon 888, novo processador da Qualcomm que deve vir embalado no interior do sucessor do Galaxy S20 nos Estados Unidos. O celular ainda deve contar com 5G, Wi-Fi 6 e NFC.

O certificado ainda aponta o mesmo carregador citado na homologação do Brasil, de modelo EP-TA800, mas não indica se o acessório acompanhará o celular nos Estados Unidos ou não. Além disso, o smartphone será lançado no país com a mesma bateria liberada pela Anatel, a EB-BG991ABY, com capacidade de 4.000 mAh.

A recarga com fio deve ser de 25 watts, segundo o documento. A melhoria ficaria pelo carregamento reverso sem fio, tecnologia da Samsung conhecida como Wireless PowerShare, cuja potência pode subir para 9 watts, o dobro do Samsung Galaxy S20.

Galaxy S21 e S21+ (Imagem: Max Weinbach/Twitter)

Galaxy S21 e S21+ (Imagem: Max Weinbach/Twitter)

O que esperar do Samsung Galaxy S21?

O Samsung Galaxy S21 (ou Samsung Galaxy S30) é um dos celulares cotados para serem apresentados pela Samsung em breve. Além do citado processador Qualcomm Snapdragon 888, o smartphone ainda deve trazer o chip Samsung Exynos 2100 em outros países, como o Brasil.

Espera-se que o celular Samsung Galaxy tenha tela de 6,2 polegadas, resolução Full HD+ e taxa de atualização de 120 Hz. Diferentemente de seus antecessores, as bordas curvas devem dar adeus ao telefone, junto com o Galaxy S21+, em 2021. O módulo para abrigar a câmera tripla também pode passar por alterações.

Assim como a Apple com as últimas gerações do iPhone ainda à venda, a Samsung irá vender o Galaxy S21, S21+ e S21 Ultra sem o carregador e fone de ouvido na caixa. “O telefone celular não será comercializado com fonte de alimentação”, apontam os documentos da Anatel revelados com exclusividade pelo Tecnoblog nesta segunda-feira (7).

Os sucessores do Samsung Galaxy S20, S20+ e S20 Ultra foram homologados pela Anatel no começo desta semana. Os smartphones devem ser lançados pela Samsung em janeiro de 2021.

Com informações: Android Authority e GSMArena

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando