Início » Aplicativos e Software » Como fazer uma reclamação nos Correios sobre entrega atrasada

Como fazer uma reclamação nos Correios sobre entrega atrasada

Além de fazer uma reclamação no site dos Correios vale checar se, no seu caso, é cabível uma indenização para compensar a falha

Gabrielle Lancellotti Por

É possível fazer uma reclamação, no site dos Correios, sobre uma entrega atrasada. No setor de fale conosco da empresa, o remetente ou o destinatário podem apresentar uma queixa sobre a inconformidade na entrega do objeto postado. Algumas informações devem ser preenchidas no formulário, como nome, CPF/CNPJ, telefone e e-mail para contato e a especificação do tipo de embalagem — caixa ou envelope.

Vale destacar que, segundo os Correios, é considerado atraso quando: a entrega, a primeira tentativa de entrega ou quando o pacote ficar disponível para retirada após o prazo previamente combinado para o tipo de serviço contratado.

Como reclamar, no site dos Correios, sobre uma entrega atrasada (Imagem: Mohamed Hassan/Pixabay)

Como reclamar, no site dos Correios, sobre uma entrega atrasada (Imagem: Mohamed Hassan/Pixabay)

Também é importante saber que um erro dessa natureza, por parte dos Correios, é cabível de indenização. Ou seja, quando o atraso na entrega de uma remessa acontece por causa de uma falha da empresa, pode haver a devolução de uma porcentagem do valor pago na postagem do item, de acordo com o tempo de atraso e o tipo de serviço contratado. Confira a tabela abaixo para mais detalhes:

Tipo de serviço contratado Nº de dias de atraso Indenização (% aplicada ao valor pago na postagem do item)
PAC 1 a 5 dias 5%
PAC 6 a 10 dias 10%
PAC Mais de 10 dias 15%
SEDEX 1 a 3 dias 5%
SEDEX 4 a 5 dias 10%
SEDEX Mais de 5 dias 15%
SEDEX Hoje Após às 18h 100%
SEDEX 10 Após às 10h 100%
SEDEX 12 Após às 12h 100%

Como reclamar sobre uma entrega atrasada [Correios]

  1. Acesse o setor Fale Conosco do site dos Correios [correios.com.br/faleconosco];
  2. Selecione “Inconformidade na entrega da remessa/Objeto postal”;
  3. Selecione “Remessa/Objeto postal entregue com atraso”;
  4. Informe se você é o remetente ou o destinatário da correspondência;
  5. Informe se você é um cliente com ou sem contrato;
  6. Preencha as informações requisitadas;
  7. Especifique o tipo de embalagem;
  8. Leia e aceite o termo de uso do Fale Conosco;
  9. Clique em “Não sou um robô”;
  10. Clique em enviar.

Nota: as informações requisitadas mudam de acordo com a especificação de um cliente com ou sem contrato.

Formulário de reclamação dos Correios sobre entrega atrasada (Imagem: Reprodução/Correios)

Formulário de reclamação dos Correios sobre entrega atrasada (Imagem: Reprodução/Correios)

Outros casos de possível indenização [Correios]

Entrega indevida, avarias, roubo e extravio de mercadorias também são casos de possível indenização, ao avaliar as circunstâncias da ocorrência. Sendo assim, ao enviar uma peça de alto valor financeiro via Correios, é importante contratar o serviço adicional “Valor declarado”.

Isso viabiliza o pedido de indenização do valor declarado e equivalente ao prejuízo total ou parcial, em situação de extravio ou danos ao item. Neste caso, o conteúdo do pacote deve ser apresentado, no momento da postagem, antes de lacrar a embalagem. O valor do objeto deve ser apresentado no formulário de declaração de conteúdo [correios.com.br/declaração], disponível no site da empresa. A quantia pode ser comprovada mediante apresentação da nota fiscal da compra.

No caso de danos totais ou parciais ao item, o objeto passará por uma avaliação e, de acordo com o resultado da apuração feita pelos Correios, um ressarcimento pode ser oferecido a quem fez a reclamação. Já em circunstâncias de extravio, roubo e entrega indevida, serão reembolsados os valores pagos pela entrega, mais os valores de serviços e produtos adicionais adquiridos, quando contratados.

Quando não cabe indenização por parte dos Correios?

De acordo com a empresa, em algumas circunstâncias não é viável solicitar indenização. Algumas das situações indicadas pelos Correios são:

  • Objeto mal embalado ou postado sem registro;
  • Item registrado e postado com endereço de destino incorreto ou incompleto;
  • No caso de retenção por autoridades alfandegárias ou polícia estadual/federal;
  • Caso fortuito ou força maior: fatores externos como enchentes, deslizamentos de terra, fechamento de aeroportos, incêndios, queda de pontes, etc.;
  • Quando um item com valor mercantil é postado sem a devida declaração;
  • Prejuízos ocultos decorrentes de mal acondicionamento ou deteriorados por seus próprios componentes elétricos, magnéticos, gravações eletrônicas, filmagens, etc.;
  • Prejuízos indiretos e benefícios não executados;
  • Suspensão de entrega solicitada e não feita.

Com informações de: Correios¹ e Correios²

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando