Início » Computador » Apple “M2”, sucessor do M1, já estaria em produção para MacBooks de 2021

Apple “M2”, sucessor do M1, já estaria em produção para MacBooks de 2021

Produção em massa de sucessor do Apple M1 já começou, diz site; chip deve aparecer nos próximos MacBooks no fim de 2021

Bruno Gall De Blasi Por

A Apple apresentou o seu novo processador com arquitetura ARM aos seus computadores no fim do ano passado. Mas já é hora de pensar no futuro: segundo o Nikkei Asia nesta terça-feira (27), o sucessor do Apple M1 já está em produção. Espera-se que o chip marque presença nos próximos MacBooks ainda em 2021.

MacBook Pro (2020) com Apple M1 (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

MacBook Pro (2020) com Apple M1 (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

De acordo com pessoas a par do assunto, a TSMC começou a produção em massa do novo chip neste mês. A expectativa é de que o componente esteja pronto até julho para o lançamento dos próximos MacBooks no segundo semestre. A peça também deve ser levada a outros computadores e demais dispositivos da marca no futuro.

Mesmo que as apostas girem em torno de “M2”, o nome oficial do chip ainda é um mistério. O mesmo pode ser dito em relação às especificações. Mas, como relata o site, o lançamento manterá o esquema de “sistema em um chip” (SoC) do antecessor.

O Apple M1 marcou sua estreia em novembro de 2020. Parte da transição para a arquitetura ARM, o novo chip chamou bastante a atenção devido à sua performance quando comparado com os componentes da Intel. Outra vantagem da novidade fica pelo baixo consumo de energia, de acordo com a Apple no lançamento.

Espera-se que o sucessor do Apple M1 apareça nos próximos notebooks da marca. Segundo informações de bastidores, a Apple deve lançar um novo MacBook Pro com arquitetura ARM, porta HDMI e leitor de cartão de memória em 2021. Outras expectativas se concentram um novo MacBook Air no fim de 2021 ou começo de 2022.

MacBook Pro (2020) (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

MacBook Pro (2020) (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Apple lança iPad Pro com Apple M1

Não são apenas os Macs que aproveitaram o Apple M1. Na semana passada, a Apple apresentou a geração 2021 do iPad Pro com o novo chip para Macs com arquitetura ARM. Além disso, a versão maior do tablet, de 12,9 polegadas, traz tela mini-LED. As demais novidades ficam pela conectividade 5G e melhorias na câmera frontal.

Mesmo com um processador de computador, a Apple não pretende levar o macOS ao iPad. É o que disse um executivo da companhia em entrevista nesta quinta-feira (22).

Com informações: 9to5Mac e Nikkei Asia

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
9 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Eu (@Keaton)

Vixi. O pessoal que correu comprar o M1 já deve estar ficando super feliz com essa noticia. hahaha
Fico imaginando o quanto vai desvalorizar o M1 depois que lançar o M2.

² (@centauro)

Se seguir a tendência dos outros produtos da Apple, não deve desvalorizar tanto assim.