Início » Celular » Motorola faz parceria para colocar recarga à distância em celulares

Motorola faz parceria para colocar recarga à distância em celulares

Parceria com GuRu Wireless pode levar recarga à distância a celulares da Motorola; Xiaomi e Oppo também apostam na ideia

Emerson AlecrimPor

Recarga à distância de bateria de celulares não é uma ideia nova, mas, até hoje, nenhuma marca tornou essa proposta realmente viável. A Motorola pode ser a primeira: nesta quarta-feira (12), a companhia anunciou um acordo com a GuRu Wireless para levar uma tecnologia do tipo a seus smartphones.

Motorola Moto G100 (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Motorola Moto G100 (imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Muitos celulares de linhas avançadas contam com carregamento via indução eletromagnética. Esse tipo de tecnologia pode até te livrar de conectar um cabo ao celular, mas exige que você o coloque sobre uma base de recarga.

A recarga à distância, por sua vez, permite que o procedimento seja realizado sem a necessidade de uma base para esse fim. O dispositivo precisa apenas estar dentro da área de alcance da plataforma da recarga. É como se esta fosse um roteador, só que focado em energia em vez de sinal de Wi-Fi.

O acordo entre Motorola e GuRu Wireless pode finalmente tirar essa ideia do papel. Como? Nenhuma das partes deu detalhes. Em seu comunicado, a GuRu se limitou a informar que a sua tecnologia “watts-over-meters” (“watts sobre metros”, em tradução livre) permite recarga à distância por meio de módulos em miniatura:

Os módulos em miniatura patenteados da GuRu possibilitarão que os dispositivos sejam alimentados em longo alcance por transferência de energia de precisão.

Não há informação sobre quando ou quais celulares da Motorola contarão com essa tecnologia.

Xiaomi e Oppo também apostam em recarga à distância

No começo do ano, a Motorola apresentou uma tecnologia de recarga sem fio que, na demonstração, funcionou a uma distância de 100 cm do celular. Mas a tecnologia ainda não estava pronta: o processo foi interrompido quando uma pessoa colocou a mão entre a estação de recarga e o smartphone.

É provável que a Motorola tenha fechado uma parceria como a GuRu para aperfeiçoar esse projeto, talvez com alguma urgência: companhias como Xiaomi e Oppo também apostam alto nessa ideia.

Na mesma época da demonstração da Motorola, a Xiaomi anunciou a Mi Air Charge, tecnologia que faz recarga à distância com potência de 5 watts para cada dispositivo conectado. A tecnologia ainda não chegou ao mercado.

Pouco tempo depois, em fevereiro, a Oppo mostrou o Oppo X 2021, um celular conceitual (portanto, não lançado) que, além de ter tela enrolável, faz recarga sem fio mesmo se for retirado da base. A empresa não deu detalhes sobre o assunto, mas supõe-se que a sua tecnologia tenha potência de 7,5 watts.

Como já dito, essa ideia não é nova. Em 2016, por exemplo, rumores apontavam que uma tecnologia de nome WattUp levaria recarga à distância ao iPhone. Como você sabe, isso nunca aconteceu.

Com informações: Engadget.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando