Quem não tem cão caça com gato. E quem não tem gato, mas tem um poderoso departamento jurídico, não se furte de chamá-lo quando necessário. É o que a Microsoft está fazendo. A empresa abriu um processo nessa sexta-feira por infração de patentes e propriedades intelectuais contra a Motorola, importante fabricante de smartphones.

Android? Não pode… Te processo!

A empresa liderada por Steve Ballmer alega que a Motorola infringe algumas patentes que dizem respeito ao funcionamento de dispositivos móveis. Entre elas, de sincronização de e-mail, calendário e contatos e de notificação de mudanças na bateria e na força do sinal de celular. Coisas básicas que qualquer aparelho mais moderno tem.

Poderia ser só um blefe da MS, a fim de que a Motorola dê uma maneirada em seus novos lançamentos. Mas é preciso considerar que o mesmo processo foi iniciado em um tribunal de Washington, nos Estados Unidos, e também na Comissão de Comércio Internacional dos EUA, uma agência que fiscaliza produtos importados — a Motorola projeta os aparelhos, que são posteriormente fabricados na China.

Reza a lenda que o alvo da Microsoft nesse processo é o Android. Como a empresa está às vésperas de lançar oficialmente o Windows Phone 7, quer usar suas patentes e propriedades intelectuais para convencer fabricantes de aparelhos a usar o WP7. Embora o Android seja gratuito, certos recursos dele são suscetíveis a esse tipo de processo.

Com informações: CNet/Beyond Binary.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Thássius Veloso

Thássius Veloso

Editor

Thássius Veloso é jornalista especializado em tecnologia e editor do Tecnoblog. Desde 2008, participa das principais feiras de eletrônicos, TI e inovação. Na mídia, também atua como comentarista da GloboNews e da CBN, além de ser palestrante, mediador e apresentador de eventos. Já apareceu no Jornal Nacional, da TV Globo, e publicou artigos na revista Galileu e no jornal O Globo. Ganhou o Prêmio Especialistas em duas ocasiões e foi indicado diversas vezes ao Prêmio Comunique-se.

Canal Exclusivo

Relacionados