Vivo Play, serviço de TV por streaming, inicia vendas para clientes da Vivo Fibra

Até então, Vivo Play App era restrito para usuários Vivo com móvel pós-pago ou controle; serviço concorre com DGO, Claro TV+ e Oi Play

Lucas Braga
Por
• Atualizado há 5 meses
Site do Vivo Play App
Site do Vivo Play App (Imagem: Reprodução)

A partir desta quinta-feira (2), usuários da banda larga Vivo Fibra poderão contratar o Vivo Play App, serviço de TV por assinatura via streaming. Até então, o aplicativo de IPTV só estava disponível para clientes com móvel pós-pago ou controle. O produto concorre com Claro TV+ App, DGO e Oi Play TV.

A assinatura do Vivo Play App dá direito a três transmissões simultâneas, com login em até 10 diferentes aparelhos. O aplicativo está disponível para smartphones, tablets, Android TV, Apple TV, Amazon Fire TV Stick e smart TVs Samsung ou LG. Também é possível transmitir o conteúdo via Chromecast.

Os planos do Vivo Play App

O Vivo Play App possui dois planos:

  • Vivo Play App Inicial, com 42 canais, por R$ 39,90 mensais
  • Vivo Play App Estendido, com 87 canais, por R$ 59,90 mensais

Os planos do Vivo Play App são sem fidelidade, ou seja, podem ser cancelados a qualquer momento sem multa. Usuários de planos móveis pós-pago ou controle também contam com tráfego de dados ilimitado para acessar o serviço, o que é ótimo para assistir TV no celular sem gastar o pacote de internet.

A grade de canais do Vivo Play App inclui canais de filmes, séries, esportes, variedades, documentários e infantis. Os planos não contemplam nenhum canal do grupo Globo, então emissoras como Sportv, GNT, Globonews, Viva e Multishow ficam de fora do serviço.

A Vivo continua vendendo planos de TV por assinatura convencional via fibra óptica, que utilizam decodificadores próprios e possuem maior grade de programação. No entanto, os preços são bem mais caros que a modalidade via app: o pacote mais simples custa R$ 164,99 por mês.

Vivo Play App concorre com Oi, Claro e DGO

A Vivo não está sozinha no mercado de TV paga por aplicativo, e sua estratégia com o Vivo Play App é estranha: a operadora restringe a adesão apenas para clientes existentes com outros serviços. Possíveis interessados que utilizam celular ou banda larga de outra operadora ficam impossibilitados de contratar.

Aplicativo Claro TV+ em smart TV com Android TV
Claro TV+ App pode ser contratado por usuários de qualquer operadora (Imagem: Lucas Braga / Tecnoblog)

Com a restrição do Vivo Play App, potenciais interessados acabam optando por contratar plataformas concorrentes que estão abertas para qualquer pessoa:

  • O DGO (antigo DirecTV Go) custa R$ 89,90 por mês e inclui 70 canais ao vivo;
  • O Claro TV+ App custa R$ 69,90 e possui grade com mais de 100 canais. Também é possível optar pelo modelo com TV Box por R$ 99,90;
  • O Oi Play TV tem 39 canais ao vivo e conteúdo do Paramount+. O serviço custa R$ 99,90 por mês, mas clientes da banda larga Oi Fibra podem contratar por R$ 69,90 mensais.

Receba mais sobre Vivo na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Lucas Braga

Lucas Braga

Repórter especializado em telecom

Lucas Braga é analista de sistemas que flerta seriamente com o jornalismo de tecnologia. Com mais de 10 anos de experiência na cobertura de telecomunicações, lida com assuntos que envolvem as principais operadoras do Brasil e entidades regulatórias. Seu gosto por viagens o tornou especialista em acumular milhas aéreas.

Relacionados