TV por assinatura

Artigos de TV por assinatura

Vivo leva app do Amazon Prime Video ao decodificador de TV paga

às 12h48 por

Clientes de TV por assinatura por fibra óptica da Vivo contam com uma novidade: a operadora anunciou parceria com a Amazon e incluirá o aplicativo do Prime Video no próprio decodificador. Isso permite que os assinantes assistam conteúdos do serviço de streaming diretamente da plataforma da Vivo TV Fibra, sem exigir uma TV box ou smart TV. Os equipamentos serão atualizados ao longo das próximas semanas.

Oi Play inicia venda de canais ao vivo pela internet

às 18h45 por

A Oi iniciou a comercialização da plataforma de streaming Oi Play através de cartão de crédito. Isso significa que mesmo não-clientes de serviços de telefonia ou TV paga da operadora podem assinar o produto, que conta com canais ao vivo de TV por assinatura e conteúdo sob demanda. Os planos incluem acesso a canais como Discovery, ESPN e conteúdos da HBO e Telecine. O que é Oi Play? [como funciona no celular e na TV]

Streaming de vídeo tem mais audiência que TV paga no Brasil

às 12h57 por

Serviços de streaming representam o futuro do entretenimento televisivo, e isso também vem se tornando realidade no Brasil: uma pesquisa da Kantar Ibope aponta que transmissões pela internet da Netflix, YouTube, Globoplay, Amazon Prime Video e outros já ultrapassam a audiência de TV por assinatura. Os lançamentos da Netflix para junho de 2020 [originais e licenciados]

Vivo TV prorroga sinal aberto dos canais de notícias e infantis

às 18h24 por

A Vivo anunciou que prorrogará a abertura de sinal de canais de notícias e da programação infantil até o dia 18 de junho de 2020. A medida ocorre por conta da pandemia do novo coronavírus, causador da COVID-19; a ideia é levar acesso à informação e entretenimento para os assinantes da Vivo TV durante o período de isolamento social. Claro manterá sinal aberto de TV para canais infant

Claro manterá sinal aberto de TV para canais infantis e de notícias

às 16h32 por

A Claro anunciou que encerrará o sinal aberto na TV por assinatura para diversos dos canais que ficaram liberados no início da pandemia de coronavírus (COVID-19). No entanto, a operadora continuará liberando o sinal de canais infantis e de notícias sem custo extra até 31 de maio de 2020. Claro diz que 5G não está maduro para o Brasil e quer leilão em 2021

Polícia apreende 4,5 mil unidades de TV Box para IPTV pirata em SP

às 18h04 por

Uma nova etapa da Operação Curto-Circuito apreendeu, na última semana, mais de 2 mil aparelhos para decodificar ilegalmente o serviço de TV paga. A ação da Polícia Civil de São Paulo, que conta com apoio da prefeitura da capital, já recolheu 4.564 equipamentos TV Box desde janeiro de 2020. YouTuber é condenado em R$ 50 mil por ensinar uso de IPTV pirata Vivo permite

YouTuber é condenado em R$ 50 mil por ensinar uso de IPTV pirata

às 18h30 por

O TJ-SP (Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo) condenou o youtuber Jorge Dejorge em R$ 50 mil por ensinar ao público métodos para assistir TV por assinatura ilegal por meio de listas de IPTV. A Justiça exigiu que Google e Facebook removessem os vídeos relacionados ao processo, e determinou ao influenciador que deixe de reproduzir indevidamente as marcas, violar direitos autorais e praticar qualquer ato de concorrência desleal.

Sky abre mais 23 canais de TV aos clientes por tempo limitado

às 14h23 por

Após liberar o sinal de 74 canais para os clientes de TV paga, a Sky anunciou que outros 23 canais também estarão disponíveis sem custo adicional. A ideia é melhorar o bem-estar de quem está em casa durante a pandemia de coronavírus (Covid-19) no Brasil. Claro, Oi e Vivo também adotaram medida similar. Vivo dará bônus de internet durante pandemia de co

Vivo abre canais de TV mas não aumenta velocidade de internet

às 18h17 por

A Vivo anunciou medidas para ampliar o acesso a serviços de telecomunicações durante a pandemia do coronavírus (Covid-19). Ao contrário da Claro, a operadora não irá aumentar a velocidade da banda larga, mas irá liberar 101 canais de TV paga. Claro, Oi e Sky liberam sinal de canais de TV durante epidemia

Anatel não pode regular canais online de TV, diz área jurídica

às 11h49 por

A Procuradoria Federal Especializada da Anatel afirmou, em um parecer, que a agência não pode regular canais transmitidos pela internet por não se caracterizarem como Serviço de Acesso Condicionado (SeAC), que envolve a TV por assinatura. A área técnica se posicionou da mesma forma. Anatel autoriza Claro e Nextel a compartilharem redes móveis

Anatel não pode regular canais de TV na internet, diz área técnica

às 09h53 por

Um parecer técnico da Anatel considera que canais lineares — incluindo os de TV paga — transmitidos pela internet com venda direta ao consumidor são considerados serviço de valor agregado (SVA). Ou seja, eles seriam livres de regulação da agência, ao contrário da TV por assinatura tradicional (SeAC). A posição é contrária às medidas tomadas pela Anatel no passado, que proibia a Fox de comercializar seus canais sem uma operadora. TIM e Nextel lideram queixa

Netflix está prestes a superar TV paga no Brasil em número de clientes

às 18h17 por

O declínio da base de TV por assinatura no Brasil é notável: em dezembro de 2019, dados da Anatel registraram 15,9 milhões de assinantes da TV paga, enquanto a Netflix estaria quase alcançando a marca dos 15 milhões no país. Ou seja, o serviço de streaming deve ultrapassar em breve a Claro/NET, Sky, Oi e Vivo somadas. Os lançamentos e originais da Netflix para fevereiro de 2020

Carregar mais posts