Coreia do Sul planeja 6G e marca primeiros testes para 2026

Investimento para estrutura básica deve começar em 2021 e estimativa ultrapassa o equivalente a R$ 900 milhões

Ana Marques
Por
• Atualizado há 2 anos
Samsung 6G

Enquanto o Brasil engatinha na implementação da internet 5G, a Coreia do Sul planeja um projeto-piloto para o lançamento das primeiras redes 6G no país. Para quando? Logo ali, em 2026. Parece distante, mas o período de investimento já começa em 2021 – a previsão é de que o governo utilize 200 bilhões de won (aproximadamente R$ 907 milhões) para garantir a estrutura básica.

Além de conexões mais velozes, a sexta geração de redes móveis pretende entregar menor latência – os números esperados para a transmissão de dados são de 1 TB/s, com atraso de 0,1 ms (sem fio). O plano é permitir serviços de comunicação 6G até 10 km acima do solo.

O site Business Korea divulgou um relatório que prevê cinco áreas principais para os primeiros testes com as novas redes: saúde digital (incluindo cirurgia remota), conteúdo imersivo (como conferências via hologramas, por exemplo), carros voadores, fábricas automatizadas e cidades inteligentes.

Em julho, a Samsung anunciou sua visão sobre as redes 6G. Outras fabricantes, como Huawei e LG também já começaram a estudar as novas tecnologias que englobam a implementação de redes mais velozes e confiáveis. Espera-se que a sexta geração de redes móveis alcance até 1 TB/s, usando frequências acima de 1 THz.

Com informações: Business Korea

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Ana Marques

Ana Marques

Gerente de Conteúdo

Ana Marques é jornalista e cobre o universo de eletrônicos de consumo desde 2016. Já participou de eventos nacionais e internacionais da indústria de tecnologia a convite de empresas como Samsung, Motorola, LG e Xiaomi. Analisou celulares, tablets, fones de ouvido, notebooks e wearables, entre outros dispositivos. Ana entrou no Tecnoblog em 2020, como repórter, foi editora-assistente de Notícias e, em 2022, passou a integrar o time de estratégia do site, como Gerente de Conteúdo. Escreveu a coluna "Vida Digital" no site da revista Seleções (Reader's Digest). Trabalhou no TechTudo e no hub de conteúdo do Zoom/Buscapé.

Canal Exclusivo

Relacionados