YouTube Music ganha suporte a podcasts, com reprodução em segundo plano

Novidade está sendo liberada para usuários nos EUA e há planos para levá-la a outras regiões; app Google Podcasts não recebe novidades há anos

Giovanni Santa Rosa
Por
YouTube Music
YouTube Music (Imagem: Vitor Pádua / Tecnoblog)

O YouTube se tornou casa de muitos podcasts, que colocam os vídeos de suas gravações na plataforma. Nada mais natural, portanto, do que levar este conteúdo para o YouTube Music, streaming musical da plataforma. Isso começou a se tornar realidade.

O Google começou a liberar os podcasts no YouTube Music para usuários dos EUA. Eles não estão disponíveis para todo mundo, já que a distribuição será gradual

Segundo um post da empresa na comunidade de ajuda do YouTube Music, os podcasts podem ser baixados e reproduzidos em segundo plano. Também dá para desligar o vídeo e ficar só com o áudio.

Essas opções estarão disponíveis para todos os usuários, não só os assinantes do YouTube Music Premium ou do YouTube Premium.

Isso é bem importante. Quem usa o YouTube sem assinar não pode desligar a tela e continuar ouvindo um vídeo, por exemplo. O mesmo acontece no YouTube Music: quem não paga só pode ouvir música com a tela ligada.

Para quem não mora nos EUA, uma boa notícia: o YouTube tem planos de colocar os podcasts no YouTube Music também em outras regiões.

Migração de podcasts para YouTube Music vem sendo preparada há meses

Os primeiros indícios de que o YouTube estava se preparando para dar uma atenção especial aos podcasts surgiram em agosto de 2022.

Também nos EUA, uma página dedicada ao formato foi criada, no endereço youtube.com/podcasts. Aqui no Brasil, não é possível acessar.

Outro sinal de que a migração estava para acontecer era o abandono do app Google Podcasts. Desde dezembro de 2020, ele só recebe correções de bugs e melhorias no desempenho, tanto no Android quanto no iOS.

O formato também sumiu dos resultados de busca do Google em fevereiro de 2023. Antes, ao pesquisar um podcast, os episódios apareciam em um carrossel, e era possível ouvi-los diretamente dos links da pesquisa.

Vários concorrentes do YouTube Music — como Spotify, Deezer e Amazon Music, para ficar com alguns exemplos — têm podcasts em sua plataforma. O próprio Google Music Play contava com essa opção.

Ao abraçar o podcast, o streaming de música do YouTube se equipara aos seus competidores — com a vantagem de já ser o queridinho de muitos produtores de conteúdo.

Com informações: Ars Technica, YouTube

Relacionados