O que é Bluetooth Auracast? Conheça vantagens e aplicações da tecnologia

Entenda como funciona a tecnologia de transmissão Auracast, evolução do Bluetooth que promete revolucionar o compartilhamento de áudio sem fio

Emerson Alecrim Ana Marques
Por e
O que é Bluetooth Auracast? (imagem: Vitor Pádua)
O que é Bluetooth Auracast? (imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

Auracast é uma tecnologia de transmissão de dados sem fio para compartilhamento de áudio entre múltiplos dispositivos via conexão Bluetooth. A tecnologia também permite transmitir áudio de um para vários equipamentos em tempo real.

A tecnologia Auracast foi apresentada pela Bluetooth SIG em 2022 e usa o Bluetooth LE Audio para que pessoas compartilhem áudio entre si ou para realizar transmissão em massa. Isso permite ao Auracast oferecer ampla experiência de áudio em eventos ou espaços públicos.

Conheça o funcionamento, as vantagens e as limitações do Auracast nas linhas a seguir.

Como funciona o Auracast?

Uma conexão Auracast começa quando transmissores — como um celular, tablet ou notebook — propagam um anúncio via Bluetooth para os dispositivos receptores que estiverem ao alcance. O anúncio contém informações essenciais à conexão, como tipo de conteúdo e codec de áudio Bluetooth a ser usado (normalmente, o codec LC3).

O anúncio é captado por assistentes Auracast, que são dispositivos que intermedeiam a conexão disponibilizando uma interface para que a transmissão Auracast seja escolhida. O assistente pode ser o celular, tablet ou notebook do usuário.

A rede Auracast aparece em uma lista, como se fosse um hotspot Wi-Fi, podendo ser selecionada ou trocada a qualquer momento. Quando a conexão é estabelecida, a transmissão é feita aos receptores pareados com o assistente, que podem ser fones de ouvido, aparelhos auditivos, alto-falantes, entre outros.

Contudo, o uso de aparelhos assistentes é opcional. Uma conexão Auracast pode ser estabelecida diretamente entre um transmissor e os receptores, desde que eles sejam dispositivos Bluetooth compatíveis com a tecnologia.

Em todos os casos, o padrão Auracast requer o Bluetooth LE Audio para funcionar, especificação introduzida no Bluetooth 5.2 que combina otimização de transmissões de som com baixo consumo de energia.

Funcionamento padrão Bluetooth Auracast (imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)
Funcionamento padrão Bluetooth Auracast (imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

Qual é o alcance máximo de uma conexão Auracast?

O alcance máximo estabelecido para uma conexão Auracast depende da potência de emissão de sinal do transmissor. Por exemplo, um sistema Auracast contendo um único transmissor pode atingir cerca de 2.800 metros quadrados, de acordo com a Bluetooth SIG.

Há um limite de dispositivos conectados via Auracast?

Não há um limite definido de dispositivos que podem participar de uma conexão Auracast. Qualquer aparelho compatível com a tecnologia que estiver dentro da área de alcance da conexão pode receber a transmissão. Só haverá limitações se estes forem implementados pelo administrador da conexão.

Todo dispositivo Bluetooth é compatível com Auracast?

Não. Apenas os dispositivos que suportam o Bluetooth 5.2 ou superior e com Bluetooth LE Audio são compatíveis com Auracast. Outros requisitos incluem compatibilidade do sistema operacional com Auracast e, em dispositivos transmissores, suporte ao recurso Public Broadcast Profile (PBP).

A limitação de versão existe porque dispositivos baseados nas versões anteriores do Bluetooth ou que não suportam o Bluetooth LE Audio não são preparados para trabalhar com o codec LC3, que é usado em transmissões Auracast. Em vez disso, eles trabalham com outros codecs de áudio Bluetooth.

Quais são as aplicações da tecnologia Auracast?

A capacidade da tecnologia Auracast de fazer transmissões para múltiplos dispositivos possibilita aplicações como:

  • Transmissões em espaços públicos: a tecnologia Auracast pode enviar áudio a fones de ouvido de visitantes de museus, pontos turísticos, feiras de negócios, congressos e outros eventos;
  • Tradução em tempo real: conexões Auracast podem ser usadas para enviar áudio de tradução em tempo real de palestras, cursos ou aulas ministradas em um idioma estrangeiro;
  • Acessibilidade de áudio: uma transmissão Auracast pode ser usada para que o áudio de shows, apresentações de teatro e outros eventos cheguem ao aparelho auditivo de pessoas com perda auditiva;
  • Compartilhamento de áudio: é possível usar o Auracast para transmitir áudio de um dispositivo para outros que estiverem próximos, a exemplo de um profissional que compartilha conteúdo com um grupo de trabalho;
  • Transmissões em locais barulhentos: o padrão Auracast pode ser usado para transmitir áudio em lugares onde há muito barulho ou é preciso manter o silêncio, como shoppings, bares e bibliotecas;
  • Oferta de conteúdos variados: um estabelecimento pode usar o Auracast para transmitir diferentes tipos de conteúdo em áudio, de modo que o usuário possa escolher aquele que mais lhe interessa.

Quais são as vantagens da tecnologia Auracast?

Os principais benefícios da tecnologia Auracast são:

  • Baixo consumo de energia: a tecnologia Auracast não têm alta demanda de energia nos dispositivos receptores por ser baseada no padrão Bluetooth LE Audio, cujas especificações foram projetadas para oferecer eficiência energética;
  • Transmissão em massa: o Auracast é uma tecnologia broadcast, ou seja, pode transmitir um fluxo de áudio para vários dispositivos simultaneamente;
  • Multistream: a tecnologia Auracast permite múltiplos fluxos de transmissão ao mesmo tempo, o que pode ser útil para um conteúdo que é compartilhado em vários idiomas;
  • Facilidade de uso: o padrão Auracast foi desenvolvido para permitir que conexões sejam estabelecidas facilmente pelo usuário a partir de uma tela de seleção da transmissão, leitura de um QR Code ou aproximação (NFC);
  • Variedade de dispositivos receptores: o Auracast pode funcionar com fones de ouvido, aparelhos auditivos, alto-falantes, áudio automotivo, entre outros equipamentos, desde que haja compatibilidade com a tecnologia;
  • Suporte a metadados: uma transmissão Auracast pode ser acompanhada por metadados que descrevem, no receptor, o tipo de conteúdo oferecido, sua duração, entre outras informações;
  • Suporte a autenticação: uma transmissão Auracast pode exigir senha ou outro método de autenticação para permitir a conexão somente a dispositivos autorizados.
Fones de ouvido com Bluetooth (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Fones de ouvido com Bluetooth (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Quais são as limitações da tecnologia Auracast?

A tecnologia Auracast tem algumas restrições que podem limitar o seu uso, como:

  • Requer uma versão recente do Bluetooth: o Auracast requer o Bluetooth LE Audio para funcionar, padrão que só está disponível no Bluetooth 5.2 ou superior;
  • Baixa compatibilidade: ainda há poucos dispositivos compatíveis com Auracast pelo fato de a tecnologia ter surgido em 2022 e, portanto, ser relativamente nova;
  • Curto alcance: o Auracast só consegue ter longo alcance se tiver um transmissor potente, do contrário, sua área de cobertura se limitará a poucos metros, como é típico do Bluetooth clássico;
  • Requer atenção para a segurança: transmissões via Auracast podem ser usadas para fins maliciosos, a exemplo de redes Wi-Fi públicas, o que exige atenção do usuário.

Qual a diferença entre Auracast e Bluetooth?

Auracast é uma tecnologia que usa as especificações do Bluetooth para realizar transmissões de áudio de um para vários dispositivos, funcionando de modo parecido com um hotspot Wi-Fi. Já uma conexão Bluetooth tradicional é focada em permitir que dois dispositivos troquem áudio e outros tipos de dados entre si.

Esse conteúdo foi útil?
😄 Sim🙁 Não

Relacionados