vivo-logotipo-marca

Para alcançar as metas da Anatel, a Vivo se juntará com as concorrentes Oi e TIM para expandir a cobertura 4G no Brasil. Atualmente, Oi e TIM já possuem parceria e usam o RAN Sharing, nome dado ao compartilhamento de infraestrutura de redes móveis.

Informações levantadas pelo Mobile Time mostram o interesse da Vivo em participar do mesmo projeto. Embora a Vivo não tenha anunciado nada a respeito publicamente, Oi e TIM confirmaram ao noticiário o acordo, que já foi submetido à Anatel e aguarda parecer favorável do Conselho Diretor da agência.

antena-celular

A maior vantagem do compartilhamento é que o custo de implementação de rede cai de maneira significativa. “Estamos trazendo a Vivo também para o acordo de RAN Sharing, que você consegue fazer mais com menos dinheiro”, afirmou o diretor de rede fixa e transporte da TIM ao Mobile Time. A Claro não manifestou interesse em participar do projeto, embora a operadora tenha feito um acordo similar com a Vivo com prazo de três anos.

A entrada da Vivo tende a beneficiar mais Oi e TIM do que o contrário. Atualmente, a operadora espanhola possui 161 municípios brasileiros cobertos com a frequência de 2.600 MHz, número longe de ser atingido pela concorrência. As operadoras que arremataram os lotes nacionais de frequência 4G precisam cobrir todos os municípios com mais de 200 mil habitantes até dezembro de 2015 – são 136 cidades no total.

É válido lembrar que o acordo de compartilhamento de infraestrutura será feito apenas para a faixa de 2.600 MHz. Por causa disso, a rede 4G da TIM na frequência de 1.800 MHz não será compartilhada com as demais operadoras e não cumpre o cronograma estabelecido pela Anatel. A TIM está fazendo um refarming de sua rede 2G e usando a frequência para expandir a cobertura LTE, que deve atingir 400 municípios até o fim do ano.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Thiago Mocci
Não vão noticiar isso? https://forum.vivo.com.br/threads/4649-Conhe%C3%A7a-o-Vivo-Easy-o-novo-plano-digital-da-Vivo!#.Vk3cInarSUk
Thiago Sabaia
Todas operadoras tinham que unificar sua infraestrutura, todo mundo sairia no lucro. Pois sempre tem aquele local que pega uma operadora e outra não. Dessa forma seria até mais fácil na adoção de novas tecnologias, como o 5G que a Claro pretende começar a testar ano que vem....
Bruno Silveira
esses compartilhamentos de rede das operadoras, como funcionam na pratica?? Eles apenas adicionam mais uma operadora na ERB, ou colocam mais radios e aumentam a capacidade de banda da ERB...??
Bruno Silveira
esses compartilhamentos de rede das operadoras, como funcionam na pratica?? Eles apenas adicionam mais uma operadora na ERB, ou colocam mais radios e aumentam a capacidade de banda da ERB??
Marcelo Szlachta
Concordo, já deveria, já que é a mesma operadora, só muda o DDD, considero abusivo.
Porto Velho

Tem algum motivo plausível pra Anatel ter que autorizar compartilhamento de infraestrutura ou é a velha burocracia sem motivos de sempre??

Emanuel Schott
Tem algum motivo plausível pra Anatel ter que autorizar compartilhamento de infraestrutura ou é a velha burocracia sem motivos de sempre??
@Sckillfer

E a concorrência não paga imposto por acaso? Prfv..

F. S.
E a concorrência não paga imposto por acaso? Prfv..
Bruno Cavalcanti
Cara.. você entendeu errado. A Tim precisa cobrir pelo menos os 136 municípios com mais de 500 mil habitantes do país. Eu uso Tim e penso em migrar pra Vivo por conta de qualidade de sinal mesmo. Estou apenas aguardando os novos planos de Claro e Vivo também, pra me decidir pela melhor oferta. Moro numa capital e a Tim é medíocre aqui.
Eduardo Spaki
agora elimina o roaming/deslocamento e está tudo certo!
Alberto Prado
E olha que esse negócio de que o sinal é bom já tá caindo por terra viu. As outras tem melhorado e ela tem piorado um pouco. O efeito clube é mais complica no RJ e ES mesmo, mas no resto do país... Mas com esse planos das Oi e Tim, acho que vai diminuir.
Yago G. Oliveira

Eu realmente não consigo entender esse cara. Ele acha a Vivo a Apple das telecomunicações. Eu fico imaginando as pessoas que acham que se vender para uma empresa dessa só por causa do "efeito clube" ou por causa do sinal vale a pena, não vale; indo para outra operadora você gera receita à ela, favorecendo sua expansão na área. Não tenham medo de mudar.

Yago G.
Eu realmente não consigo entender esse cara. Ele acha a Vivo a Apple das telecomunicações. Eu fico imaginando as pessoas que acham que se vender numa empresa dessa só por causa do "efeito clube" ou por causa do sinal vale a pena, não vale; indo para outra operadora você gera receita à ela, favorecendo sua expansão na área. Não tenham medo de mudar.
kadu

Também não tinha entendido pelo artigo. Agora ficou claro pra mim, valeu!

Exibir mais comentários