Início » Celular » Qualcomm diz que Apple só vai usar modem da Intel no próximo iPhone

Qualcomm diz que Apple só vai usar modem da Intel no próximo iPhone

Chips da Qualcomm estariam fora dos planos da Apple por conta das intensas disputas judiciais entre as duas companhias

Por
1 ano atrás

Apple e Qualcomm se estranham nos tribunais há tempos. Depois de tanta briga, parece que as relações entre as duas serão cortadas de vez: George Davis, diretor financeiro da Qualcomm, revelou recentemente a investidores que o próximo iPhone provavelmente não usará modems 4G da companhia.

iPhone 10

Nas palavras do executivo, “acreditamos que a Apple tem intenção de utilizar exclusivamente modems do nosso competidor em vez dos nossos modems”. Não houve nenhuma menção direta à Intel, mas é fácil saber que Davis se refere a ela: não é de hoje que surgem rumores sobre a Intel fornecendo mais modems à Apple.

Os rumores ganharam força em abril, quando Ming-Chi Kuo, um respeitado analista de mercado da KGI Securities, revelou que a Apple estaria planejando usar modems 4G da Intel em 70% dos iPhones de próxima geração — provavelmente, o chip XMM 7560, que suporta redes GSM e CDMA. Os 30% restantes seriam fornecidos pela Qualcomm. Também houve burburinhos sobre a MediaTek fornecendo chips para a Apple.

Agora, a declaração de George Davis deixa claro que a Qualcomm está praticamente fora dos planos da Apple para o próximo iPhone. Como é improvável que a MediaTek envie modems à Apple, tudo indica que a Intel será a única fornecedora do componente.

Pode parecer que, dadas as complicadas disputas judiciais com a Apple, a Qualcomm não está se importando muito com isso. Mas é o contrário: o iPhone vende bem em todas as partes do mundo e a Qualcomm fornece chips para a linha desde 2011. É por isso que, mesmo que temporariamente, o rompimento com a Apple pode significar grande prejuízo financeiro.

Foto por Kārlis Dambrāns/Flickr

Davis não avisaria os investidores do problema se o risco de deixar de fornecer modems para o iPhone não fosse realmente grande. Mas existe uma chance para a Qualcomm: a Apple também está se afastando da Intel.

Soa contraditório, mas é não difícil entender. A Intel fornece modems para o iPhone desde 2017 e, na próxima geração da linha, pode se tornar fornecedora exclusiva. Por outro lado, a Apple estaria recusando chips para Wi-Fi e Bluetooth da Intel e, aparentemente, preparando Macs com processador próprio. Talvez — e apenas talvez — esse afastamento progressivo faça a Apple repensar a sua relação com a Qualcomm.

Com informações: The Verge, AppleInsider.

Mais sobre: , , ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.