Tecnoblog

É o fim da Porto Seguro Conecta; TIM fecha acordo para migrar clientes

A TIM anunciou nesta quarta-feira (3) que vai herdar os clientes de telefonia móvel da Porto Seguro Conecta. A seguradora foi a primeira empresa a funcionar como operadora móvel virtual (MVNO) para consumidores finais no Brasil, com planos de celular pós-pagos e M2M, chegando a ter mais de 500 mil linhas.

Segundo a TIM, o acordo com a Porto Seguro visa “garantir a continuidade técnico-operacional dos serviços mediante migração das linhas ativas para rede da TIM em benefício dos clientes”. A operadora italiana já era a responsável pela infraestrutura de rede da Conecta.

Com a migração, a TIM promete “ofertas de voz e dados ainda melhores com manutenção dos valores e dos benefícios para os segurados (por intermédio da própria Porto Seguro) e alto nível de atendimento”. Em pesquisa de satisfação da Anatel, a Porto Seguro Conecta ficou na liderança no segmento pós-pago, com notas bem acima das concorrentes em quesitos como atendimento e cobrança.

A operadora da Porto Seguro oferecia planos com bom custo-benefício para clientes que já tinham outros produtos da empresa, como o seguro auto e o cartão de crédito, com franquias de 5 GB (R$ 79,99) a 50 GB (R$ 159,99) com redução de velocidade após o limite e ligações ilimitadas para qualquer operadora, além de seguro celular e empréstimo de aparelho por 30 dias sem custo adicional.

Em comunicado ao Tecnoblog, a Porto Seguro confirma o fim das operações. “A Porto Seguro informa que estabeleceu um compromisso de cooperação para migração de clientes de voz e dados da Porto Seguro Conecta com a TIM, sua parceira no serviço de infraestrutura”. Segundo a empresa, “essa transação está alinhada com o objetivo de concentrar esforços em negócios que alcancem diferenciais competitivos”.

O valor do acordo não foi divulgado. O encerramento definitivo da operação da Porto Seguro Conecta ainda depende de aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Atualizado às 12h37 com o posicionamento da Porto Seguro.