Tecnoblog

Testamos o 5G da Oi em Búzios, no Rio de Janeiro

Experiência com 5G está aberta para qualquer visitante até o final de março; operadora lança 4,5G e fibra óptica em Búzios

A Oi está realizando um projeto-piloto do 5G na pequena cidade de Búzios, no interior do Rio de Janeiro. A operadora montou uma rede temporária e abriu uma experiência para jornalistas e visitantes degustarem a tecnologia. Além disso, a operadora está lançando banda larga e TV por assinatura IPTV utilizando fibra óptica.

Experiência de 5G

A operadora montou uma rede utilizando a frequência de 3,5 GHz para testes. Os equipamentos da estação rádio-base de tecnologia 5G foram instalados na Praça da Ferradura e estão conectados à rede de fibra da Oi.

Equipamentos de antena 5G da Huawei

Não é tão simples testar o 5G, principalmente devido à ausência de aparelhos compatíveis no Brasil. Para demonstrar a tecnologia, a Oi apostou em uma experiência de holografia através do Microsoft HoloLens, na qual duas pessoas conseguem usar o headset de realidade mista conectado à rede.

Como o HoloLens não possui suporte a 5G, a solução adotada pela operadora foi manter dois CPEs, ou seja, roteadores que se conectam à rede 5G e compartilham a conexão através de Wi-Fi. Cada headset se conectava a um dos CPEs.

CPE 5G da Huawei

A gente já sabe que o foco de 5G não é velocidade, e sim latência, disponibilidade, eficiência e suporte a dispositivos de Internet das Coisas. Mas conectei meu celular pessoal na rede Wi-Fi gerada pelo CPE 5G e consegui atingir velocidades de download acima da casa de 300 Mb/s para um servidor em São Paulo. A latência foi de 28 ms.

Para uma tecnologia que promete velocidades em nível gigabit, 300 Mb/s pode parecer um resultado medíocre, mas é necessário levar em conta a banda disponibilizada pela fibra óptica, a qualidade da rede Wi-Fi gerada pelo CPE e do smartphone e a forma como foi testada – havia outros dispositivos conectados no Wi-Fi –, além de que os testes eram realizados em um container metálico fechado.

Durante a demonstração, Laone Poletto, diretor de planejamento de Core e Transmissão da Oi, estava presente. Ele relata que as frequências de ondas milimétricas, que começam a partir de 28 GHz, permitiriam velocidades ainda maiores. O executivo não comentou sobre o leilão de frequências para o 5G da Anatel, que acontecerá em março de 2020.

Questionado sobre a escolha de Búzios para a realização dos testes, Poletto destacou que a cidade é um polo de turistas brasileiros e estrangeiros que vão aproveitar a região.

Oi expande rede 4,5G

Além de testar o 5G, a Oi expandiu o 4,5G para a cidade de Búzios. Poletto explica que a operadora está utilizando 10 MHz de espectro na banda de 1,8 GHz, 10 MHz na banda de 2,1 GHz e outros 10 MHz na banda de 2,6 GHz, num arranjo com MIMO 4×4 e modulação 256QAM.

Com isso, a Oi chega a 26 cidades com 4,5G. Poletto também informou que as estações rádio-base com 4,5G estão “praticamente prontas” para atualização para o 5G, o que já anteciparia investimentos a serem feitos no futuro.

Em testes, foi possível atingir velocidade de download de 64 Mb/s e 9,52 Mb/s de upload utilizando uma linha pré-paga com plano Oi Livre em um Samsung Galaxy Note 8.

Oi Fibra chega a Búzios com velocidades de até 200 Mb/s

Além dos testes em 5G e ativação de 4,5G, a Oi também lança o serviço de TV por assinatura via IP e banda larga fixa em Búzios. O serviço já está disponível para 90% das residências da cidade e oferece velocidades de 50 Mb/s até 200 Mb/s, com upload variando entre 5 Mb/s e 15 Mb/s.

Município de Armação dos Búzios/RJ

Na cidade, a Oi enfrenta uma forte concorrência de serviços fixos: durante o curto período em que estive lá, observei pelo menos dois provedores locais, além da forte presença da NET, que também utiliza fibra óptica até a casa do cliente (ao contrário da maioria dos locais onde ela atua).

Além da experiência de 5G, a operadora também dispõe de outro container com degustação do serviço Oi Fibra, onde o cliente pode experimentar a velocidade de 100 Mb/s para jogar Fortnite e assistir Netflix em resolução 4K. Em um terceiro container, o cliente pode contratar esses serviços, caso queira. A primeira loja própria da Oi na cidade será inaugurada em abril na região do Centro.

Pop-up de degustação e contratação de Oi Fibra

Os espaços para testes do 5G e Oi Fibra estarão disponíveis para visitantes até o final do mês de março, entre 16h e 21h, e ficam localizados na Praça da Ferradura.

Lucas Braga viajou para Armação dos Búzios a convite da Oi.