Início » Telecomunicações » Vivo passa a oferecer suporte ao eSIM do iPhone XS, XS Max e XR

Vivo passa a oferecer suporte ao eSIM do iPhone XS, XS Max e XR

Para ativar o chip virtual, é necessário ir a uma loja física da Vivo; eSIM habilita iPhone para funcionar com duas linhas

Por
29 semanas atrás

A operadora Vivo adicionou suporte a eSIM nesta sexta-feira (29): a tecnologia substitui o SIM Card tradicional, e consiste em um chip não-removível que fica dentro do celular e pode ser ativado virtualmente. Ela está presente no iPhone XS, XS Max e XR. A novidade chega logo após a Claro lançar o e-Chip.

Em comunicado à imprensa, a Vivo destaca que já está certificada pela Apple para ativar o eSIM nos iPhones XS, XS Max e XR, além do Apple Watch — que recebeu suporte esta semana. Para habilitar o eSIM, é necessário que o cliente se dirija a uma loja da operadora.

O comunicado não esclarece se haverá custos de ativação, ou se outros dispositivos com suporte a eSIM poderão ser ativados — como é o caso do Google Pixel 2 e Pixel 3. A Vivo já oferecia suporte a eSIM no Samsung Galaxy Watch.

Atualização em 01/04 às 18:35: A Vivo respondeu aos questionamentos do Tecnoblog sobre restrições de adesão ao eSIM. A operadora esclarece que clientes pessoa física, seja com plano pré-pago, pós-pago, controle ou Vivo Easy poderão aderir ao eSIM, ficando de fora “nesta fase” apenas quem tem linha de pessoa jurídica. A operadora não cobrará pela habilitação do eSIM “neste primeiro momento”.

Tecnoblog também questionou se o suporte para eSIM está disponível apenas para smartphones Apple, e a operadora disse que “está preparada para oferecer a funcionalidade do eSIM para todos os seus clientes que possuem dispositivos embarcados com o recurso do eSIM e que estão homologados pela Anatel“. Ou seja: oficialmente, não há suporte para Google Pixel ou outros dispositivos que não são homologados pela Anatel.

Com a tecnologia eSIM, donos de iPhone poderão utilizar duas linhas móveis ao mesmo tempo, sendo uma no chip virtual e outra no cartão físico. Dessa forma, é possível manter uma delas para trabalho e outra para assuntos pessoais, por exemplo.

Outra vantagem é que fica mais fácil localizar um aparelho perdido ou roubado, uma vez que o chip da operadora deixa de ser removível.

Mais sobre: , , ,