Início » Telecomunicações » Oi é a mais rápida (e mais lenta) em ranking de banda larga da Netflix

Oi é a mais rápida (e mais lenta) em ranking de banda larga da Netflix

Oi Fibra está à frente do TIM Live, NET e Vivo no ranking da Netflix, enquanto Oi Velox tem menor velocidade média de streaming

Felipe Ventura Por

A Oi está em uma situação curiosa: ela ocupa o primeiro e o último lugar no ranking de banda larga da Netflix. É que a lista passou a separar o serviço de fibra e o ADSL tradicional; enquanto o Oi Fibra está à frente do TIM Live, NET e Vivo, o Oi Velox tem a menor velocidade média de streaming.

Foto por nrkbeta/Flickr

Em fevereiro, a Netflix começou a incluir o Oi Fibra em seu ranking mensal de velocidade, e o serviço esteve em primeiro lugar nesses últimos três meses, atingindo velocidade média de 3,88 Mb/s.

O Oi Fibra está disponível atualmente em 50 municípios. São 145 mil clientes e 1,7 milhão de residências home-passed (com disponibilidade de fibra). A operadora quer encerrar o ano com 3,6 milhões de casas home-passed.

Isso faz parte da estratégia da Oi para reverter a crise que motivou sua recuperação judicial. Desde setembro, ela intensificou a estratégia de expansão do serviço FTTH (fiber to the home), que leva a fibra óptica até a residência do cliente, permitindo velocidades maiores. A operadora vende planos de até 200 Mb/s.

Enquanto isso, o Oi Velox ofereceu a pior velocidade nesses últimos três meses; ele também entrou no ranking da Netflix em fevereiro. O serviço utiliza a tecnologia ADSL e comercializa planos entre 300 Kb/s e 35 Mb/s.

A velocidade das operadoras no ranking da Netflix

Este é o ranking da Netflix para abril de 2019:

  • Oi Fibra: 3,88 Mb/s
  • Algar Fibra: 3,53 Mb/s
  • TIM Live Ultrafibra: 3,36 Mb/s
  • Net Virtua: 3,29 Mb/s
  • Vivo Fibra: 3,19 Mb/s
  • TIM Live Ultra: 3,17 Mb/s
  • Algar Cable/DSL: 2,76 Mb/s
  • Vivo Internet: 2,61 Mb/s
  • Oi Internet: 2,38 Mb/s

Desde abril, o TIM Live passou a ser dividido em Ultra e Ultrafibra.

O ranking “fornece a média de bits de conteúdo da Netflix transferidos no horário nobre para assinantes durante um mês específico”, explica a empresa. Ela mede a velocidade em praticamente todos os aparelhos compatíveis, mas avisa que isto “não é uma medição do desempenho máximo nem da capacidade máxima de um provedor”.

Esses números não estão muito distantes do observado nos EUA, cujas velocidades médias variam entre 3,05 Mb/s e 4,45 Mb/s dependendo do provedor. Na Coreia do Sul, a Netflix informa valores entre 2,44 Mb/s e 4,13 Mb/s; enquanto as velocidades giram em torno de 4 Mb/s no Reino Unido.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Jorge Luis

Na operadora aqui do bairro o upload é 98% do download. E funciona. Tenho 80mb e bate sempre mais de 75 de upload.

Paulo Pilotti Duarte

Eu realmente não entendo disso muito. O que dá pra ver no caso da NET é que os primeiros saltos (pro roteador e pra DSLAM) são rápidos e depois eles começam a demorar e perder pacotes. O que foi dito, diversas vezes, no r/InternetBrasil é que essa perda de pacotes e lentidão não é, necessariamente, culpa do provedor e pode ser culpa do servidor.

Aqui no meu prédio eu sei que tem uma fibra porque eu já vi várias WiFi com SSID de fibra. Vou esperar acabar a minha fidelidade com a NET e ver qual é o provedor/preços. Mas também, concorrência zero, de 12 SSID que eu pego aqui, 10 são NET, 1 VIVO e 1 Fibra desconhecida.

JeronimoPW

Quando vejo gente ainda falarem de adsl aqui parece que estão falando de conexao discada kkk

johndoe1981

Mas todo mundo fala que a conexão de fibra da Oi é boa em geral, a que não presta é via xDSL.

johndoe1981

Sobre as rotas, não tem como ser o servidor, pois ele e o cliente são os mesmos, o que muda é o caminho. No caso da NET, o pacote enviado pelo cliente fica passeando até chegar ao servidor, aumentando a latência. Dá pra verificar isso com um trace route. A NET usa servidores da Embratel para direcionar o tráfego, e o pacote fica zanzando pelos servidores da empresa em vez de seguindo por um caminho mais direto.

Sobre concorrência, fibra aqui no meu endereço só em sonho, ainda mais que moro num prédio antigo de apenas 9 apartamentos, que demandaria investimentos que provedor nenhum está disposto a realizar devido ao baixo retorno. Disponibilidade de fibra dos grandes provedores em Fortaleza é bem baixa também, os locais fazem um trabalho muito melhor nesse sentido.

Paulo Pilotti Duarte

Aqui em Porto Alegre a Vivo Fibra é quase inexistente. Assim como Oi Fibra e Tim. Tem NET com DOCSIS e provedores locais.

O CGNAT é possível pedir pra sair. Tem que ligar no suporte ou abrir uma reclamação na ANATEL (depois de ligar pra ter um protocolo de atendimento). Normalmente a ouvidoria te liga em 3 dias e te tira do CGNAT.

O problema de rotar é complexo. No Reddit tem um usuário relativamente entendido do assunto e ele afirma que na maioria dos casos o problema e do lado do servidor não do lado da NET. Tendo a concordar com ele, mas não sei o suficiente.

O que mais me incomoda na NET são os modens deles. A muito custo eu consegui um dual-band AC pra poder usar os 120M que eles me venderam. Mesmo assim, o sinal dele Arris novo deles não passa por 3 paredes. Uma merda, tive que passar cabo por todo o meu AP aqui.

Rezo todo o dia por um provedor de fibra decente aqui onde eu moro (por ser uma região teoricamente atendida pelas grandes, nenhum provedor de fibra local entra no mercado daqui) para poder mandar a NET a merda.

Muttley

O upload da algal é muito bom

johndoe1981

Sim, NET à cabo usa HFC/DOCSIS 3.0 . Não é à 8ª maravilha do mundo, mas é uma opção mais interessante que o limitado VDSL2 da Vivo, que não está nem aí pras regiões que com infra xDSL que eram da GVT.

O problema da NET é o maldito CGNAT e rotas de alta latência em algumas regiões, mas felizmente não sofro com nenhum dos dois problemas aqui. Agora em questão de fibra, acredito que a Vivo tenha uma abrangência bem maior que a mesma tecnologia na NET.

Será que a NET vai investir em DOCSIS 3.1? Migrar pra FTTH? Ou vai fazer como a Vivo que não tem o menor interesse em substituir xDSL por FTTH?

Paulo Pilotti Duarte

A NET tem velocidades decentes e uma cobertura boa com os planos de alta velocidade. Aqui em POA é a única que atende fora dos bairros caros da cidade. E, se não me engano, eles usam DOCSIS 3 com fibra até o poste e cabo coaxial até a casa.

Paulo Pilotti Duarte

O problema do Oi Fibra é que ele atende apenas meia dúzia de bairros. Como todo plano de fibra das grandes operadoras, diga-se.

Robert Rey

No 4G no entanto continua pavoroso, sem a banda de 700mhz principalmente em grandes edifícios de escritórios o sinal é inexistente dentro do local. Fora a demora absurda de se completar uma chamada. É uma pena, mas infelizmente é a realidade, pois no CxB a OI (aparentemente) é imbatível, mas na prática é bem sofrível.

Cristiano Hahn

Vish, quanto a oi pagou a netflix para publicarem essa farsa?? ja testei tudo que é tipo de conexão da oi, sempre foi uma bosta, a oi pode oferecer s serviços dela de graça que eu não quero, sempre cobranças indevidas etc....tu liga lá, eles baixam primeiro mês, e depois volta a conta absurda, por mim a oi pode ir a falência, não recomendo, ao contrário, cliente que eu posso tirar da oi e mandar para outro provedor eu mando!

wuhkuh

A minha ADSL até que é boa em velocidade e ping-o que é uma raridade, agora quando para, não tem reza que libere

Eduardo Spaki

rapaz, se a net é a quarta... imagina da quinta pra baixo... discada deve ser melhor

Porto Velho

Nos últimos meses a ADSL da Oi melhorou muito. Talvez porque surgiu concorrência de provedores locais com fibra e isso desafogou a rede. A internet móvel continua uma lástima.

Exibir mais comentários