Início » Celular » Xiaomi Mi 9 SE é homologado pela Anatel para venda no Brasil

Xiaomi Mi 9 SE é homologado pela Anatel para venda no Brasil

Xiaomi Mi 9 SE tem notch na tela, 6 GB de RAM e câmera traseira tripla de 48 megapixels; celular foi homologado pela Anatel

Por
15 semanas atrás

Mais outro celular da Xiaomi passou pela Anatel: desta vez é o Mi 9 SE, com notch na tela, 6 GB de RAM e câmera traseira tripla de 48 megapixels. Ele aparece no sistema de homologação da agência e está aprovado para comercialização no Brasil. A DL Eletrônicos já vende no país o Mi 9, Mi 8 Lite, Redmi Note 7, Redmi 7, Redmi Go, Redmi Note 6 Pro e Pocophone F1.

Xiaomi Mi 9 SE

Cesar Cardoso, do Pinguins Móveis, descobriu o Xiaomi Mi 9 SE no sistema de homologação da Anatel. Os documentos de certificação foram liberados ao público em 8 de julho e mencionam a DL Eletrônicos como requerente.

O Xiaomi Mi 9 SE tem suporte ao 4G brasileiro na frequência de 700 MHz; isso está presente na versão global. A banda 28 é utilizada nos municípios em que a TV analógica foi desligada; ela oferece sinal mais forte em ambientes fechados. O Mi 9, Mi 8 Lite, Redmi Note 7, Redmi 7, Redmi Go e Redmi Note 6 Pro lançados no país também são compatíveis; o Pocophone F1, não.

Xiaomi Mi 9 SE na Anatel

O Mi 9 custa R$ 4.800 através da revenda oficial; o Mi 9 SE será mais barato, mas quanto? Vamos às contas: a DL costuma multiplicar o valor original em iuanes (moeda da China) por 1,7 em média. Dado que o Mi 9 SE foi lançado por 1.999 iuanes, ele poderia chegar ao Brasil custando cerca de R$ 3.400. (Esse é o modelo com 6 GB de RAM e 64 GB de armazenamento.)

A Mi Store do Brasil se envolveu em uma polêmica recentemente por comercializar alguns produtos da Xiaomi sem o selo da Anatel. No entanto, todos os smartphones à venda passaram pela homologação da agência.

Xiaomi Mi 9 SE

O Xiaomi Mi 9 SE é uma versão mais acessível do flagship Mi 9: ele possui tela AMOLED de 5,97 polegadas com leitor de digitais embutido, processador Snapdragon 712, 6 GB de RAM e opções de armazenamento de 64 GB e 128 GB. Ele receberá o Android Q; os testes começam no quarto trimestre.

A câmera traseira é tripla, com sensor principal de 48 megapixels da Sony; enquanto a câmera frontal tem 20 MP. A bateria de 3.070 mAh possui suporte a carregamento rápido de 18 W via USB-C. A entrada 3,5 mm para fone de ouvido não está presente.

Xiaomi Mi 9 SE vs. Mi 9

Xiaomi Mi 9 SE vs. Mi 9

Xiaomi Mi 9 SE – ficha técnica:

  • Tela: AMOLED de 5,97 polegadas, Full-HD+ (2340×1080), 432 ppi, notch em forma de gota, aproveitamento frontal de 90,47%, brilho de até 600 nits, vidro Corning Gorilla Glass 5, suporte a HDR
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 712 octa-core de 2,3 GHz
  • RAM: 6 GB LPDDR4x (1866MHz) dual-channel
  • Armazenamento: 64 GB ou 128 GB UFS 2.1, sem microSD
  • Câmera traseira tripla:
    • 48 megapixels, sensor da Sony, f/1,75
    • 8 megapixels com lente telefoto f/2,4
    • 13 megapixels com lente ultrawide f/2,4
    • gravação de vídeo 4K a 60 fps, 1080p a 60 fps, 720p em 960 fps (super slow motion)
  • Câmera frontal: 20 megapixels
  • Bateria: 3.070 mAh com carregamento rápido de até 18 W
  • Sistema operacional: Android 9 Pie com MIUI 10
  • Mais: leitor óptico de digitais sob a tela, porta USB-C, NFC para Google Pay, Wi-Fi 802.11ac dual-band MU-MIMO, Bluetooth 5.0, 4G LTE B1/2/3/4/5/7/8/20/28
  • Dimensões: 147,5 x 70,5 x 7,45 mm; 155 g

Xiaomi Mi 9 SE Xiaomi Mi 9 SE

Atualizado para informar que o Mi 9 SE foi homologado pela Anatel

Mais sobre: , , ,