Início » Aplicativos e Software » Rappi terá modalidade com entrega de produtos em até 1 hora

Rappi terá modalidade com entrega de produtos em até 1 hora

O Rappi Mall será lançado em breve e terá parceiros como Fast Shop, Saraiva, Decathlon e L'Occitane

Victor Hugo Silva Por

A Rappi prepara uma nova modalidade que funciona como um shopping center virtual. Por meio dela, os usuários podem receber seus pedidos em até uma hora. Segundo o Estadão, o serviço será liberado nesta semana com empresas de diversos segmentos.

Rappi / como cancelar pedido rappi

Batizado de Rappi Mall, o serviço contará com mais de 50 marcas, como Fast Shop, Saraiva, Decathlon e L’Occitane. A ideia, de acordo com o diretor geral da Rappi no Brasil, Eduardo Sodero, é alcançar 1.000 parceiros ainda em 2020.

Na primeira etapa, a modalidade estará disponível apenas em São Paulo e, no futuro, ela chegará às 60 cidades brasileiras em que a startup opera. E, assim como acontece com pedidos de comida, a empresa deverá garantir uma sintonia entre lojas e os 200 mil entregadores que usam seu aplicativo.

A startup seguirá um modelo parecido com o de entrega de comidas e cobrará uma comissão das lojas. A empresa recebe cerca de 25% do valor pedido feito pelos usuários em restaurantes, mas não revelou quando cobrará em sua nova seção.

Os usuários, por sua vez, terão uma experiência um pouco diferente no shopping virtual do aplicativo. Se a Rappi costuma destacar os restaurantes para quem deseja pedir comida, o foco do novo serviço estará nos nos produtos, e não nas lojas.

A empresa espera que a nova modalidade atenda tanto empresas, quanto consumidores. Enquanto cria novas oportunidades para as dezenas de lojas parceiras, o Rappi Mall poderá atrair os clientes que não compram na internet devido ao tempo de entrega.

Comentários da Comunidade

3 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@ksio89

Se pra entregar produtos de estabelecimentos como o Carrefour na minha cidade, o Rappi cobra insanos R$ 11,50 de frete + taxa de serviço, imagine quanto não vai custar essa comodidade aí.

Participe da discussão