Início » Telecomunicações » TIM Black ganha planos com mais internet e roaming internacional

TIM Black ganha planos com mais internet e roaming internacional

Pós-pago TIM Black passa a acumular internet não utilizada no mês anterior, mas remove franquia de vídeos e acesso a Telegram

Lucas Braga Por

A TIM renovou o portfólio do pós-pago TIM Black, que agora conta com mais internet, roaming internacional em países das Américas e acúmulo de dados móveis não utilizados para o próximo mês. Os novos pacotes continuam com redes sociais ilimitadas, mas deixaram de incluir franquia exclusiva para serviços de streaming como nos planos anteriores.

Novos planos TIM Black

Esses são os novos planos:

Pacote de dados Acúmulo de internet Roaming internacional Américas Mensalidade
15 GB Não Não Com fidelidade: R$ 109,99
Sem fidelidade: R$ 129,99
20 GB Sim Sim Com fidelidade: R$ 124,99
Sem fidelidade: R$ 144,99
25 GB Sim Sim Com fidelidade: R$ 149,99
Sem fidelidade: R$ 169,99

Todas as opções incluem ligações à vontade para qualquer operadora (inclusive DDD), SMS à vontade e roaming nacional. O plano também inclui acesso ilimitado ao WhatsApp (exceto ligações), Facebook, Twitter e Instagram. Além disso, os clientes têm assinatura premium do Deezer com utilização sem descontar da franquia. A assinatura também inclui os aplicativos TIM Banca Virtual, TIM Segurança Digital e Skeelo.

Nos planos anteriores, o tráfego do Telegram, Waze e Easy não descontava da franquia principal, mas a TIM removeu os aplicativos no novo portfólio. Outra mudança importante é o fim da franquia para parceiros de vídeo: no formato antigo, quem contratava o pacote com 10 GB também tinha 10 GB extras para usar com Netflix, YouTube, Looke, Cartoon Network Já e Esporte Interativo Plus.

Uma vantagem do novo TIM Black é o acúmulo da franquia não utilizada para o mês seguinte, mas a mecânica só está presente nas opções com 20 GB ou mais. Outro destaque é que a mensalidade pode ser paga por boleto ou cartão de crédito. O portfólio anterior diferenciava quantidades, valores e benefícios de acordo com a forma de pagamento.

Detalhes do roaming internacional do TIM Black

Uma das vantagens do novo TIM Black é roaming internacional incluído. O serviço está disponível apenas nos planos de 20 GB e 25 GB, sendo possível usar o smartphone em viagens para a Argentina, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Estados Unidos, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Porto Rico, República Dominicana e Uruguai.

Ter roaming internacional incluído no plano de serviços é um excelente benefício, mas quem contratar o novo TIM Black precisa ficar atento aos detalhes: o pacote não contempla chamadas de voz ou SMS, ou seja, você continuará pagando a tarifa avulsa para fazer e receber ligações tradicionais. Na Argentina, por exemplo, o minuto custa R$ 2,49 (tanto para ligar quanto para receber) e o SMS enviado sai por R$ 0,89.

Outro ponto é que a TIM promete 20 GB ou 25 GB de internet no exterior, mas não é bem assim: quem contrata o plano de 20 GB tem direito a 30 diárias de 700 MB, enquanto o TIM Black de 25 GB possui o máximo de 800 MB por dia. Após o término do pacote de dados, a velocidade de navegação é reduzida para 128 kb/s até o próximo dia.

Roaming internacional na Claro, Vivo e Oi

Na concorrência, o pós-pago da Claro já inclui o Passaporte Américas desde a versão mais barata. O cliente utiliza a mesma franquia do plano brasileiro, sem limitação diária, além de poder fazer e receber ligações e SMS ilimitadas para números do Brasil ou do país de destino.

Já a Vivo inclui diárias de roaming em alguns de seus planos, sem limite de dias dependendo do pacote. O cliente tem entre 500 MB e 1 GB de internet por dia de acordo com o destino, além de 50 minutos para fazer ligações e recebimento ilimitado de chamadas. Nas opções com diárias ilimitadas para Américas, o serviço da Vivo funciona em qualquer país da região, enquanto Claro e TIM restringem o acesso apenas aos 18 países.

A Oi tem um único pós-pago com roaming internacional: por R$ 129,90, o cliente contrata o plano com 100 GB de internet e tem direito a 10 GB por mês para utilizar nos Estados Unidos (e apenas lá). Assim como a TIM, ligações são tarifadas à parte.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
9 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Flavio (@flaviost)

Disparadamente no quesito Roaming Internacional a Claro nada de braçada.

Jefferson Rodrigues (@Jefferson_Rodrigues)

Plano bosta! Pra mim, é indiferente mesmo! Não sou assinante nem pretendo assistir nunca.

² (@centauro)

Claro que é pensando no futuro, mas se tem uma coisa que pouco me chama a atenção nesse momento, com restrições de viagem pra tudo quanto é lado, é roaming internacional.

imhotep (@imhotep)

Com fidelidade é mais caro o plano?
Não era pra ser o contrário, @LucasBraga?

Anderson Antonio Santos Costa (@Anderson_Antonio_San)

A TIM está piorando os planos pós…
Até os planos pós da Vivo superam os da TIM em alguns itens. E os planos Controle da TIM pioraram também com a adição do C6 Bank…

Léo (@leo_oliveira)

Privilégios de ter operadora em praticamente todos os países das Américas

João Eduardo Medeiros (@joaomedeiros95)

Tenho o Passaporte Américas da Claro, entrei sorridente no post pra ver se o da TIM seria mais barato e com o mesmo nível de qualidade e me decepcionei, fico com a Claro por enquanto.