Início » Computador » Intel lançará GPU dedicada Xe-HPG para games em 2021

Intel lançará GPU dedicada Xe-HPG para games em 2021

Placas de vídeo Intel Xe-HPG contarão com ray tracing e memória GDDR6, mas só chegarão em algum momento de 2021

Emerson Alecrim Por

Quando o assunto é GPU para jogos, lembramos apenas de dois nomes: Nvidia e AMD. Mas, como você já deve saber, a Intel vem se preparando para ingressar de vez no mercado de placas de vídeo. Só é preciso ter um pouco mais de paciência: as GPUs Intel Xe-HPG de alto desempenho para games só chegarão em 2021.

Intel DG1 Xe

Se levarmos em conta que a Intel tem grandes planos para esse segmento, o novo prazo não é tão frustrante assim. Basicamente, a companhia direcionou a sua arquitetura gráfica a quatro projetos bem específicos:

  • Intel Xe-LP: GPU integrada para notebooks de baixo consumo;
  • Intel Xe-HP: arquitetura de alto desempenho para datacenters;
  • Intel Xe-HPC: arquitetura de alto desempenho para supercomputação;
  • Intel Xe-HPG: GPU dedicada voltada ao segmento gamer.

Existe ainda uma placa de vídeo batizada como Intel DG1 que tem o Xe-LP como base, mas que servirá para que desenvolvedores possam testar softwares, drivers e afins.

O que mais nos interessa é o projeto Xe-HPG (High Performance Gaming). Essa GPU foi confirmada nesta quinta-feira (13), na esteira do evento Intel Architecture Day 2020. Estamos falando, essencialmente, de uma placa de vídeo que combina as principais características das arquiteturas LP, HP e HPC para oferecer alto desempenho em jogos.

Intel Xe

Intel Xe

Os detalhes ainda são escassos, mas a Intel revelou que a Xe-HPG terá suporte a ray tracing e será baseada em memórias GDDR6. A placa já está em desenvolvimento, mas a sua produção deverá ser terceirizada: provavelmente, a TSMC assumirá esse trabalho.

Se esse projeto conseguirá fazer frente ao desempenho das GPUs Nvidia RTX e AMD Radeon, teremos que esperar para saber: a única informação concreta é a de que a Xe-HPG chegará em 2021, mas a Intel não forneceu uma data exata para o lançamento.

Isso não quer dizer que não haverá novidades em 2020. A companhia confirmou o anúncio dos processadores Tiger Lake (voltados a notebooks) para o início de setembro deste ano. Entre outras novidades, essa linha contará com processo de fabricação de 10 nanômetros e será a primeira a ter gráficos integrados Xe-LP.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
6 usuários participando