Início » Aplicativos e Software » Apple TV com tvOS 14 pode enfim tocar vídeos 4K do YouTube

Apple TV com tvOS 14 pode enfim tocar vídeos 4K do YouTube

Recurso era uma das promessas da nova versão do sistema, mas lançamento não trouxe suporte imediato

Ana Marques Por

O tvOS 14 animou muita gente com a possibilidade de reproduzir vídeos do YouTube em 4K – mas o sistema para Apple TV acabou sendo lançado sem suporte imediato ao recurso. Agora, algumas semanas após o lançamento, relatos indicam que a opção está começando a chegar para alguns usuários.

Apple TV 4K

De acordo com o FlatpanelsHD, alguns posts no Reddit são de usuários que afirmam ter visto a opção de reprodução em 4K no app do YouTube para tvOS 14, tvOS 14.0.1 e tvOS 14.2. No entanto, há limitações: o conteúdo em 4K alcança o máximo de 30 quadros por segundo. Além disso, não há suporte a HDR.

Ao que tudo indica, trata-se de uma versão de testes, já que mesmo tendo a versão mais recente do sistema e do aplicativo de streaming, muitos usuários ainda encontram a limitação de 1080p.

Apple TV 4K YouTube

Além disso, não está claro se a ausência de HDR será padrão, ou se é apenas uma condição inicial para a implementação do suporte aos vídeos com maior resolução.

Em sua página de suporte, o YouTube explica que utiliza o codec Vp9, e que a Apple TV de 5ª geração não é compatível com ele. A mesma resposta foi dada a um usuário no Twitter, mas o YouTube a apagou logo em seguida, prometendo suporte “em breve” – e isso já tem duas semanas.

Com informações: Mac Rumors

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
7 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Matheus Motta (@Matheus_Motta)

Não sabia que esse aparelho era tão atrasado

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

Não era culpa dele. O Google usa um codec que não era suportado e ela também não fazia questão de suportar os do iOS, então ficava essa lacuna.

Houve uma época lá pelos anos de 2016/17, que o YouTube no iOS suportava 4K, mas daí um belo dia o app atualizou e cortaram. Mais tarde fui descobrir que a Google mudou o codec e não deu mais suporte e a Apple tbm dava. Parece que esse ano as duas resolveram dar as mãos.

E como o TV OS é uma derivação do iOS, o mesmo se aplica.

Schio ☭ (@Sckillfer)

Atrasada é a Google que insiste no VP9, que tem um desempenho pior que o h.265 enquanto já tá pra ser lançado o h.266.

Mateus B. Cassiano (@mbc07)

Como sempre, a questão é dinheiro. VP9 é livre de royalties, YouTube inclusive já está testando o AV1 (também livre de royalties), mais um sinal de que não vão adotar o H.265 ou H.266 tão cedo…

@RODRIGO

O codec H.266 promete compressão sem perder a qualidade de resolução em até 50%, na comparação com seu antecessor – H.265!! Mais informações: https://tecnoblog.net/350691/h-266-novo-codec-compressao-video-4k-8k/

² (@centauro)

Nada disso importa se os custos de licenciamento forem altos demais.
O YT sempre foi conhecido por não dar lucro então se pra eles o custo de usar h265 ou h266 for maior do que o custo de usar um codec mais barato em troca de usar mais banda ou gastar desenvolver uma solução própria , eles provavelmente vão optar por isso e deixar o h265/h266 de lado, por mais eficiente que seja…