Anunciada ontem em uma coletiva pré-CES, o Ubuntu TV causou barulho mundo afora. Baseadoa no Linux, cheia de recursos, e distribuído de graça para os fabricantes, muita gente não vê a hora de botar as mãos em uma TV rodando esse sistema operacional. Mas… Por que esperar? Veja aqui como testar a interface do Ubuntu TV em poucos passos.

Antes de mais nada, os avisos de sempre: o Ubuntu TV ainda não foi lançado oficialmente e o código-fonte ainda vai passar por muitas modificações. Portanto, considere que estamos falando de um sistema saindo de alpha para beta, e que não deve ser usado em ambientes de produção. Crie uma máquina virtual e instale a partir daí.

O método recomendado pela Canonical para testar o Ubuntu TV é baixar o código-fonte e compilar na sua própria máquina, mas como nem todo mundo tem o tempo para isso, a coragem e a paciência necessária para compilar código, já existe um repositório que você pode adicionar ao Ubuntu e usar para instalar tudo a partir do apt-get.

Importante lembrar que esse repositório funciona apenas no Ubuntu 11.10, portanto trate de ter a instalação mais atualizada o possível antes de testar.

Prontos? Vamos lá. Primeiramente, abram o terminal e executem os comandos abaixo. Aqui você adiciona o repositório e instala os pacotes necessários:

sudo add-apt-repository ppa:nilarimogard/test3
sudo apt-get update && sudo apt-get install unity-2d
sudo apt-get install unity-lens-video

Como o Ubuntu TV não roda no Unity 2D (aliás, após instalar os pacotes o Unity 2D deixa de funcionar – você está em um ambiente de testes, certo?), abra o terminal no Unity e execute o comando abaixo:

unity-2d-shell --opengl

Pronto, você estará navegando pela interface do Ubuntu TV. Quando você se cansar, é só dar um Alt+Tab de volta para o terminal e matar o comando com CTRL+C (ou então encerrar o processo com um kill, se você gosta de resolver as coisas de forma mais brutal).

Alguns detalhes extras sobre o Ubuntu TV:

  • F1, F2 e F3 são atalhas para o lançador, a barra superior e a barra lateral, respectivamente;
  • Você precisa dos plugins gstreamer instalados para poder executar os vídeos;
  • O Ubuntu TV foi desenhado pensando em TVs FullHD. Em resoluções menores que 1080p, o layout vai ficar esquisito;

Além disso, se você quiser que seus próprios filmes apareçam na interface, é necessário copiá-los para as pastas abaixo:

  • ~/Videos/unity/local/featured
  • ~/Videos/unity/local/rented
  • ~/Videos/unity/local/purchased
  • ~/Videos/unity/local/recorded

Depois disso, execute o comando abaixo para gerar as miniaturas dos vídeos:

/usr/lib/unity-lens-video/create_tmb.sh ~/Videos/

Aos que testarem, não deixem de dizer nos comentários o que vocês acharam do Ubuntu TV. (Spoiler: sim, é impressionante)

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Forbidden_404
Agora a Ubuntu TV não terá mais Unity 2D, com o uso do lmvpipe (ou algo assim), eles estão portando totalmente pra Unity 3D
YanGM
Ajeitei isso a um tempo atrás, mania de culpar o notebook por tudo, era na TV mesmo.
Alessandro
Amigo... procura a configuração correta na sua tv. Na minha lg acontecia isso. Provavelmente na sua sony vc tenha a opção de escolher os modos de imagem em 16.9, 4.3 e etc. Eu selecionei a opção JUST SCAN (na sony deve ser outro nome) e aí ficou bem certinha a imagem. Abraços!
Marcos Silva
Quando estiver tempo eu intalo o Ubuntu muito lega design inovador e um pouco melhor q o Windows 8 que esta preste a se lançado
Guilherme
Vou criar a maquina virtual e testar agora
Marcus VBP
Isso mesmo, confundi tudo aqui.. valeu pela correção.
@HelderLima
A interface é bonita, mas até ai XBMC pode ser totalmente customizado. Dúvido que empresas disponibilizem isso em suas TVs, visto que o Google que tem muito mais poder e influência no mercado ainda não emplacou o Google TV. Samsung e LG já tem seus sistemas e na CES 2012 apresentaram diversas melhorias, inclusive a capacidade de se rodar diversos formatos de vídeo, audio e imagem (algo que era limitado até então), faltando apenas uma loja de aluguel e compras de vídeos para se tornar um "Ubuntu TV proprietário". Sinceramente? O final do Ubuntu TV vai ser o mesmo do Boxee, alguém vai criar um set-top box e embarcar o sistema nele, depois de alguns anos o projeto (instalador para Linux) irá a falência, mas vão mantê-lo única e exclusivamente para o set-top box. Aposto R$ 50,00, quem topa a aposta? :)
~le Vinni
Justamente quando eu tô usando o Debian me aparece novidades no Ubuntu e no mint. Eu ~çofro~
Henrique Pinheiro
Vdd, <3 dead pixels <3
Scheldon
Se eu não me engano já tem uns programas no market que fazem isso, só não sei se eles funcionam com o UTV, mas a canonical já deve estar desenvolvendo seu próprio aplicativo.
Scheldon
Preciso de uma teve de plasma urgente.
Renatocookie
Eu vou esperar a nova versão do ubuntu 12.04! Mal posso esperar pra lançar a versão oficial.
Ramon Melo
Tenho a impressão de que a LG prefere fazer você comprar uma TV nova... Mas claro que sempre existem os set-top boxes, que a "transforma" numa Ubuntu TV.
@denisfalqueto
Você não precisa do sudo prá copiar um arquivo pra sua pasta pessoal (note o ~ no início do destino). E acredito que a opção que você queria usar é o -s, que cria um link simbólico. Você também pode criar um link normal, se o arquivo de origem estiver na mesma unidade física do destino.
eltiene
\o/ testar assim que reinstalar o UBUNTO
Exibir mais comentários