Pix bate novo recorde de transações um mês depois de passar de 120 milhões de transferências

Método de pagamento “xodó” dos brasileiros atingiu nova marca superior a 124 milhões de transações; resultado chega um mês depois de recorde anterior

Felipe Freitas
Por
Logotipo do Pix
Pix bate novo recorde de transações diárias (Imagem: Vitor Pádua / Tecnoblog)

Dizer que o Pix é o método de pagamento mais querido do Brasil é “chover no molhado”. Ainda assim, a sua aceitação no país continua impressionando. O Pix bateu um novo recorde de transações realizadas em um único dia na última terça-feira (6).

O novo número vem um mês e três dias depois do último recorde, quando também passou de 124 milhões de transações. Porém, dessa vez, o dia 6 de junho registrou um total de 124.707.739 “pix feitos” — pouco mais de 400 mil transações do que foi realizado no dia 5 de maio. O novo recorde é ainda mais impressivo quando comparamos o contexto das duas datas.

Pix bate recorde de transações sem datas comemorativas próximas

Esse novo recorde do Pix acontece longe distante de datas comemorativas, um fator que costuma alavancar a quantidade do “aceitas Pix” e “faz um pix”. É muito comum que o Pix registre grandes números de transações nos “arredores” do quinto dia útil mês, quando os salários costumam ser transferidos e contas costumam vencer.

Quando tivemos o recorde de maio, o Dia das Mães estava batendo à porta e próximo do dia 5. A “tempestade perfeita” do mês passado, formada pela combinação de salário a receber e presente para dar, fez o Pix passar de 120 milhões de transações. Sem uma data comemorativa nas “proximidades”, apenas um feriadão, o novo recorde impressiona.

Pix passou novamente de 124 milhões de transações diárias (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)
Pix passou novamente de 124 milhões de transações diárias (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)

E o desempenho tão rápido para bater o recorde, pouco mais de um mês, deixa maior a expectativa do Pix para agosto. No mês do Dia dos Pais, o quinto dia útil do mês será na segunda semana, antes da data comemorativa.

A combinação de datas de agosto se assemelha que aconteceu em maio. Todavia, as Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo dos últimos anos mostram que o Dia das Mães movimenta muito dinheiro do que o Dia dos Pais. A certeza mesmo é que o Pix continuará desbancando os métodos “velhos” de transferência de dinheiro.

Receba mais sobre Pix na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Felipe Freitas

Felipe Freitas

Repórter

Felipe Freitas é jornalista graduado pela UFSC, interessado em tecnologia e suas aplicações para um mundo melhor. Na cobertura tech desde 2021 e micreiro desde 1998, quando seu pai trouxe um PC para casa pela primeira vez. Passou pelo Adrenaline/Mundo Conectado. Participou da confecção de reviews de smartphones e outros aparelhos.

Canal Exclusivo

Relacionados